Observatório Alviverde

04/01/2018

EU SOU E ESTOU MUITO OTIMISTA EM RELAÇÃO A LUCAS LIMA, CANDIDATO À ESTRELA NO ELENCO DO DO PALMEIRAS!



Não assisti na televisão à criticada apresentação de Lucas Lima  na qualidade de novo jogador do Palmeiras, mas pelo que li e depreendi das divulgações em vários órgãos de imprensa, tudo correu dentro do previsto.

É o tal negócio, se a apresentação for simples e sem sofisticações, criticam o marketing do clube e reclamam da "falta de divulgação de um evento que se reveste da maior importância".

Se, em contrapartida o clube capricha, faz festa e empresta ao evento requintes de sofisticação, criticam o marketing do clube, acusando-o de desperdício de dinheiro e de tempo.

O fato é que a apresentação de Lucas Lima, pelo que pude constatar após atenta leitura da matéria publicada pelo site palmeirense PTD, não foi melhor nem pior do que qualquer outra de jogadores melhores ou piores do que o novo contratado em todos os tempos. 

Entre os que idolatram e os que censuram a contratação de Lucas Lima, ninguém sabe mais do que a torcida palmeirense  que a marca registrada da personalidade dele é a irreverência. 

Antes de chegar ao Verdão ele provocava sistematicamente o time e a torcida com ironias,  gozações e declarações de menosprezo que não costumava dirigir -senão raramente- aos demais clubes . Seu alvo predileto era o Palmeiras, só o Palmeiras, sempre o Palmeiras.

Essa posição contínua de guerra declarada e confrontação sustentada há tanto tempo por Lucas Lima, me fez concluir há muito tempo quando nem se cogitava de sua contratação que o objetivo do jogador (agora confirmado) era vestir a gloriosa camisa alviverde.

Não deu outra! 

Lucas Lima, em suas primeiras declarações como jogador palmeirense (já vestindo a camisa 20 do Verdão), leal ao seu estilo irreverente e audaz, já foi rasgando o verbo e o diáfano véu da fantasia midiática ao declarar:

"Como falei no Twitter, meu coração é verde, e a verdade é essa. Não vou ter mais relação com a torcida do Santos que hoje já não me importa. Estou pensando no Palmeiras, na torcida, em jogar no estádio lotado e em ganhar títulos". 

Lucas Lima, que assinou com o Palmeiras por cinco anos, deixou transparecer que gostou demais da estrutura palmeirense ao declarar:

"Hoje, vendo a estrutura do clube digo que sem dúvida foi a escolha certa. Agora tenho que trabalhar. O Palmeiras sempre vai entrar para ser campeão de todos campeonatos, mas só se ganha trabalhando, com humildade".

Confirmando o velho ditado que diz que "quem despreza quer comprar", Lucas Lima também declarou, para a notória e sentida decepção da mídia antagonista e inimiga: 

"Desde a Inter de Limeira estive para vir para o Palmeiras, então logo que surgiu a oportunidade, analisei com muito carinho. Quando as conversas esquentaram, criei uma amizade com o Mattos e vi que era o melhor clube para dar continuidade, independente de ser rival. Estou muito feliz, louco para estrear e fazer o que eu amo".

E concluiu:

"De coração, estou muito feliz. No final do ano passado foi meio turbulento, mas agora é uma nova vida, uma nova casa, conquistar títulos, quem sabe virar ídolos. Agora é retribuir o carinho que torcida, diretoria e jogadores mostraram comigo".

Como se percebe e se deduz das declarações de Lucas Lima não houve, absolutamente, nenhuma frase ou declaração do novo contratado que comprometesse o novo reforço palmeirense, como insinuam alguns.

Além de correto nas frases, ele foi muito sensato em tudo o que declarou, não justificando, absolutamente,  nenhuma crítica ou reprimenda de quem quer que seja  a qualquer silaba, palavra, frase ou pensamento que declarou.

Lucas Lima é um jogador que, a julgarmos por seus pensamentos e pelo seu linguajar, se não é nenhum Luís Antonio Sacconi, insigne gramático de Campinas, autor do livro "Não Erre Mais" e grande torcedor do Palmeiras, também não é, como imaginam alguns, um desprezível "Zé Mané".

Na verdade ele poderia ser até um dislálico ou um gago como o campeoníssimo Eurico, um dos maiores laterais direitos da história do Palmeiras, titular absoluto da "Primeira Academia" por largos e longos anos, que nunca concedeu uma entrevista, mas que dentro de campo resolvia todos os problemas do Verdão. 

Torcedor palmeirense, já basta de negativismos. Eu tenho certeza absoluta de que  Lucas Lima, em pouco tempo, se ele tiver seriedade, profissionalismo, disposição e aplicação, entrará para a história dos grandes armadores da história do Verdão! Bola, ele tem!(AD)

COMENTE COMENTE COMENTE

8 Comentários:

  • Às 4 de janeiro de 2018 08:53 , Anonymous Marcelo Jose disse...

    Alcides, você foi muito educado como sempre. O que acho de entrevista de jogador que fala muito eeeee ou se ele tem cabelo cor de rosa ou amarelo é que não significa nada.
    O que interessa é no campo de jogo, se o jogador se esforçou, quanto correu, se ralou o bumbum na grama, fez jogadas que resultaram em gols.
    Alguns torcedores, ou não, querem achar pêlo em ovo, ou como disse brilhantemente a Ester ontem: dizer que o palmeirense Valdívia não servia para o Palmeiras.
    Vamos apoiar nossos jogadores e criticar, se merecer no campo de jogo.
    Para que entrevistas mais insossas que as do Neymar? O que vale é dentro de campo, ou é bola na rede, como ouvia sempre o saudoso Ênnio Rodrigues.

     
  • Às 4 de janeiro de 2018 10:05 , Anonymous Anônimo disse...

    O coração do Lucas Lima não é Verde, ele está verde. Saiu do santos sem jogar nada, foi quase escorraçado de lá por não jogar nada aí de repente só porque o Palmeiras o contratou o rapaz virou craque, que o que importa é o futebol e não entrevista. Concordo, Eurico era gago, mas não era mala, quando jogava no atlético não menosprezada o Palmeiras e depois ficou com 'meu coração é Verde'. Eurico era gago mas resolvia. Me desculpem, mas discordo de vocês e por favor, me dêem o direito de discordar.

     
  • Às 4 de janeiro de 2018 10:12 , Anonymous Anônimo disse...

    facil o jogador falar que o coração é Verde, que o sonho sempre foi jogar aqui e bla bla bla depois de ter sido quase expulso do ex time e ser perseguido pela torcida peixeira. Neymar é outro também, quando jogava no Brasil, boa parte da torcida do Palmeiras odiava o cara, aí só foi vestir a camisa verde e dizer que jogaria aqui um dia que pronto, a torcida passou a amar Neymar. Chega desse assunto.

    Armando

     
  • Às 4 de janeiro de 2018 12:02 , Anonymous Elcio disse...

    Eu serei e estarei muito preocupado com a nossa zaga se o Mina sair agora.
    Vamos ter que jogar com três volantes

     
  • Às 4 de janeiro de 2018 12:07 , Anonymous juliano disse...

    scarpa já...acorda mattos

     
  • Às 4 de janeiro de 2018 14:31 , Blogger Ester Abea disse...

    amigos:

    a. como dissram com brilho nossos queridos

    Marcelo José: nao vamos fazer do Lucas Lima um novo Valdívia. Falando ou nao, o que queremos é bola!

    Juliano: Scarpa já. O moço nem se apresentou. Espera o Palmeiras. Acorda Mattos

    b. se a diretoria fizer tudo quietinha, podemos ter mais bons jogadores. Nao dá para fazer as coisas anunciando a todos, antes da hora

     
  • Às 4 de janeiro de 2018 15:13 , Blogger Ester Abea disse...

    amigos

    off topic de novo, com a permissão do grande Alcides:

    Gasolina sobe quase 10% em 2017

    e o Governo, ajudado pela puxa-saco nojenta RGT diz que não há inflação

    Há um paralelo com divulgar essas informaçoes deturpadas e a SEP

    Para a imprensa marrom, qualquer espirro no Allianz vira "crise".
    Já o SPFW pode ficar ANOS pendurado e sem ganhar nada, que a imprensa marrom, liderada pela Folha(jornal escrito por viados, gays, boiolas, simpatizantes, etc) nada diz.
    Ao contrário, falam que o SPFW(com ingresso bem barato) lotou o Morumbicha. Só "esquecem' de falar que o ingresso estava baratinho...

    Nos 2 casos, desinformaçao pura. Coisa nojenta.

     
  • Às 4 de janeiro de 2018 17:51 , Anonymous Japa Verde disse...

    Mina: Se estiver com a alma no Barcelona, pode mandar o corpo também.
    Acho que ele está com a cabeça na copa e no Barça...
    é preciso avaliar. Se estiver com este espírito, melhor sair logo. Que seja feliz lá

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial