Observatório Alviverde

16/06/2017

É HORA DE MUDAR O ENFOQUE EM RELAÇÃO AO PALMEIRAS DE CUCA!


Disse Willian Shakespeare, escritor inglês, dramaturgo, filósofo e autor de muitos dos mais belos sonetos da literatura universal:

"Há muito mais coisas entre o céu e a terra do que pode julgar a nossa vã filosofia!"

Espelhando-me em Shakespeare, eu, Alcides Drummond, cronista esportivo jubilado que acompanha o Palmeiras há largos e longos 66 anos, eterno aprendiz da profissão e da arte de viver digo-lhes, também, por analogia:

"Há muito mais coisas entre a RGT e o Fla e o Curica do que pode imaginar a nossa vã histeria" (AD)

A desclassificada rede televisiva, responsável maior pela derrocada moral que apodreceu parcela ponderável da sociedade brasileira tanto e quanto de nossas instituições, age agora, à socapa ou às escâncaras, como bem lhe apraz ou interessa, também nos meandros mais profundos do futebol do país. 

Só não vê quem não quer ou quem não se interessa em saber que os globais continuam no firme propósito de espanholizar o futebol brasileiro conforme já denunciou (royalties para ele) o jornalista Edyr Cunha. 

Espanholizar (o termo mais adequado seria iberizar, mais abrangente pois inclui também Portugal, França e Itália que também vivem o fenômeno) significa criar um pacote de clubes medianos em antítese a uma super elite de dois times, cujos orçamentos transcenderiam em muito todos os demais, visando a consolidar a liderança econômica dos ungidos, Fla e Curica, como se fossem eles Real Madrid e Barcelona tupiniquins. 

Os globais sabem, perfeitamente, que (também no futebol), quem detém o poder econômico cria plenas condições para deter, também, os poderes técnicos e os políticos dos campeonatos. 


A RGT quer, pela ordem, Fla e Curica ungidos, entronizados e eternizados nessas situações e vem fazendo tudo nesse sentido. 

Quando o Palmeiras ou um clube similar rouba a cena e sagra-se campeão Brasileiro o prejuízo dessa gente é imensurável, só compatível ao ódio que destilam por nada poderem fazer no sentido de alterar o ritmo da vida e mudar o rumo das coisas. Aconteceu no ano passado, em 2016, você se lembra?

Vivemos, hoje, o ano da graça de 2017 e a situação do campeonato, parece-me, caminha para um desfecho incompatível com os desejos e ânsias daqueles cidadãos e torcedores que propugnam pelo jogo limpo!

O primeiro passo rumo a iberização (espanholização)  já foi dado quando a Globo destinou a verba decorrente dos direitos de transmissão a Fla e Curica, supervaloradas e dobradas em relação à maioria dos clubes que disputam a primeira divisão.


Inobstante, os globais, mesmo sabendo de cor e salteado que o Fla tem (no máximo) uma torcida nacional do porte das do Palmeiras, do Vasco e dos Bambis, não ligam a menor importância à realidade.

Da mesma forma sabem, também, que o Curica apresenta um contingente massivo de aficionados apenas no estado de São Paulo (muito mais na capital e região metropolitana de Sampa do que no interior) e nas regiões limítrofes de estados vizinhos como norte do Paraná, Mato Grosso, Sul de Minas, Triângulo Mineiro, norte do Paraná, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Fica por aí mas eles não estão nem aí!

O Curica, verdade seja dita, tem "torcida própria" numerosa nesses lugares, isto é, gente que torce, exclusivamente, por eles. 

Na soma geral, entendo que os curicanos tenham, possivelmente, a maior "torcida própria" do Brasil porém maior que a do Fla, este apenas o segundo time de muitos brasileiros! 

Colocados os fatos, acrescente-se que a torcida real do Fla, limita-se ao Rio (cidade e estado), Espírito Santo e zona da mata mineira! Se tanto, é apenas um pouco maior do que as torcidas do Palmeiras, Bambis e Vasco. 

Mas o que tem tido valor mesmo é a mitologia global estabelecida por gente da mídia para quem o importante não é o fato, mas, exclusivamente, a imposição da versão!

O Fla, tido e havido como o maioral do país alega ter seu reduto de torcida mais amplo no norte e no nordeste do país, regiões em que morei e posso avalia-las muito bem, começando por afirmar que a realidade dos fatos não são exatamente como colocam por aí, irresponsavelmente!

Em todos esses estados, de fato, há que se reconhecer um fenômeno popular denominado Fla, porém com uma ressalva jamais destacada pela RGT, pela Folha ou por todos os que insistem em afirmar (deslavada mentira) que realizam pesquisas nesses lugares.

O Fla em tamanho de torcida disputa rigorosamente e pau a pau com o Vasco a liderança entre o que os nortistas e nordestinos chamam de "clubes do Sul", sendo que em muitos lugares (Natal Rio Grande do Norte é um exemplo) a torcida vascaína é maior que a do Fla, mas "as pesquisas" -HAHAHAHAHAHAHA- escondem o fato.

Fique claro, entretanto, que os times do sul, também os cariocas, poucas vezes são o time principal da população nordestina que por eles nutrem e tem, apenas e tão somente, simpatia. 

Fla e Vasco, do Amazonas ao centro da Bahia e ao norte de Minas costumam ser sempre o segundo time da população, exceto em alguns casos. 

Como se não bastasse tudo isso, Botafogo, Fluminense também têm um número enorme de simpatizantes nessas regiões e, de uns anos a esta parte, Palmeiras, Curica, Bambis, Santos tanto e quanto os times mineiros e até os gaúchos também conseguem fazer a cabeça das galeras nortista e nordestina, subtraindo demais as simpatias e preferências antes dirigidas exclusivamente a Flamengo e Vasco.

Funciona assim: no Amazonas os torcedores do Fast Clube, Rio Negro e Nacional e dos demais clubes do estado gostam primeiro de seus times e só depois escolhem um time do sul com o qual se simpatizam para ser o segundo.

No Pará ocorre o mesmo processo, envolvendo os aficionados do Paysandu, Remo e Tuna e dos outros clubes, tanto e quanto no Maranhão com as inchadas do Moto Clube, Sampaio e Maranhão que detêm 80% da torcida do estado.

No Piauí, além de River, Piauí e Parnaíba, o único Flamengo que -hoje- tem torcida própria por lá é o Flamengo de Terezina, não o carioca.  

No Ceará pode-se dizer que Ceará e Fortaleza atraem para si a maior parte dos aficionados e têm torcida própria. Com as sucessivas participações dessas equipes em campeonatos brasileiros o interesse pelo futebol do sul declinou verticalmente

No Rio Grande do Norte ABC, América, Alecrim e os times de Mossoró, também criaram uma rivalidade que faz com que a torcida local se interesse pouco pelos times do sul, exceto quando se apresentam por lá. 

Treze, Campinense, Auto-Esporte, e Botafogo da PB polarizam as torcidas no estado embora ainda com alguma predominânca "estrangeira" que não ocorre na maior parte do estado da Bahia, dividida entre E.C. Bahia, Vitória e outros .

Em Pernambuco nada supera (nunca superou) a tríplice rivalidade entre Santa, Náutico e Sport, times cujas torcidas não nutrem simpatias, mas, antes disso,  cultivam rivalidades contra os times do sul, o Fla, inclusive!

Ademais, a cada promoção desses clubes e de clubes de outros estados para o Brasileiro, tanto e quanto as suas participações em Copas do Brasil e outras competições nas quais enfrentam o Fla, a rivalidade que aflora desses confrontos retira até essa condição de segundo time que os cariocas ostentam até agora.

Essa rivalidade foi construída, toda ela, nos românticos tempos do rádio esportivo, quando as emissoras cariocas eram muito mais potentes do que as paulistas e chegavam a essas regiões com um sinal muito mais forte dos jogos dos times cariocas, tanto e quanto o Rio de Janeiro era a cidade mais importante e capital do Brasil.

Na esteira do assunto que desmistifica a supremacia absoluta do Flamengo como a maior torcida do país, vocês ainda se lembram daquele Fla e Palmeiras da briga das torcidas em Brasília, no ano passado?

Os mitômanos da mídia não vinham bostejando e afirmando que em Brasília (cidade na qual o Fla reconheça-se tem torcida própria, isto é, que torce exclusivamente por ele), a torcida do Fla era a maior entre todas?

O que eles fingiram esquecer e fizeram questão de não mencionar é que  a galera do Palmeiras igualou-se à deles em número e presença no estádio, sendo que a Globo não dignou-se a mostrar como deveria a torcida palmeirense, certamente por questões de marketing.

Dito tudo isso, considerando-se o estratosférico investimento global no Fla e no Curica eu tenho um pensamento, que certamente será compartilhado por palmeirenses mais evoluídos, de que este ano os globais não estão querendo perder em suas apostas.

Eu fico muito desconfiado quando verifico que as arbitragens não estão, exclusivamente, afundando o Palmeiras, como anteontem em Santos e em alguns jogos anteriores do Palmeiras.

Causa-me espécie e, sobretudo, preocupação quando vejo o Curica jogar com os onze de praxe mais o árbitro central, os dois bandeiras, os dois árbitros auxiliares atrás dos gols, o árbitro reserva e os dois bandeiras, isto é, com dezessete homens. Isso é uma vergonha, como diziam os meus avós muito antes de Boris Casoy ter nascido! 

Para que não se vá tão longe, o que a arbitragem fez com o Cruzeiro anteontem em seu jogo contra o Curica foi deveras preocupante.

E o que foi feito com a Ponte, operada na ilha por uma arbitragem francamente favorável ao Fla?

E o que foi feito com o Avaí no jogo que travou com o Fla na rodada anterior?

Meus amigos, estamos todos exigindo isto e aquilo de Cuca e do time (é óbvio que reconheço que muitas coisas têm de ser corrigidas) mas o problema maior do Palmeiras, ao menos em minha forma de analisar o campeonato, transcende tudo isso.

Contra o Santos, o Palmeiras não foi esse time horroroso que quase todos os palmeirenses, feridos em seus brios e visivelmente frustrados tentaram pintar, haja vista o esforço de todos os jogadores, o espírito de luta de um time que não contou com o seu atual melhor jogador e líder -Mina- e nem com o seu centroavante, ainda em adaptação -Borja- ressalvadas algumas situações de escalação de jogadores individualmente erradas é claro.

Além de uma bola de Róger Guedes na trave e de vários arremates ao gol (Vanderley, o goleiro santista foi escolhido o melhor em campo) o lance do gol que deu a vitória ao Santos foi decorrente de uma escandalosa falta sobre Edu Dracena.

Como se não bastasse essa excrescência, o árbitro goiano Wilton Sampaio deixou de marcar um pênalti clamoroso sobre o mesmo Edu Dracena, seguro pela camisa na hora do arremate para a rede.

Mas não foi exclusivamente Sampaio que prejudicou o Palmeiras. O juiz que se colocava atrás do gol para acompanhar o ataque santista tanto e quanto o outro que, no segundo tempo, acompanhou o ataque palmeirense e até os dois bandeirinhas participaram decisivamente na verdadeira cirurgia de abate e do enorme prejuízo inflingido ao Verdão.  


Por tudo isso, meus amigos eu gostaria de propor que todos nós voltássemos as nossas vistas para o fator extra campo que tem sido determinante nas derrotas do Palmeiras e nas vitórias dos dois clubes promovidos pela RGT.

Vamos, todos, cobrar da diretoria providências imediatas para a resolução do crucial problema das arbitragens, muito mais do que escalaa e escalações o verdadeiro motivo da péssima colocação que o Palmeiras ostenta na tábua de pontos ganhos e perdidos deste Brasileirão!

COMENTE COMENTE COMENTE

PARABÉNS,  Paulo César Oliveira
Um elogio a PCO comentarista de arbitragem da RGT pela coragem de afirmar em pleno ar que houve irregularidade no gol santista e um pênalti não marcado para o Verdão em cima de Dracena.

Elogio PCO porém mantenho as fortes críticas aos editores globais e até as amplio. 

No Jornal da Globo, após o jogo, o santista Abel, aquele negro gordo e forte que apresenta o noticiário esportivo no jornal do William Waak sequer tocou no assunto do gol irregular ou do pênalti em Dracena, como se tudo houvesse transcorrido normalmente.

A culpa não é dele mas de quem produziu o noticiário!

No outro dia, no jornal da manhã do Chico Pinheiro a moça que apresentava o esporte repetiu tudo da mesma forma.

Outra coisa:

No Sportv,  quando do anúncio da transmissão do sorteio da Libertadores, todos os times que estariam presentes no sorteio tiveram o anúncio de suas participações através de gols marcados por seus jogadores. 

Já o Palmeiras, mesmo classificado com folga (foi o 5º colocado) com 13 pontos, assim como Galo e Grêmio dos quais perdeu apenas no saldo de gols, teve o anúncio de sua participação na competição através de um gol sofrido o que evidencia o antimarketing contra o clube através da súcia de produtores globais que com essas atitudes deixam bem claro quanto odeiam o clube. Isso é profissionalismo?  Ou o mais atrasado e retrógrado amadorismo?

Cadê a diretoria da Globo que continua permitindo esse tratamento vergonhoso e desigual a um clube que além de ser o atual campeão brasileiro é o maior vencedor entre todos?


Cadê a diretoria do Palmeiras que não retalia essa gente e nem toma qualquer providência visando a coibir tais abusos?

Já chega de sacanagens com o Palmeiras!!! (AD

23 Comentários:

  • Às 16 de junho de 2017 08:30 , Anonymous André Luis disse...

    Mais um ponto a se destacar é que o Palmeiras não antecipa cotas desde a gestão Paulo Nobre e assim não se torna refém da RGT e para piorar assinou com o Esporte Interativo ano passado.
    A atual diretoria está enfraquecida por ter deixado a erva daninha Mustafá e seus aliados voltar a dar pitacos no futebol.
    Achei positivo a dona Leila ter dito em entrevista que apoia incondicionalmente o Alexandre Mattos, pois com isso mostrou a Mustafá, um dos seus maiores críticos e que quer voltar a ter o futebol do time dirigido por amadores, de que ela pensa pela própria cabeça e prefere o profissionalismo, onde se pode cobrar resultados, ao amadorismo, onde aliados pau mandados fazem qualquer besteira e não temos nem de quem cobrar.

     
  • Às 16 de junho de 2017 08:31 , Anonymous Verde Insuperável disse...

    Cadê a diretoria do Palmeiras ? Que diretoria ? O presidente traidor, cara de bobo e de ovo, deslumbrado, que foi corrompido por uma viagem com a Seleção? Ou a arrivista Leila, que só pensa naquilo, ou seja, a presidência ??? Ou o tal de Alexandre Matto$, com sua fúria em fazer contratações muito suspeitas, ao menos na conveniência e no nível técnico ? E, de fora, com o sinistro Mustafá tomando conta de todo esse galinheiro, "cagando e andando" com o Futebol !!?? Assim, te pergunto, mestre Alcides, e peço-lhe que me esclareça, para eu responder: CADÊ A DIRETORIA DO PALMEIRAS ??? "ESTAMOS" UMA NAU SEM RUMO. VOLTA LOGO, MEU CARÍSSIMO PAULO NOBRE !!!

     
  • Às 16 de junho de 2017 08:40 , Anonymous Verde Insuperável disse...

    Ainda confio em Cuca, lógico, mas advirto: Vamos atacar mais, seo Cuca ? Vamos "desvolantar" esse Time ? Vamos arrumar um esquema para o Borja ? Vamos arrumar um esquema conectado com as características de nossos jogadores, e não com a característica de nosso treinador ? Para quê tanto egoísmo? Ou deficiência ? Cuca, te peço: Faça a omelete com os ingredientes da nossa cozinha. E não apenas com o seu livrinho de receitas. Se me ouvir, e ousar (inventar) certo, avançaremos !

     
  • Às 16 de junho de 2017 10:01 , Anonymous Verde Insuperável disse...

    E tem mais: EXIJO REAÇÃO NO BRASILEIRO, EXIJO O TÍTULO DA COPA DO BRASIL E EXIJO LUTA, RAÇA E EMPENHO NA VIAGEM AO INSANO: LIBERTADORES.

     
  • Às 16 de junho de 2017 11:24 , Anonymous Luther Blisset disse...

    Hoje, mais do que nunca, reforço minha tese de que o Palmeiras rasga dinheiro.
    E isso é culpa da atual administração na qual da "carta branca" para gestorde futebol gaste como quiser.
    Contratamos 9 jogadores e estimo que com a compra, salários, luvas documentação (moradia que muitas vezes é de responsabilidade do clube) e etc. o Palmeiras tenha gasto em média uns 180 milhões até o momento.

    Me dá R$ 180.000.000,00 que com a base deixada do ano passado, montaria um time campeão Paulista, Brasileiro, do Brasil e da Libertadores.

    Alexandre Mattos ao meu ver é um ótimo profissional somente quando supervisionado, e em 2015/2016 tenho certeza que foi muitas vezes barrado pelo realismo e austeridade financeira do até então presidente em
    exercício Paulo Nobre.

    O problema do Palmeiras hoje é pensar que o dinheiro compra tudo, até o talento dos jogadores, se fosse assim os Al-blau, Al-balau e Al-labulau dos emirados árabes e companhia seriam campeões de tudo todos os anos.

    Saudações
    Luther Blisset.

     
  • Às 16 de junho de 2017 12:11 , Anonymous Louco pelo Verdão disse...

    Alcides não fique chateado com o que eu vou dizer pelo respeito e consideração que vc merece. Sendo bem sincero, o seu comentário de hoje foi difícil de ler. Comprido cansativo repetitivo de um assunto que todo mundo tá careca de saber. Me foi difícil ler e manter até o fim a minha concentração mas acho que vc está alertando para o golpe que tem o objetivo de dar o título brasileiro ao Curica ou ao Flamerda. Se preparem todos pra ficar com raiva mas os juizes os bandeirinhas, o tjd e a CBF não vão deixar o nosso verdão chegar nem perto dos primeiros lugares. Título este ano sé se for no cartório, na Copa do Brasil e remotamente na Libertadores. Só que nós torcedores que vivemos brigando entre a gente por escalações e por jogadores que queremos ver no time temos que cobrar mesmo é dessa fraca amadora já completamente dominada pelo turco. Você mesmo Alcides neste blog tão lido e tão respeitado tem que passar a cobrar mais desses caras até que o Paulo Nobre volte à presidência.
    Um abração e não me leve a mal.

     
  • Às 16 de junho de 2017 13:00 , Blogger Boca dura disse...

    Concordo com louco pelo verdao essas atitudes dessa imprensa gamba sempre foi assim nem por isso deixamos de ganhar 9 títulos brasileiros e vários outros títulos temos que nos preocupar com o nosso time que foi prejudicado sim contra as sereias mas com todo o investimento que foi feito temos obrigação de jogar mais bola e acredito que com mais tempo vamos jogar se suficiente para ser campeão ai já é mais dificil

     
  • Às 16 de junho de 2017 13:48 , Anonymous PorkiDoido disse...

    Coé rapaziada!
    Todo ano vitorioso começa com uma derrotinha marota pro Santos e eles sendo vice nosso.

    2015 ok
    2016 ok
    2017 ...

     
  • Às 16 de junho de 2017 14:09 , Anonymous Nei Verde disse...

    Em partes:

    -Claro que nos corredores da CBF, FEDERAÇÕES, REDE DE ESGOTO, PROGRAMAS DE ESPORTES EM GERAL, COMISSÃO DE ARBITRAGENS, tem muito mais gambas e urubus do que palmeirenses, e isso é claro e evidente que vão puxar as brasas para suas sardinhas, agora colocar a culpa desse desmando que toma conta do Palmeiras é forçar a barra, o time gamba hoje, joga 1000% melhor que o Palmeiras, por isso esta onde esta, não adianta dinheiro, profissionais com formação e blá, blá, blá, se não tiver pessoas idôneas, responsáveis e capacitadas para administrar, com perdão da palavra, hoje somos um verdadeiro puteiro, na qual o responsável foi viajar para austrália.

    -É obvio que o Palmeiras mesmo nas mas fases é o clube invejado, isso vem desde a época de sua criação, então em todos os corredores, cartórios, tribunais e jogos, na duvida vota se e marca contra o Palmeiras.
    -Ate por isso que nós Palestrinos, principalmente os mais vividos sabemos que para preitearmos alguma conquista temos que superar tudo isso, ou seja não basta montar um time cem por cento, tem que ser sim cento e cinquenta por cento no minimo, para passar por sima de todas adversidades impostas, e as criadas pelo próprio Palmeiras que nesse quesito, é o campeão indiscutível.

    -Não temos a maior torcida, mas temos a mais inteligente, a mais participativa, a que mais entende de futebol, que bem administrada, sem duvida alguma supera todas as outras.

    -O que acontece, é que a cultura criada dentro do clube, por retrocessos de dirigentes não sabem tirar proveito do poderio que tem na mão, do poder de consumo dessa torcida participativa, não importando onde esteja, compra tudo que o Palmeiras por no mercado, me dou como exemplo, sou de Londrina, interior do Paraná, 550 kms de S. Paulo, não estou constantemente na arena, mas sou sócio avant, adquiro constantemente produtos oficiais, e assino Pay Per View.

    -Vamos citar o caso da arena: Parabéns para quem teve ideia do contrato desses moldes para construí la, mas cá entre nós, hoje não temos duvida que poderia ter sido algo MUITO MELHOR, poderíamos estar explorando muito mais o Marketing dessa que é o estadio mais cobiçado do Brasil, poderíamos estar considerando hoje a nossa verdadeira casa, mas por AMADORISMO na confecção do contrato hoje somos subestimados a caprichos da construtora, na qual da a se entender que ela é a dona e o Palmeiras o inquilino, o empreendimento gigante, onde tanto nos orgulhamos, por amadorismo ainda somos zuado "a arena da wt". sem dizer que nossos mandatários não exige nem que ela seja chamada nem pelo nome "ALLIANZ PARQUE".

    Sobre o Patrocinador: qual o clube hoje que tem uma empresa com seus proprietários torcedores do clube capaz de fazer investimentos no futebol, igual a crevisa esta fazendo? MARAVILHOSO!!! só que não vê quem não quer que foi feito tudo errado, o próprio departamento de marketing não soube e não esta sabendo explorar e administrar essa mina de ouro, tanto para patrocinador quanto para patrocinado, estamos cansado de ver na mídia imagens negativas de pura falta de administração de ambos os lados, guerrinha de nervos de puro AMADORISMO e infantilidade, na qual os dois estão perdendo e pior, os adversários fazendo chacotas.

    -Sobre o restante, não há necessidade de se escrever mais nada, basta ler a postagem do Insuperável, na qual concordo em gênero e grau, e vou alem:
    ESPERAR O QUE DE UMA ENTIDADE QUE TEM MANDANTES, PESSOAS QUE GRAVAM A FACA NAS COSTAS DO HOMEM EM QUE SEM DUVIDA ALGUMA, FOI O RESPONSÁVEL POR VIRAR A PAGINA DO ATRASO, DO RETROCESSO DE MUITOS ANOS DO PALMEIRAS.
    Como diz um amigo aqui do blog, precisamos de uma lava jato urgente $$$$$$$$$$

     
  • Às 16 de junho de 2017 14:10 , Anonymous Anônimo disse...

    Por acaso vcs acham que seria diferente o tratamento sendo Fox, Esporte Interativo ou qualquer outra?

    Não acho.

    jorge filho

     
  • Às 16 de junho de 2017 14:12 , Anonymous Anônimo disse...

    Caro Alcides, sempre muito bem colocado seus comentários.
    Não importa quanto aos investimentos quer de 180 milhões ou 1.8 bi. Nada vai adiantar o que estão fazendo com o nosso glorioso clube, uma verdadeira arapuca e descarada roubalheira . Valor algum fara nosso time campeão esse ano pois tudo está dirigido para os: urubu e gambá, como foi citado no jornal gazeta do povo pelo especialista e engenheiro Horácio Nelson Wendel colaborador em algumas oportunidades na formação da tabela do campeonato BR.

    http://www.otempo.com.br/superfc/futebol/especialista-em-tabelas-v%C3%AA-favorecimento-para-o-flamengo-no-br-2017-1.1459006

    O Cuca é o menos culpado, mas se ha alguém que poderia fazer algo esse seria o atual presidente fazedor de media e que ainda não disse pra que veio ao Palmeiras, que ao invés de viajar com a seleção deveria contestar da tabela de jogos do BR quando foi montada.

    E ainda dizem que o Palmeirense presidente da CBF Marco Polo protege o Palmeiras.


     
  • Às 16 de junho de 2017 14:26 , Anonymous  disse...

    O assunto é repetitivo, mas não deveria ser. Já deveria ter sido resolvido pela diretoria do Palmeiras. O silêncio é o consentimento.

     
  • Às 16 de junho de 2017 14:48 , Anonymous Nei Verde disse...

    Acredito nos erros pois somos humanos, e em arbitragem tendenciosa, onde um arbitro pode sim, ate por não ter apatia por algum clube vir a segurar seu desempenho em campo, como invertendo faltas, aplicando cartões, ou seja não usando o mesmo critério para ambos os times, e as vezes isso é agravante em um resultado, mas entrar para apitar, premeditado a fazer esse ou aquele time perder não acredito.

    Entre meus melhores amigos, dois em destaques por serem aficionados por futebol, um é gamba e outro urubu, isso me leva a assistir acompanhar atentamente os jogos de ambos, para posterior discussão, e sem duvida alguma percebo que a erros também contra eles, acho que de uma maneira geral não tem esquema para esse ou para aquele, é claro que dentro de um contexto, tem a rede de esgoto, que puxa para os urubus, tem as emissoras de S.Paulo que faz o mesmo para os gambas, as de minas e gauchas pelos clubes de lá, criando pressões quando dos erros, a favor de seus favoritos, o que não acontece com o Palmeiras, é evidente também que a maioria dos clubes não tem a mesma força dentro das federações que tem gambas e Urubus, mais isso é por culpa nossa mesmo, muito pelo descaso e amadorismo, um exemplo é a divisão das cotas de tv, outra o episódio do uruguai/penãrol, se fosse um dos catinguentos duvido que não seriam melhor assistidos, e suas penas brandas.
    Só para ilustrar, no ultimo jogo gambas e sardinhas, o primeiro teve dois gols duvidosos anulados, se realmente tivesse esquema, era uma ótima oportunidade para valida-los.
    O que temos sim, principalmente você Alcides, por seu conhecimento, ótima escriba e dono de um espaço de muitos leitores, é cobrar, principalmente nossos dirigentes ater postura e representatividade, como também sobre os problemas internos do palmeiras, que em minha opinião são os nossos maiores adversários.

     
  • Às 16 de junho de 2017 15:13 , Blogger Duende Verde disse...

    Enquanto isso parece que o tal do Richarlison vem mesmo e já estaria vendido para a europa em 2018...

     
  • Às 16 de junho de 2017 16:07 , Anonymous Juarez disse...

    Um canarinho me contou!
    Palmeiras armou esquema com Barcelona, desse clube contratar jogadores na América via palmeiras, e esses fazerem uma temporada no palmeiras antes do destino, começou com Mina e posteriormente com Richardson e outros...

    Hoje o blog está em alto Nível, os iniciantes estão quietos, com certeza estão estudando os textos, pois como já marcou o MENOR APRENDIZ, dia 30 tem prova.
    Bom estudo meninos.

     
  • Às 16 de junho de 2017 16:16 , Blogger Moisés Braga Ribeiro disse...

    Excelente texto, Alcides!
    Que repetitivo, que nada!
    É preciso mesmo repetir isso para que nunca caia no esquecimento e seja absorvido por cada vez mais pessoas.
    Parabéns pela coragem.

    ============

    Apenas uma ligeira correção:

    "Espanholizar (o termo mais adequado seria iberizar, mais abrangente pois inclui também Portugal, França e Itália que também vivem o fenômeno)..."

    Ibéria = península ibérica = Portugal e Espanha.
    Se for para incluir França e Itália, acho que o termo mais adequado seria "latinizar".

     
  • Às 16 de junho de 2017 16:18 , Blogger Moisés Braga Ribeiro disse...

    Se bem que "espanholizar" é mais taxativo.
    Até as pedras sabem que na Espanha futebol é Real Madrid, Barcelona e o resto.

     
  • Às 16 de junho de 2017 16:51 , Anonymous Jofre disse...

    Juarez
    Fiqui queto q tá bom assim
    Q a veiarada si comporti tamém
    Eu sei seu otro nomi

     
  • Às 16 de junho de 2017 17:36 , Anonymous Anônimo disse...

    Isso mesmo.
    Está melhor assim.
    Aem provocação.

     
  • Às 16 de junho de 2017 19:40 , Anonymous Arnaldo disse...

    Caro Alcides, ... caros colegas

    Alguns comentários em relação a tabela do Brasileirão 2017:
    1)vale a pena ler o link enviado pelo "Anônimo das 14h12", pois escancara o favorecimento ao Flamengo;
    2) não podemos esquecer que a tabela para o Palmeiras está sendo perversa. Qual equipe, nas oito primeiras rodadas (quando se define o ritmo em relação ao campeonato) fez 5 jogos fora? Em relação a isso, gostaria de destacar que os resultados colhidos até aqui, estão muito semelhantes ao do Brasileirão 2016, exceto a derrota em Curitiba. Por isso, na minha visão, estamos apenas 1 ponto abaixo do desempenho de 2016;
    3) finalmente, é descarado o favorecimento aos gambás que nas 7 primeiras rodadas fez 4 jogos em casa e saiu somente contra os 'poderosos' CAG, Vasco e Vitória. Podemos dizer que eles acertaram o time e a imprensa os coloca como a 'equipe a ser batida'. Eu quero ver na hora em que tiverem que jogar contra os grandes, fora.

    Para encerrar, em relação a perseguição midiática, gostaria de destacar duas matérias de hoje:
    1) houve meios de comunicação que, em manchete, afirmaram que o presidente da CONMEBOL teria dito que a pena ao Palmeiras teria sido 'leve'. Ora, eu li a entrevista e em nenhum momento o presidente especificou o Palmeiras. Ele deu sua opinião no geral e em nenhum momento citou o Palmeiras nominalmente;
    2) agora há pouco, saiu a redução da pena do Felipe Melo (de 6 para 3 jogos). Para ilustrar a matéria, o meio de comunicação estampou somente a foto na qual o FM se defende do assédio dos jogadores do Peñarol.

    É DE DAR NOJO!!!

    Ahhh... eu tenho visto evolução na maneira de jogar do Palmeiras e continuo acreditando fortemente que o Cuca está colocando o time 'nos trilhos'.

    Abraços a todos... e eu acredito na vitória Domingo, contra o Bahia na Fonte Nova.

     
  • Às 16 de junho de 2017 20:20 , Anonymous Edson disse...

    Não há novidade nenhuma na perseguição midiática e dos órgãos do futebol ao Palmeiras.
    Nem por isso, por não ser novidade, devemos nos esconder e não denunciar as mazelas que contra nós ocorrem.
    Discordo do colega que não aprovou o tema do post, embora reconheça ter sido um pouco longo.
    Hoje, adoentado por uma gripe, fiquei o dia todo em casa e assisti muitos programas de esporte, coisa que não faço no dia a dia.
    E posso garantir, foi um dia da ratificação da má vontade e mais que isso, da perseguição que o Palmeiras sofre entre esses jornaleiros/torcedores/FDP que infestam as telas de TV, mormente a Fox, onde não temos(exceto o Edmundo) um integrante com "respeito ao Palmeiras".
    O PVC achou falou que não estava convencido que houve falta no Dracena, e que daria a falta se fosse o juiz!!!!???(coisa insana)!!!????. Os demais jornaleiros falaram que não houve nada, brigando frontalmente com as imagens. Não vi a posição do Simon, mas imagino.
    Hoje, no rádio fox, colocaram uma kalopsita assobiando o hino do flamengo. Um tal de fábio gomes, demonstrando total ignorância, disse que não acreditava que um pássaro pudesse fazer aquilo. Após ser gozado por todos, disse que preferia o papagaio que fala "Palmeiras não tem mundial", ou seja, é o profissionalismo jogado às traças, com um indivíduo que assume no microfone, papo de torcida. Sé é assim, porque não falam bambi e gambá nos programas esportivos?
    Quero dar parabéns ao Alcides por não esquecer esse tipo de tema, que tem que ser repetido quantas vezes for necessário.
    O que dizer de uma imprensa que VALIDA todo e qualquer erro contra o Palmeiras, e CRITICA VORAZMENTE todo e qualquer erro que nos favoreça.
    O sistema é podre e ainda tem palmeirense que acredita nele, e bovinamente aceita tudo.

     
  • Às 16 de junho de 2017 21:31 , Anonymous Elcio disse...

    Isso é o que nos torna forte.

    E nossas vitórias sempre são mais saborosas.

    Às vezes é bom tocar nesse assunto, principalmente nos momentos em que a famiglia está nervosa com os resultados, eu estou com o projeto para este ano.

     
  • Às 16 de junho de 2017 21:34 , Blogger Nailton Pimentel disse...

    O jogo de domingo será aqui na minha Bahia!! Ainda estou na duvida se vou ou não ao jogo. São 470 km de minha cidade (Irecê) até Salvador, mas o problema não se restringe apenas à distância, mas também a preocupação com a violência que assola o país. 3 cidades próximas a Irecê estão organizando viagens para poder ir ao jogo. Acaso vocês não vejam a torcida do Palmeiras na transmissão é só mais uma covardia da globo contra o Palmeiras. Serão muitos palmeirenses na Fonte Nova! Capaz até de rivalizar com a torcida do Bahia, o que mostra a força do Palmeiras aqui na Bahia!

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial