Observatório Alviverde

30/10/2012

O PALMEIRAS ACIONOU O STJD E DEVE PERDER, MAS, POR QUE NÃO GANHAR TEMPO E PREPARAR O RECURSO À FIFA?



A crônica esportiva paulistana, outrora a melhor, paradigma nacional, patrimônio cultural do povo brasileiro, transfigurou-se por completo, em infeliz metamorfose.

Sem qualquer dúvida é, hoje, a píor do país, antro de uma gentalha jornalistica desqualificada, moralmente impedida para o nobilitante exercício do jornalismo esportivo, ressalvadas mínimas exceções.

Os eventos ocorridos com o Palmeiras neste campeonato, colocando o clube como vítima indefesa da maior roubalheira perpetrada em toda a história dos Brasileiros, fazem emergir as verdades e revelam a verdadeira face de uma classe em maioria formada por indivíduos arrogantes, prepotentes, facciosos, subservientes, despudorados, claramente a serviço dos três outros grandes clubes do futebol bandeirante!

No episódio lamentável de sábado passado em Porto Alegre, a mídia expôs, mais uma vez, a sua carantonha desavergonhada, pintada de facciosismo, irresponsabilidade, desonestidade e omissão

Não foi essa a única vez em que esse tipo de fato ocorreu em prejuizo do Palmeiras. Quem não se lembra do gol irregular de Edmundo que um repórter corintiano do Sportv anulou?

Por que nunca procederam dessa forma em jogos do Santos, SP ou CU-ríntia? 
A decisão tecnológica de lances, vetada e proibida pela FIFA foi praticada por repórteres indiscretos, mentores de uma situação inusitada, como se um ilícito justificasse outro,

Na justiça comum, se alguém perde o prazo, perde a ação independentemente de ter razão. 

Algo similar ocorreu em Porto Alegre pois não é permitida pela entidade maior do futebol mundial a decisão por televisão ou por qualquer recurso eletrônico.

Se o árbitro não viu, se o bandeira não viu, se o árbitro atrás do gol não viu, se ninguém viu, e quem viu conseguiu ver somente através das câmeras no replay,  o gol teria de ser validado, até porque ficou provado de que foi precedido pelo cometimento de um pênalti de Indio em Barcos, 

Se repórteres traiçoeiros, convenientes, desprovidos de hombridade alegam, mentirosamente, que a informação não partiu deles, porque, então, não apontam quem o fez?

Seria pelos mesmos motivos que não vêm registrando os descalabros sistemáticos das arbitragens, autênticos roubos a mão armada contra o Palmeiras desde o início do campeonato?

E Indio segurando Barcos, ninguém da mídia viu? 

Por que não evitam e sequer tocam nesse assunto?

Por que os poucos que ensaiam falar do lance (descarados, filhos de uma mãe com vários pais) alegam que se todos os agarrões fossem marcados ia ter pênalti a toda hora. Como são canalhas!

Mas não é assim que teria de ser, houvesse seriedade e a lei fosse aplicada?

Parafreaseando o mestre Armando Nogueira, "onde estão as palavras, eu que vivo delas" que tenham o poder de definir a ignominiosa atuação midiática e caracterizar a ação de tanta gente baixa, indigna e despreparada?

Como fazer cegos enxergar, como exigir sensibilidade de certos bandidos da pena, dos microfones e das câmeras, que jamais na vida tiveram pundonor, ética ou limites quando se trata de defender os interesses de seus clubes de coração ou de atirar aos leões os clubes que odeiam?    

Saliente-se que os cabeçudos da mídia são obstinados e não se rendem NUNCA a nenhum argumento, por mais sólido e real que seja, quando o assunto é esconder, dissimular ou mimetizar os erros de arbitragem prá lá de grosseiros, maldosos e intencionais cometidos contra o Verdão.

Nem expostos à realidade fria e verdadeira de imagens cristalinas eles se submetem, agindo sempre de forma desleal e covarde contra o Palmeiras, como na fábula do lobo e do cordeiro: 

"se não foi você, Palmeiras,  quem turvou a  minha transmissão, foi Tirone, Belluzzo, Felipão, Frizzo, Dudu, Ademir da Guia, Kleina, Rodinaldo, Bizu, a Mancha a TUP ou um torcedor qualquer ... por isso, vamos devorá-lo"

A grande maioria desses "grandes homens", anões na  personalidade e na conduta, passa a impressão de que trabalha a soldo, não dos veículos de comunicação que os empregam mas dos clubes pelos quais torcem, fidelíssimos docentes das duas escolas do pior jornalismo que se pratica no Brasil, a do histrião Neves ou a do dissimulado Juca. 

Tudo o que se vê por aí, é, simplesmente, efeito, mera consequência!

Será que os demais indivíduos da mídia não conseguem se dar conta do papel ridículo, estapafúrdio, canalha e marginal, que estão desempenhando?

Será que desconhecem que, mais do que isso,  desmoralizam-se completamentre em teatralizações e armações grosseiras que fogem, completamente, aos limites do bom-senso, da ética e da razão? 

Sei que poderia escrever latifúndios de críticas contra uma classe decadente e que não se (auto)respeita. 

Querem um exemplo?

A cada dia, vergonhosamente, os profissionais vão perdendo, SEM REAGIR,  os seus postos de trabalho para ex-jogadores, a maioria analfabetos funcionais, recrutados pelos veículos em que trabalham principalmente, entre ex-jogadores do Flamengo, dos mbis e do CU-ríntia! Por que será que ex jogador do Palmeiras nunca serve?

Para mim, nenhum desses néo-comentaristas, ainda que fossem recrutados junto ao Palmeiras, vale nada, do ponto de vista artístico. Não escapa um.

Aliás, pirata, hoje, não é somente o Barcos, mas essa horda de corsários intrusos, bárbaros, verdadeiros hunos, invasores da profissão, completamente sem instrução, que não sabem fazer um "O" com o copo ou com o compasso e que, perdão, em vez de colocar o cu no assento, colocam acento no cu!

O pior é que os próprios pelegões da classe, normalmente ex-jornalistas em atividade que comandam, hoje as redações, superadíssimos, complexadíssimos, profissionais que, lamentavelmente, detêm e exercem os poderes, fazem questão de contratar alienígenas, contribuindo, substancialmente, para a degradação da função e para o aumento do desemprego na classe.

É nas mãos dos novos"ungidos" sub-produtos da história recente do futebol, que estamos entregues, desses que como Muller, Neto, Casagrande, Júnior e o vaselina Caio  fazem os nossos ouvidos de penicos e são aplaudidos pelos coleguinhas, que não os toleram mas que tudo engolem com medo de perder o emprego.
  
Por isso, repito, rogo e peço que todos passem à frente o que vou dizer:

Na hipótese cada vez mais próxima de o Palmeiras ser rebaixado, 

QUE NENHUM PALMEIRENSE COMPRE O PACOTE DA SEGUNDA DIVISÃO, SOB PENA MORAL DE SER UM QUINTA-COLUNA 

QUE CANCELE IMEDIATAMENTE A ASSINATURA DA SÉRIE A DE 2013.

A rede Globo tem de sentir na pele as consequencias das atitudes levianas e irracionais de seus narradores, comentaristas e repórteres e pagar caro por sua obsessão de levar o Palmeiras à série B.

Será que o senhor Ali Kamel e os irmãos Marinho(s) sabem do escândalo e da perseguição explícita ao Palmeiras por parte do esporte da emissora há anos? Ou eles pouco se importam com isso?

Aliás, com a Copa próxima, cuja sede será o Brasil, com a decadência profissional visível daqueles que não têm humildade e dignidade  para se aposentar e passar o bastão aos mais novos, não seria interessante, salutar e oxigenadora, uma reforma completa na equipe esportiva global

O Palmeiras não pode se omitir e nem deixar barato o desafio!

Através do atual presidente e dos candidatos ao pleito que se aproxima, tem de começar. incontinenti, a despejar fél no cálice global caso a alta direção da emissora recusar-se a intervir e colocar um paradeiro no patrulhamento repulsivo e na perseguição ideológica sistemática ao clube.

O primeiro passo seria um mutirão junto às grandes empresas e agências de publicidade que têm à frente torcedores palmeirenses, sugerindo-lhes para que não anunciem nessa rede, sustentada, há anos, pelo abuso do poder econômico decorrente da compra exclusiva de eventos que nem sempre leva ao ar,  e  por uma fantasia que atende pelo nome de IBOPE. .

É preciso mostrar aos anunciantes palmeirenses e ao Brasil o papel ridículo a que se presta a Rede Globo de televisão que tem como seguidoras a Band, a Folha, a Jovem Pan e outros veículos que gostaram do mote e também movem perseguição jornalística interminável contra o verdão, constituindo um verdadeiro cartel de
críticas, factóides, difamação e desinformação.

Leiam o livro do Boni quando ele citou a má audiência da rede Globo em seus primórdios e foi visitar um dos antigos sócios do IBOPE para saber o que estava acontecendo e se aconselhar (?) com ele. 

Por favor, façam as suas deduções "lendo nas entrelinhas". Pelo que pude perceber, só faltou afirmar que havia um esquema ligando as empresas!

Há anos é assim que funciona : "o truste da informação sustenta o truste da comunicação e vice-versa"!

Então vocês acreditam que a Olimpiada só dá grandes picos de audiência se mostrada na Globo? Na Record não? "Me" engana que eu gosto!

O Palmeiras deveria negar aos canais globais a cobertura dos jogos que vão inaugurar Arena, passando-os para a Record,  SBT ou qualquer outro que não seja a BAND(ida).

Aliás, falamos muito da Globo e deixamos de lado a sua parceira, a Band que, segundo quem estava em Porto Alegre, foram os seus repórteres (?)  que deduraram o gol de mão.

De passagem, vamos deixar claro que todos da Globo, da Band, da Pan, viram o gol de mão, mas, curiosamente, coincidentemente, ninguém enxergou o lance precedente quando, com a bola viajando, Indio segurou Barcos pelo ombro impedidndo-o de cabecear.

dizíamos no interior em tempos que transcendem as atuais gerações que penalti e gol, o "juiz" tem de dar gol e ponto. Essa faceta da regra jamais se alterou.

Sob esse aspecto, absolutamente lógico, o juiz, primeiro, acertou e, em seguida, "maria vai com os outras", acabou errando fragorosamente. 

Aliás, a comissão de arbitragem vai enquadrar o árbitro por ter recorrido à tecnologia e a palpites exógenos como o do representante que exorbitou de suas funções para tomar a decisão, contrariando às recomendações da Fifa?

A Band é outro canal inimigo do Palmeiras, posto que, por opção de diretoria é o canal oficial do CU-rintia , o que o torna tão faccioso quanto a Globo e, às vezes, muito mais.

As duas redes, Globo e Band, agora que praticamente conseguiram consumar os seus inconfessáveis intentos de rebaixar o Palmeiras na marra, querem dourar a pílula, procurando fazer média com o clube e com a torcida

Para quem conhece esse baralho, não passa de pura conveniência e de indisfarçável hipocrisia.

o assisti aos programas da noite e não sei o que falaram, mas estejam cientes de que vão desancar o Palmeiras, vão falar naquilo que jamais tiveram, moral, dignidade, no politicamente correti  e em outras balelas com o fito de desmoralizar quaisquer argumentos pró Palmeiras.

Se alguém falou a favor foi algum "pau-mandado", a fim de  dissimular os verdadeiros intentos daqueles que se aproveitaram para dar a pancada mortal e que, agora, convenientemente, covardemente escondem a mão.

Tá feliz, Arnaldo, você que nos surrupiou na mão grande o título de 78? Você deveria sentir-se moralmente impedido de comentar arbitragem nos jogos do Palmeiras!

Agora, que a procissão passou, não adianta tirar o chapéu, como você fez sábado passado, imaginando que, com isso, a torcida do Palmeiras irá perdoá-lo ou esquecê-lo

Ledo engano! Você é um grande inimigo!

QUEM QUISER E TIVER ESTÔMAGO PARA TAL

COMENTE! 

19 Comentários:

  • Às 30 de outubro de 2012 02:54 , Blogger Luiz Souza disse...

    Jamais poderemos nos esquecer do elemento de nome Carlos Cereto, que também anulou um gol nosso em situação similar. Bateu para o repórter de campo, que avisou o auxiliar e este anulou o gol de mão do Edmundo num Mogi Mirim 2 x 2 Palmeiras.

    Em 91, num jogo decisivo para o Palmeiras conseguir a classificação ao octogonal do Brasileiro, o árbitro fez o mesmo. Os jogadores do Náutico pressionaram-no e o soprador de apito voltou atrás em nosso tento de empate. Perdemos o jogo, o moral e a classificação.

     
  • Às 30 de outubro de 2012 10:42 , Anonymous Anônimo disse...

    Se alguém quiser participar...

    http://iratusporcum.blogspot.com.br/

     
  • Às 30 de outubro de 2012 11:17 , Anonymous Anônimo disse...

    (O mais grave no final)

    Registro do que vi ontem na TV:

    Postura lamentável dos “profissionais” de imprensa tanto do Sportv (Mui Amigos) quanto do Linha de Passe da ESPN. Comportamento oportunista, sujo, demagogo e hipócrita de todos eles, incluindo o gordo do Fantástico e o “pai da ética” seo Kfuro, o jornalista mais nocivo desse país.

    Tiraram sarro do Palmeiras, invertendo valores, escondendo e manipulando fatos.

    O gordo do Fantástico ria abertamente comportando-se como torcedor e esquecendo que estava ali como membro do Comitê Brasileiro para a Copa 2014, portanto na condição de dirigente.

    A Globo/Sportv mostrou claramente a estratégia de desmoralização pública do Palmeiras para que no julgamento a “opinião pública” se coloque contra a pretensão palmeirense de fazer valer a lei vigente, o que daria amplas condições para o STJD rejeitar o pedido sem ter que dar muitas explicações ou bases legais para definir o processo.

    O Kfuro, que vibra com as vitórias do time da marginal, conquistadas como todos sabem, dizendo com sua ironia tradicional sobre torcedores que elogiam Joaquim Barbosa pedirem a vitória de seu time com gol de mão!!!

    Jornalisticamente, todas as irregularidades do lance deveriam ser citadas, pois até o jogador Barcos se manifestou a respeito em entrevista coletiva. A questão da interferência externa deveria ser o ponto principal, mas não foi e tudo foi desviado para atacar a condição moral do Palmeiras, ataque feito por pessoas sem nenhuma moral e que trabalham abertamente para o clube mais sem moral desse país.

    PVC, como sempre foi um covarde levando para o lado de que a justiça foi feita mesmo por “meios tortos” e como jornalista também ignorou que houve a penalidade não a citando, mesmo ela tendo se tornado um fato jornalístico com a entrevista do Barcos.

    Esqueceu-se o covarde PVC que não tivemos por “meios tortos” nesse campeonato a reparação de nenhum assalto que sofremos!

    Não se discutiu que está em jogo a condição do Palmeiras de ser tratado como um lixo do futebol, não haver respeito ao clube, a lei ser burlada para prejudicá-lo e não um lance específico de uma partida. Por incompetência ou por má fé, ou pelo dois, não se tratou na TV o problema dessa forma.

    Entre todas as aparições a que me deixou mais preocupado foi a calma e a frieza do Sr. Arnaldo César Coelho no momento dos palpites sobre quem cai ter apostado com tanta convicção na queda do Palmeiras. Segundo os comentários ele tinha sido o único integrante do programa que na semana passada teve esse “palpite” após a nossa vitória sobre o Cruzeiro. Arnaldo conhece tudo sobre os árbitros e sobre as arbitragens e o “palpite” dele deve preocupar demais, especialmente agora que os árbitros saíram do armário com declarações públicas do Sindicato e do Comandante da Arbitragem da CBF.

    Para completar e mostrar o comportamento oportunista do Sr. Galvão Bueno e terminou o programa convocando uma pesquisa para averiguar se o Barcos ainda poderia ser punido.

     
  • Às 30 de outubro de 2012 12:12 , Anonymous VICTOR TREDENSKI disse...

    RONALDO TIRANDO SARRO DO PALMEIRAS?????

    ANONIMO E DEMAIS PALMEIRENSES QUE FICARAM REVOLTADOS COM O SEISMILHÃO: NÃO ESQUENTE A CABEÇA


    É MELHOR CAIR PRA SEGUNDA DIVISÃO DO QUE SAIR COM ''MULHER DE SACO'' E DEPOIS DIZER QUE ESTAVA BEBADO

    HAHAHAAHAHA......ELE DEU O ''ZERO'' DELE E CULPOU A PINGA

    QUEM MORAL TEM DE NOS ZUAR????

    NÃO ESQUENTEM A PESTANA


     
  • Às 30 de outubro de 2012 12:56 , Anonymous Menegon disse...

    Paulinho, a diretoria do Palmeiras é medieval e amadora – FATO.
    A imprensa quer ser moralista e cheia de etca, mas não demonstraram isso qdo L.Fabuloso usou a mão para fazer gol na ultima copa, ou qdo Tulio usou o braço contra a Argentina, ou até mesmo Nilton Santos qdo deu um passinho para fora da area em um jogo de 1958. Todos foram elogiados com a famosa malandragem brasileira e aclamados como espertalhoes……se esse gol tivesse sido convertido por Ronaldo Baleia, Neimar, Adriano..ha sim…seriam elogiados…Alguem aqui se lembra do gol de mão do Adriano no Morumbi pelo São Paulo??Aquele juizinho dissse que não teve intenção…e por aí vai...

     
  • Às 30 de outubro de 2012 13:22 , Anonymous Mestre dos Magos disse...

    AO REPORTER JOSÉ EDUARDO DO ESPORTE LEGAL DA GLOBOESPORTE

    É José Eduardo.

    A polêmica do Palmeiras sempre é mais prazeroza de comentar né?

    E os jogos remarcados de 2005 no caso Sveitão?

    E o pênalti não marcado no jogador do Internacional e inclusive com expulsão do mesmo no jogo contra o corinthians?

    E o gol de mão do Adriano contra o Palmeiras?

    Nada disso teve a repercursão que teve esse jogo do Palmeiras, que teve interferência externa direta no resultado da partida.

    Senhor José, só os erros do Palmeiras é que são imorais?

    Só o Palmeiras merece tanto repúdio num momento em que, nos erros que citei acima, não teve interferência externa?

    O Sveitão foi arrumado e o senhor sabe.

    Os roubos ou erros de arbitragem acima comentados foram dentro de campo.

    Mas este do Palmerias é erro de interferência externa, na qual poderia ter determinado o resultado final da partida em empate.

    Se tevessem 5x1 para o Internacional, tudo bem, não há de se falar em prejuízo, pois não mudaria o resultado da partida, mas este erro por interferência externa prejudicou o time.

    Entenda isso José.

    Indio fez pênalti na hora que a bola estava no ar, antes do toque na mão.

    Se Indio não segurasse, Barcos faria o gol de cabeça.

    Foi segurado, não marcaram o pênalti e ainda anularam MAS com interferência externa.

    Agora sim podemos falar em moralidade.

     
  • Às 30 de outubro de 2012 13:33 , Anonymous Sérgio de Mauro disse...

    Apesar de muito bom o texto, é difícil lê-lo até o fim sem ter náuseas e revolta, tantas as verdades desfiladas ao longo das linhas.
    O Palmeiras está só. Ou melhor, o time e os torcedores estão sós, pois nem com os dirigentes podem contar.

     
  • Às 30 de outubro de 2012 14:31 , Anonymous Mestre dos Magos disse...

    FOI 5 MILHÕES DE EUROS

    ONDE FOI PARAR ESSE DINHEIRO?

    Kleber Gladiador na mira do futebol árabe para 2013

    Direção do Grêmio nega informação, mas grupo de empresários pode
    comprar os direitos atleta e repassar ao futebol árabe

    Kleber tem contrato com o Grêmio até 2017.

    Principal atacante do Grêmio, ao lado de Marcelo Moreno, Kleber Gladiador, com mais de 30 partidas pelo clube gaúcho e seis gols na Série A do Campeonato Brasileiro, está na mira do futebol árabe para a próxima temporada.

    Com contrato no Grêmio até 2017, o jogador veio ao clube por intermédio do presidente Paulo Odone, que intermediou a negociação e o contratou, junto ao Palmeiras, por 5 milhões de euros em duas parcelas de 2,5 milhões.

    O Grêmio detém 100% dos direitos federativos e 50% dos direitos econômicos de Kleber. Os outros 50% dos direitos econômicos pertencem ao Cruzeiro.


    Segundo informações apuradas pelo FutebolGaúcho.com, um grupo de empresários pode oferecer 5 milhões de euros, a vista, ao Grêmio. Mesmo valor que o clube gaúcho pagou para ter Kléber, no ano passado.

    A direção do Grêmio desmente a informação de qualquer interesse e ressalta que o atacante está focado para a reta final da Série A e da Copa Sul-Americana.

     
  • Às 30 de outubro de 2012 14:41 , Anonymous VICTOR TREDENSKI disse...

    OUVI RUMORES QUE ONTEM NO PROGRAMETE DO BOSTÃO BUEIRO, O ESPANCADOR DE ESPOSAS (NÉ LONDRINA, AJUDA AI), RONALDO SEISMILHÃO DISSE QUE ''ATÉ MANGA CAI'' EM ALUSÃO A SITUAÇÃO CAÓTICA DO PALMEIRAS

    OUVI RUMORES QUE TODOS OS PARTICIPANTES RIRAM DA PIADA, COMO FORMA DE ESCÁRNIO E DESPREZO AO PALMEIRAS

    GOSTARIA DE SABER SE FOSSE AO CONTRARIO, SE TIVESSE UM JOGADOR DO PALMEIRAS ZOANDO O CURINTIA

    ALEGARIAM SEM A MENOR SOMBRA DE DUVIDA QUE ESSE TAL JOGADOR PALMEIRENSE ESTARIA PROVOCANDO A IRA DA TORCIDA, PROMOVENDO A VIOLENCIA ENTRE TORCIDAS E O ESCAMBAU

    POIS BEM, JA QUE RONALDO SEISMILHÃO CITOU QUE ''ATÉ MANGA CAI'' E DEU UMA DE ENGRAÇADINHO, QUE TAL ELE EXPLICAR O CASO DE 2008, ONDE UMA MANDIOCA COM DUAS BOLAS EMBAIXO CAIU EM CIMA DELE (OU POR CIMA DELE, OU POR TRAS DELE, OU NA BOCA DELE, OU NO ''ZERÃO'' DELE....VAI SABER)

    AH É, ME ESQUECI.....CULPOU A PINGA, SEU ''ESTAFE'' DEVE TER JOGADO UMA GRANA PRETA PRA ''MULHER DE SACO''FICAR QUIETINHA E DEPOIS FOI A REDE ESGOTO TODO DODÓI PEDIR AJUDA AO FANTASTICO PARA EXPLICAR

    ''ATÉ MANGA CAI''

    COMO VÃO AS BANANAS , SEISMILHÃO???


     
  • Às 30 de outubro de 2012 19:11 , Anonymous AME O PALMEIRAS disse...

    Não entendo porque tanto desespero se cair para a segunda divisão. Justo vcs que são "contra" a mídia. A mídia quer vender esse desespero de segunda divisão e quem embarca nesse desepero não AMA o Palmeiras.
    Não tem problema nenhum cair, o Palmeiras continuará existindo do mesmo jeito e nós continuaremos a torcer do mesmo jeito também. Portanto não fomentem esse desespero que a midia quer passar e aceitem com naturalidade a inevitável queda. sejam maduros e conscientes e AMEM O PALMEIRAS !

     
  • Às 30 de outubro de 2012 19:48 , Anonymous Edson disse...

    http://www.verdazzo.com.br/verdazzo/metamorfose-ambulante

    Esse é..... JUCA!!!!

     
  • Às 31 de outubro de 2012 07:35 , Anonymous Anônimo disse...

    Não se trata de desespero em relação a cair para a segunda divisão, mas lutar enquanto há tempo para que o trabalho sujo da CBF e da imprensa, especialmente da Globo e seus tentáculos não se concretize.

    O torcedor não é contra ninguém que seja correto, honesto é sério em relação ao seu clube. Se a mídia adquiriu essa posição antagônica foi pela sua atuação parcial e desonesta para com o clube e seus torcedores.

     
  • Às 31 de outubro de 2012 07:52 , Anonymous Anônimo disse...

    Parte da imprensa se mostrou tanta má fé em relação ao Palmeiras que força de todas as maneiras a situação para que o público classifique a indignação palmeirense como a defesa da validação de um gol feito com a mão.

    Qualquer pessoa que não tenha problemas mentais percebe que a posição do Palmeiras é a defesa da igualdade de condições e da não aplicação de recursos ilegais, pois nas inúmeras vezes em que o time foi lesado, não apareceu jornalista ou delegado de federação para apontar os prejuízos contra o clube.

    Caso fossem profissionais de verdade e não torcedores com microfone ou teclado, constatariam que os problemas enfrentados pelo Palmeiras neste campeonato vão muito além da partida em Porto Alegre. Em Porto Alegre tivemos a cereja do bolo.

    Quando o Presidente do Sindicato dos Árbitros e o Presidente da Comissão de Arbitragem viessem com discursos hipócritas atacando a honra do clube, uma imprensa profissional questionaria os repetitivos e suspeitos problemas que os árbitros causaram ao Palmeiras neste campeonato.

    Além de tudo, o fato que mais alerta para o comportamento desleal de boa parte dos jornalistas é que se a interferência externa fosse prevista em lei, nesse lance do jogo com o Internacional, ela deveria apontar a infração penal cometida, da mesma forma que denunciaria o toque de mão.

    Falam tanto em ética, em moral, mas não éticos e não são morais quando ignoram propositadamente a infração que beneficiaria o Palmeiras.

    Pior ainda, passam as imagens e se comportam como se a infração do zagueiro não estivesse nelas e sempre terminam forçando os comentários em cima da atitude do jogador palmeirense.

    Quem é o imoral e quem não tem ética?

     
  • Às 31 de outubro de 2012 09:03 , Anonymous Anônimo disse...

    PROCURADOR DO STJD QUE ALEGA DESCONHECER A PROIBIÇÃO DA FIFA SOBRE A INTERFERÊNCIA EXTERNA EM UMA PARTIDA DE FUTEBOL NÃO TEM COMPETÊNCIA TÉCNICA PARA EXERCER O CARGO.

     
  • Às 31 de outubro de 2012 09:29 , Anonymous Anônimo disse...

    José Roberto Wright
    Ex-árbitro e membro da comissão de arbitragem da Fifa por 17 anos

    Instrutores abusam da teoria. Falta prática

    O árbitro tem de ter capacidade para ver o lance e tomar a melhor decisão. O quarto árbitro, por exemplo, é o que menos tem condições de decidir algo.

    Ele já tem de cuidar dos treinadores e dos bancos de reservas. Já os auxiliares que ficam atrás dos gols não têm a noção exata do que acontece em campo. O lance do gol de mão do Barcos, por exemplo, era todo do árbitro e, pela distância do quatro árbitro, que não poderia ter visto nada, com certeza houve uma ajuda externa.

    "COM CERTEZA HOUVE UMA AJUDA EXTERNA"

    O que está faltando não somente no Brasil, mas no mundo inteiro, são instrutores que sejam mais práticos e menos teóricos.


     
  • Às 31 de outubro de 2012 09:34 , Anonymous Anônimo disse...

    A revolta da imprensa contra o Palmeiras nesse caso da denuncia sobre ajuda externa é porque revelou-se um procedimento que já é praticado há muito tempo. As suspeitas sobre interferência da imprensa durante os jogos foram confirmadas com esse caso.

     
  • Às 31 de outubro de 2012 09:59 , Anonymous Mestre dos Magos disse...

    PODERIA SER ASSIM O JULGAMENTO

    O procedimento correto é voltar o jogo até o momento do gol, dando pênalti de Índio sobre Barcos. Se o Palmeiras fizer, segue o jogo até os 45 minutos e que ganhe o melhor em campo, sem ajuda externa. Tudo isso ocorreu por causa do pênalti que Índio fez em Barcos e não foi marcado.

    A influência externa veio depois de não marcar o pênalti e na mesma jogada ter saído o gol de mão do desequilibrado atacante. Bola na mão, sem intenção, por desiquilíbrio após agarrão de Índio.

     
  • Às 31 de outubro de 2012 10:48 , Anonymous Ségrio de Mauro disse...

    Anônimo:
    A revolta da imprensa contra o Palmeiras nesse caso da denúncia sobre ajuda externa é porque... O Palmeiras é que foi prejudicado. Se a denúncia externa favorecesse o Palmeiras, clamariam até ao Papa pelo estrito cumprimento das regras do jogo.
    Só isso.

     
  • Às 31 de outubro de 2012 12:57 , Anonymous Anônimo disse...

    http://blogdaclorofila.sopalmeiras.com/o-velho-e-manjado-enganation/#disqus_thread

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial