Observatório Alviverde

14/06/2016

TRIBUNAL DE EXCEÇÃO ESSE QUE JULGA O FUTEBOL!



Lixo, dejeto, porcaria. É assim que defino o tribunal judicante do futebol brasileiro com sede em local impróprio, Rio de Janeiro, quando deveria estar em Brasília, a capital federal. 

A atitude esdrúxula e incompreensível do colendo em relação ao Flamengo x Palmeiras em Brasília, evidencia bem o caráter faccioso de suas decisões a julgarmos pelo beneplácito com que julga os times cariocas, o SPFC e o Corinthians e o rigor com que sempre castiga a SE Palmeiras.

Culpa, novamente, dos arrogantes dirigentes palmeirenses do passado, cidadãos -com exceções- de nariz empinado, orgulhosos, arrogantes, jactanciosos, presunços, mas "bobões" pois sempre acreditaram que os campeonatos são decididos nos estritos limites de um campo de futebol.  

Enquanto esses inocentes dirigentes tanto e quanto os "castos" torcedores palmeirenses que adoram transformar a lealdade em padrão, cultuavam valores inexistentes no mundo do futebol, o Cu-rintia se "aparelhava" no colendo que passou a contar com um notório advogado curicano, veterano dos tribunais da FPF.

Quem, do Palmeiras faz parte do corpo judicante do tribunal? 

Ninguém!
 Como consequência, qual o time paulista tratado como um reles timeco de uma cidade qualquer do interior do Brasil?

Qual o time, entre os grandes do futebol paulista, é o mais arrolado em processos e para o qual são direcionadas as condenações mais draconianas? 

É preciso dizer que é o Palmeiras? Não, porque todo mundo -faz tempo- já sabe!

A decisão do tribunal que só puniu de forma exemplar o Palmeiras com uma multa muito maior do que a aplicada ao Flamengo, clube promotor do jogo, tanto e quanto o jogo com portões fechados imposto ao Verdão contra um jogo do Fla a 100 quilometros de Brasília, mostram bem que a filosofia das trancinhas rubro-negras (lembram-se do episódio Vagner Love?) continua valendo nos julgamentos do STJD! 

O Flamengo, a rigor, só foi punido com a aplicação da multa e nada mais!

Diante de tanta injustiça e de tamanha inversão de razões, o que o Palmeiras deveria fazer, haja vista que o presidente Nobre reconheceu que o tribunal puniu o Palmeiras nos termos estritos da lei, uma lei anacrônica e distorcida!

Alguém teria uma sugestão?

COMENTE COMENTE COMENTE

19 Comentários:

  • Às 14 de junho de 2016 15:19 , Blogger Regis disse...

    Minha sugestão: Puna os membros da Mancha Alviverde.
    O Palmeiras e a federação Paulistas tem o registro de todos os sócios de torcidas organizadas que também são sócios Avanti.
    Basta bloquear a compra de ingressos para os membros da organizada em geral sem exceção assim eles seriam punidos e não o clube.

     
  • Às 14 de junho de 2016 15:29 , Anonymous Claudio de MG disse...

    O ponto chave mesmo nem foi a "pequena" multa de R$ 80.000,00, pois na prática este valor vai passar e muito de 1 milhão, pois, após uma vitória sobre o freguês eterno e um possível (digo possível, pois respeito muito as cores e as tradições do Coritiba Footbal) bom resultado em Curitiba, o público presente ao Allianz contra o Santa Cruz seria certamente superior a 25 mil pagantes e renda acima de 1 milhão. Portanto, a punição além de técnica (pois pode influenciar decisivamente no resultado final do campeonato) é também financeira. E pra quem não sabe, uma das mais poderosas táticas de "guerra" é justamente minar financeiramente seu "inimigo".

     
  • Às 14 de junho de 2016 15:46 , Anonymous Higor disse...

    É vergonhoso, é necessário que o departamento jurídico da SEP entre com recurso imediatamente. Decisão estapafúrdia, o Palmeiras não era mandante do jogo, a direção do Palmeiras já rompeu há tempos com a torcida organizada, a diretoria do Palmeiras expulsou os sócios-torcedores envolvidos na briga.

    Impedir a torcida organizada de entrar no estádio, cabe ao mandante do jogo, nunca será responsabilidade do visitante.

     
  • Às 14 de junho de 2016 16:31 , Anonymous Elcio disse...

    Acredito que o Palmeiras entrará com recurso, e eu o aconselharia somente entrar se houver certeza de que ganhará, porque do contrário, um jogo contra o America MG pode se trasnformar num jogo contra um time muito mais qualificado.
    E o tiro sair pela culatra.
    Porque hoje a certeza é de que o jogo seria o do America, agora, havendo outro julgamento, o resultado sairá mais adiante.
    ----
    Marco,
    quando disse que não adianta culpar o STJD, é porque já o conhecemos, e não é de hoje, como são as decisões lá não é novidade para ninguem.
    De que adianta reclamar depois de consumado, ainda bem que nesse caso cabe recurso, porém é bem capaz de aumentarem a pena, como já fizeram no passado.

    Eu não sei quantos posts atrás eu já havia alertado alguem que queria dar um pau na juizada, comentei que era exatamente isso que eles estão esperando para tirarnos da lista de candidatos ao título.
    Enquanto o sistema é esse, para mim, o dieal seria seguir a lei direitinho.
    Aliás, que mal tem em seguir as regras?
    Isso deveria ser inquestionável em um país descente.

    Esse é um país que não deu certo, como não somos amigos do rei, sigamos a lei.

    Abs

     
  • Às 14 de junho de 2016 16:34 , Anonymous Elcio disse...

    *tirarnos

     
  • Às 14 de junho de 2016 16:36 , Anonymous Elcio disse...

    :) to meio ceguinho, tá escrito tirarnos

     
  • Às 14 de junho de 2016 16:49 , Anonymous Marco disse...

    Essa aberração praticada pelo “tribunal” em termos de repercussão dada pela imprensa se contrapõe ao estardalhaço feito por parte da imprensa (felizmente não toda) em relação ao lance muito bem invalidado do último domingo.
    A decisão deste tribunalzinho, que não é um tribunal, é uma afronta à ética, à moral, à inteligência e ao bom senso das pessoas. Uma decisão esdrúxula que deveria merecer o maior repúdio dos meios esportivos pela total parcialidade demonstrada por isso que chamam de tribunal.
    A comparação que faço está no comportamento dos chamados jornalistas palmeirenses com os conhecidos jornalistas gambás. Enquanto no lado deles tentou-se criar a maior polêmica em cima de um lance com TRÊS irregularidades para fazer o jogo do seu time, no lado palmeirense, todos se calam, colocam o rabo entre as pernas e aceitam passivamente a decisão de isentar o mandante e punir o visitante.
    Os veículos de imprensa têm a capacidade de escrever ou dizer que os dois times perderam mando de campo. Somente alguém com sérios problemas mentais é capaz desse tipo de avaliação. O tal tribunal sabe muito bem que o Flamengo é um time itinerante neste campeonato, que Brasília não é sua cidade e jogar lá ou em qualquer cidade do nordeste é a mesma coisa para eles. Dizer que foram punidos e chamar a todos de idiotas. Perderam o mando de campo, mas vão jogar com público! Só pode ser piada! Estão rindo da nossa cara!
    Entretanto, nos interessa o lado do Palmeiras e não vejo uma reação adequada contra essa autêntica sacanagem. Para fazer o jogo do time da marginal querendo que um lance com três ilegalidades fosse validado tivemos vários personagens levantando a voz. Porém, para não apontar mais uma armação desse tribunalzinho, todos vão para o lado do “politicamente otário”, desviando o foco para as torcidas organizadas. Esquecem-se de que o julgamento do tribunalzinho é sobre os clubes e suas responsabilidades. Torcidas organizadas é outro aspecto. Legalmente, punir um clube visitante que tomas todas as medidas exigidas por lei em relação aos seus torcedores, que não teve a menor ação sobre a organização do evento e isentar o mandante é sem a menor dúvida desonestidade.

     
  • Às 14 de junho de 2016 16:50 , Anonymous Marco disse...

    Elcio, lamentei a situação, por isso usei a palavra "triste".

     
  • Às 14 de junho de 2016 17:34 , Anonymous VERDE INSUPERÁVEL disse...

    Esse STJD é um simulacro de tribunal, a serviço do Futebol carioca et apaniguados. Uma quadrilha encanalhada, vestida de terno e gravata. A quintessência da calhordice. O lodo em sua mais fétida versão. A escrotice que fala e sentencia. Um dos maiores crápulas neste país de crápulas !

     
  • Às 14 de junho de 2016 19:16 , Blogger Moisés Braga Ribeiro disse...

    Pessoal, perguntas de um ignorante no assunto:

    Qual é a base jurídica deste tribunal?
    É do Judiciário ou é por fora, ligado à CBF?
    Como os juízes são escolhidos, isto é, quais são os critérios definidos para escolhê-los?

    Que o tribunal tem decisões enviesadas, só sendo cego e surdo pra não perceber.
    Mas isto é o sintoma, fiquei curioso sobre a causa.

    Em tempo:
    O blog da Clorofila publicou uma imagem que diz tudo sobre os eventos em Brasília.
    http://i2.wp.com/blogdaclorofila.sopalmeiras.com/wp-content/uploads/sites/6/2016/06/TV-Mancha1.jpg

    Um abraço VERDE E BRANCO a todos.

     
  • Às 14 de junho de 2016 19:32 , Anonymous Anônimo disse...

    Moisés, não manjo de direito constitucional, mas basicamente esse STJD só tem nome pomposo, graças à constituição de 1988.

    Existe um post no PTD sobre isso nesse momento e vou retirar um trecho:

    "


    A falta de tecnicidade da aplicação dos dispositivos do CBJD, é reflexo da autonomia que as entidades desportivas receberam por meio da Constituição de 1988, que dá liberdade à estas para que ajam da forma que entenderam conveniente, sem precisar dar qualquer tipo de satisfação ao Estado. O artigo que versa sobre a atribuição do Estado sobre o fomento do esporte diz o seguinte:

    É dever do Estado fomentar práticas desportivas formais e não-formais, como direito de cada um, observados:
    I - a autonomia das entidades desportivas dirigentes e associações, quanto a sua organização e funcionamento;

    [...]

    Ao dar autonomia às entidades desportivas, dirigentes e associações, a Constituição permitiu que as entidades e associações se organizassem de forma livre e independente do Estado. A criação do STJD, bem como sua organização e nomeação de membros é reflexo dessa autonomia. Não há como realizar qualquer tipo de interferência nessas estruturas, já que há expressa previsão na Lei Maior.

    Na Constituição Argentina, por exemplo, não há sequer menção ao desporto. O regulamento sobre transferências internacionais de atletas, por exemplo, se dá por meio de diplomas legais produzidos pela Receita Federal Argentina, que são submetidos a todo processo legal até a sua entrada em vigor.

    Assim, enquanto as entidades desportivas e associações tiverem autonomia, sem que precisem dar satisfação ao Estado, bem como não necessitem submeter suas regras ao legislativo brasileiro, as decisões desprovidas de técnica e cheias de “paixão clubística” serão cada vez mais frequentes. Cabe aos operadores do direito lutarem pelas mudanças necessárias.

    "

     
  • Às 14 de junho de 2016 21:45 , Blogger Alexandre Correia disse...

    O Palmeiras foi no tribunal, pra fazer a sua defesa, argumentando que puniu seus torcedores, inclusive de ser associados, pelo fato ocorrido em brasília...errado, tinha que ir contra o Mandante da Partida : Flamídia, que sabia que duas grandes torcidas poderiam trazer insegurança.

    E agora Paulo Nobre? você puniu seus torcedores e o STJD puniu seu clube.

     
  • Às 14 de junho de 2016 23:57 , Blogger EDMILSON disse...

    Palmeiras 1972*****

    Mestre Alcides , orando pelo seu pronto restabelecimento.


    O Tio Patinhas quando trata-se de $$$ nao perde tempo, mas se fosse para
    Defender o clube dos continuos crimes de arbitragem que fomos lesados ha
    Tempos, dos varios casos em que nossos atletas foram suspensos, das varias
    Vezes em que o lixo da Imprensa nos ridicularizou nunca se fez presente,
    Sempre foi omisso e cabaco. Com a preniminente pena que o clube poderia
    Estar sujeito , Nobre muito mau acessorado e infelizmente alheio ao mundo
    Sujo e nefasto do Futebol novamente fez o papel de bobo da corte, como bem
    Frisou o amigo Alexandre Correia foi ao Circo, digo STJD , com a defesa
    Errada, deveria ir contra o Flamidia, pelo contrario foi contra sua propria
    Torcida e praticamente endossando a culpa do clube. Ps. Quem comecou toda a
    Confusao foi a torcida dos lixos do Rio ,Nobre e muita gente por ai deveria
    Verificar melhor e conhecer os verdadeiros fatos antes de falar bobagens.
    Frequentem os estadios e depois venham discutir. Repito nossos inimigos
    SAO os outros. Nobre aprenda que no mundo do Futebol nao ha lugares para
    Amadores e tente ouvir mais. O Palmeiras e de sua Torcida e nao de 300 conselheiros
    e Diretores, que usam O clube em beneficio proprio!!!

     
  • Às 15 de junho de 2016 07:02 , Anonymous Marco disse...

    Minha sugestão:

    O Palmeiras precisa aprender a usar a imprensa para mandar seus recados.
    Essa atitude do tribunalzinho tomada contra o gambá ou contra o bambi estaria dando muito pano para manga.
    O tribunalzinho teria contra si toda a opinião pública esportiva e isso eles não gostam. Os questionamentos sobre a sua existência e sobre qual o interesse desses "juízes" participarem de uma entidade onde não são remunerados iria gerar muita polêmica.

    Infelizmente, não temos dentro do clube pessoas com essa visão sobree explorar os meios de comunicação e nos meios de comunicação não somos representados. Temos apenas fazedores de média com outras torcidas e com seus chefes.

     
  • Às 15 de junho de 2016 12:41 , Blogger Acaccio SEP disse...

    Meu maior medo desse julgamento de recurso é justamente o verdão ter de cumprir a pena em jogos muito mais importantes do que santa cruz, aposto que a data do recurso será jogada pra uma perto de um classico ou um rival direto.

     
  • Às 15 de junho de 2016 22:51 , Anonymous Nei Verde disse...

    Termina o primeiro tempo,

    O time joga mal, jogadores distantes, gol do coritiba poe na conta T.Silva com a bola dominada foi fazer graça, já entramos inferiorizados R.Marques e Zé merda acham q estão no vestiário ainda, e Dudu fazendo muita falta.

    Não gosto desse Vitor Hugo, acho muito fraco, não se posiciona bem, esta perdido, adversário ganha todas de cabeça.

    Eu já metia, Luan no lugar da merda na lateral esquerda, esse cara deve ser macumbeiro e já enfeitiçou o Cuca, o cara é um peso morto, C.Xavier no lugar do Rafael Merda Marques e M.Sales no lugar de T. Silva (péssimo).

     
  • Às 15 de junho de 2016 23:49 , Anonymous Nei Verde disse...

    Palmeiras ia ganhar o jogo, estava num momento melhor no fim e o juiz não ia dar tanto desconto, mas os FDP, filha de uma rapariga, com os sinalizadores nos tiraram a vitoria, como é difícil ser palmeirense vai para pqp.

     
  • Às 16 de junho de 2016 00:04 , Anonymous Anônimo disse...

    Parabéns torcida, Palmeiras dominando, "curitiba" entregue, mas espere ainda não acabou eles tem um a carta na manga, chama-se torcidinha de burro( do meu time é que não é), bando de idiota, deve ser curintiano infiltrado, vai a PQP, FP.
    Conseguiu esfriar o nosso time e tomamos o gol do leandro soneca, é demais, deve se um bando de português, não português não é burro assim.
    Vai fazer carnaval FP, se tivesse lá, juro que enfiava a mão, vai se F., que vontade de bater com gosto nesse bando de marginal e ainda covarde, com o rosto escondido.
    Valeu quem sabe vocês ainda aprendem ou a gente encontra os infiltrados.
    Abraço vou dormir, depois dessa vai ser difícil, bando de manchado.
    Mário

     
  • Às 16 de junho de 2016 09:10 , Anonymous Anônimo disse...

    Hoje de manhã pensando melhor, não faria nada daquilo que postei ontem, relacionado a violência no comentário acima, mas o resto é isso aí, quem tem uma meia dúzia de torcedores como os nossos, não precisa de rival, de stjd, rgt, arbitragem,...., vai a merda. bando.
    Mário

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial