Observatório Alviverde

22/06/2012

REPÓRTER DO SPORTV ACUSADO DE DEDURAR HENRIQUE E PROVOCAR A SUA INJUSTÍSSIMA EXPULSÃO!

 

A classificação do Verdão mais lindo do mundo para as finais da Copa do Brasil chegou, como eu previra, com sangue, suor e lágrimas.

A tarefa não seria nada fácil e não foi, como sempre.

Tudo, até o que é fácil, torna-se difícil quando o Palmeiras chega às finais de qualquer competição.

As forças ocultas dos bastidores externo e, pasmem, interno, as arbitragens, a ação destrutiva da mídia  tudo, enfim conspira contra o Palmeiras.

@@

Sei que todos os palmeirenses, com justíssima razão, estão festejando a classificação para decidir a Copa e a vaga da Libertadores 2013.

Quanto a mim festejo, apenas, interiormente!

Como fazer festa se a preocupação com os dois jogos finais diante do Coxa, me impede de fazê-lo.

Não pelo fato de termos mais ou menos time do que os paranaenses, mas por todos os fatores externos que vão envolver a decisão.

@@

A mostra de arbitragem mineira que tivemos ontem em Barueri, revela, de forma preocupante, o que iremos enfrentar nas duas partidas finais da Copa do Brasil, cujos mandos serão definidos em sorteio ainda hoje na CBF.

A expulsão de Henrique coroou o facciosismo (ou seria bairrismo?) de outro trio mineiro, na condução de outro jogo do Palmeiras.

Por que bairrismo?

A rivalidade Minas/São Paulo vem de priscas datas, desde a longínqua Guerra dos Emboabas, passando pela Revolução Constitucionalista, até os dias de hoje.

Os paulistas, sempre prejudicados, esqueceram tudo e se esquecem de tudo.

Os mineiros, não!  O ranço para eles é eterno sobrevive e é passado de geração em geração. Como eles dizem frequentemente, “Paulista, nem a prazo, nem à vista”.

Quem sabe isto explique a péssima qualidade da arbitragem de ontem, embora esteja longe de justificar as atitudes de um trio de árbitros que passava a nítida impressão de que não queria a vitória palmeirense..

Mas nestes tempos em que os bambis voltaram ao poder em virtude do apoio de um palmeirense quinta coluna, que torce mais por seus próprios interesses do que pelo clube, não esperem que as coisas melhorem em termos de arbitragem. Será do que se viu ontem, para pior.

A expulsão cirúrgica de nosso jogador mais importante no contexto tático atual da equipe, é um sinal revelador de que teremos de jogar três vezes ou mais do que o Coritiba se quisermos ficar com o título.

Três vezes, aliás, ontem, contaram a insistência de um dos auxiliares em “dedurar” Henrique sem qualquer motivo, provocando a sua expulsão sem que houvesse motivo para tal,

Após ter sido vítima de uma bofetada desferida por Edilson, Henrique foi ao chão sem revidar, mas acabou excluído do jogo por um dos bandeiras que deveria, urgentemente, comprar um óculos pois está enxergando muito pouco.

Há uma notícia no MV, lida e publicada aqui no blog, segundo a qual o repórter corintiano Carlos Cereto teria informado ao bandeirinha que Henrique teria participado da confusão e agredido algum adversário.

Não vou ser leviano em afirmar ou garantir que o episódio tenha ocorrido , eu que distava a mil quilômetros da Arena Barueri..

Mas, se o fato, por desventura, aconteceu, não terá sido a primeira vez que Cereto foi acusado desse tipo de procedimento em jogos do Palmeiras..

Como todo o corintiano da mídia, quem desconhece que ele é fanático e atuante quando se trata de defender o seu time?

Quem não lê nas entrelinhas que ele parece trabalhar para o CU-rintia, pelo que se depreende de suas intervenções e opiniões como repórter de campo do Sportv.

Como produtor, nem é preciso que se diga de seu amplo favorecimento em termos de doação de espaço e cobertura à galinhada, embora esta seja uma tendência de caráter global (trocadilho livre) de toda a imprensa paulistana, a mais provinciana, folclórica e a pior do Brasil.

Há sempre um certo exagero nesse gênero de acusação, mas, a julgarmos pela forma desprezível com que o Palmeiras é tratado pelos profissionais paulistas do Sportv, em sua maioria esmagadora, parcialíssimos, as suspeitas de que o fato tenha ocorrido são possíveis.

Ainda mais porque o dito profissional, fanaticíssimo, parece trabalhar vestindo a inglória camisa do time galinha-preta sob o uniforme global.

Em todo o caso, cabe ao acusador o ônus da prova e até que isso não ocorra este blog não culpabilizará ou condenará o referido profissional.

Este OAV recusa-se a acusar Cereto, e nem pode fazè-lo, por absoluta falta de provas e está, simplesmente, repassando uma informação.

Independentemente de tudo, as Organizações Globo, que tanto se arvoram em proclamar seriedade e imparcialidade, deveriam tratar de averiguar o episódio e, se necessário, tomar as providências cabíveis.

@@

Vamos, agora, falar só de futebol.

Vamos realçar a espetacular atuação de Bruno, a firmeza de marcação de Arthur, o entrosamento que melhora a cada jogo entre Ramos e Heleno e a volta de Juninho ao patamar tático da época em que começou a vestir a nossa camisa. Até Amaro que entrou no fim, jogou com alegria e

Destaquemos, entre tanta coisa positiva, outra espetacular atuação de Henrique, que, do ponto de vista tático, vem se constituindo em nosso jogador mais importante.

Não foi à toa que o bandeirinha tratou de tirá-lo do primeiro jogo contra o Coritiba. A fase de Henrique é esplendorosa e tudo está dando certo.

O Palmeiras mobiliza seu departamento jurídico para tentar livrar Henrique da automática.

@@

A ausência de Marcos Assunção em recuperação de uma lesão, exigiu a escalação de Marcio Araújo.

O maranhense, mais uma vez, ele que é tão criticado e hostilizado pela torcida, não decepcionou. Como sempre, jogou para o time.

João Vitor cumpriu à risca o papel tático que lhe foi destinado, o mesmo acontecendo com Mazinho que tratou, mais de defender e, menos, de atacar. Patrik jogou muito pouco para ser analisado.

Daniel Carvalho melhorou muito em relação aos jogos anteriores, mas tem de melhorar, ainda, muito mais se, de fato, objetiva a titularidade.

A entrada de Valdívia mudou o ritmo do jogo, alterou a forma de jogar do Palmeiras e a magia desse excepcionou jogador se espargiu por todo o campo, levando a torcida palmeirense ao delírio.

Além de infernizar o meio de campo e a defesa gremista, corporificou a sua excepcional atuação com um golaço após o que correu para Felipão a fim de comemorar, numa prova cabal de que tudo está muito bem entre Valdívia e Scolari.

Com Mazinho e Valdívia no time e com a chegada constante de Juninho. Barcos não foi isolado e pode mostrar o conteúdo importante de seu futebol de objetividade, raça e de procura incessante do gol.

Henrique, Barcos e Valdívia, este dos três melhores, o excepcional ajudaram o Palmeiras a dar um passo importantíssimo para tentar sua primeira conquista nacional após 12 anos de completo jejum.

Se os fatores exógenos não interferirem, Felipão, o rei do mata-mata, tem tudo para levar o Palmeiras à conquista de mais um importantíssimo título.

@@

HOJE É DIA DE FESTA. E ANTEVÉSPERA DO JOGO DERBU CONTRA AS GALINHAS PRETAS.

VAMOS CURTIR A VITÓRIA E DEIXAR AS CRÍTICAS PARA UM OUTRO DIA.

VALEU VERDÃO.

VAMOS LÁ VERDE QUE EU TE QUERO VERDE E CAMPEÃO!

COMENTE COMENTE COMENTE

12 Comentários:

  • Às 22 de junho de 2012 11:22 , Anonymous victor tredenski disse...

    QUE ESTA FINAL E, CONSEQUENTEMENTE O TITULO, SEJA O INICIO DO RESSURGIMENTO DO PALMEIRAS, O INICIO DA SUA RECONSTRUÇÃO E QUE TODO O MAL, TODO SER PERNICIOSO QUE HABITA HÁ ANOS O PALESTRA SEJAM DEFENESTRADOS COMO MERECEM

    PALMEIRAS...........GANHA ESSE TITULO

     
  • Às 22 de junho de 2012 11:27 , Anonymous victor tredenski disse...

    É IMPRESSIONANTE COMO O PALMEIRAS É ''ESTUPRADO'' PELA ARBITRAGEM JOGO SIM, OUTRO TAMBÉM....QUE CAZZO

    ARNALDO TIRONE, O BANANA, O FROUXO, O FILHO QUE ENVERGONHA O PAI, JÁ QUE O SENHOR PLANEJA SUA REELEIÇÃO (PARA NOSSA TRISTEZA, TRATE DE TRABALHAR OS BASTIDORES...

    AH ESQUECI, É MUITO PEDIR ISSO PRA VOCE NÃO, SE O SENHOR NEM COMPROU MOBILIAS AINDA DOS PREDIOS DA ARENA, QUIÇÁ VOCE TRABALHAR NOS BASTIDORES

    GOD BLESS PALMEIRAS

     
  • Às 22 de junho de 2012 13:26 , Anonymous Torcedor Realista disse...

    SERÁ QUE DÁ PRA ACREDITAR EM EFEITO SUSPENSIVO DO HENRIQUE ?


    http://blogdopaulinho.files.wordpress.com/2012/06/tirone-e-andres.jpg

     
  • Às 22 de junho de 2012 13:56 , Anonymous Mestre dos Magos disse...

    MENÇÃO HONRROSA A LUIS FELIPE SCOLARI

    Ontem, sem inventar, montou o time certo para um gramado pesado e com o regulamento debaixo do braço.

    O Coritiba é meu adversário preferido, uma vez que, se já estamos sendo roubados sem ser o São Paulo, imaginem contra eles e na casa delas.

    Embora o Coritiba seja extremamente bem treinado por Marcelo Oliveira nos últimos 2 anos, tendo até 2011 aproveitamento de 80% dos pontos disputados no total das competições, acredito na força da tradição e torcida do Palmeiras, inclusive no Paraná.

    Todo mundo aqui é testemunha de quantas vezes critiquei o técnico e não é agora que vou mudar de idéia.

    Acredito firmemente que os jogadores estavam unidos e focados em ser campeão, independente de técnico e diretoria.

    Mas, como inclusive já falei, o "FATO NOVO", uniu e selou de vez as arestas que poderiam existir no time.

    O problema sofrido por Valdívia, foi o fato novo.

    A maneira como tudo aconteceu tocou o fundo da alma de todos.

    As pessoas de bem sabem exatamente o que é isso.

    Sofrer como o outro, sentir pelo outro, são sinais de SOLIDARIEDADE e onde existe, no grupo em que existe isso, não deve existe espaço para diferenças e ciuminho besta.

    Vejo o Palmeiras agora, o de ontem mais especificamente assim e acredito que será muito difícil ser derrotado dessa maneira, ainda mais com o "problema praticamente resolvido" chamado Valdívia.

    Ao invés de falar na saída daquele ou daquele outro, espero que possamos falar do RENASCIMENTO do Palmeiras.

    E ratificar o que o Alcides e seu irmão disseram:

    AGORA DA GOSTO DE TORCER PELO PALMEIRAS.

    =====

    DOENTE VERDÃO

    Parabéns pelo filho. Dádiva Divina.

    Já nasceu campeão!

    Abraço.

     
  • Às 22 de junho de 2012 13:58 , Anonymous Mestre dos Magos disse...

    Rsrsrsrsrs.

    É que ninguém pode escutar, mas minha garganta ja era por uns dois dias.

    Se ganhar bem do Corintia domingo então, haja gargarejo, rsrsrsrs.

    Saudações.

     
  • Às 22 de junho de 2012 15:05 , Anonymous Anônimo disse...

    O Sportv 3 passará o VT do jogo agora as 15:30 horas.
    Será a oportunidade para verificar qual foi o comportamento do repórter, se teve interferência ou não na decisão da arbitragem.

    Marcelo Luiz

     
  • Às 22 de junho de 2012 19:26 , Anonymous Anônimo disse...

    Assisti ao VT do jogo na transmissão do Sportv.

    No VT não aparece a participação do Cereto e ele não é visto nas imagens.
    Entrei no blog MV e verifiquei que foram feitos comentários sobre ele ter interferido, mas pelas imagens isso não pode ser comprovado.
    Não sei de onde foi tirada essa observação, se foi de alguma outra transmissão. Cereto tem imagem de parcialidade, mas pelo menos pelas imagens do VT não é possível afirmar nada.

    O que chamou a atenção foi a participação do auxiliar que insistiu para que houvesse a expulsão. Falou com o árbitro mais de uma vez até convencê-lo a expulsar o jogador do Palmeiras.
    A atuação desse auxiliar foi péssima com erros inexplicáveis que prejudicaram o Palmeiras. Um impedimento do Mazinho que ficaria livre na frente do gol. A condição era legal e a marcação fácil. Outro erro grave foi um impedimento do Barcos, esse mais absurdo ainda. O palmeirense estava há mais de três metros em condição legal.

    Destaque também para o comentarista Villaron que mesmo desmentido pelas imagens e com lente de aumento não quis admitir a penalidade sobre o Barcos. O inusitado nessa participação do Villaron é que a penalidade foi admitida pelo Jota Jr.

    Marcelo Luiz

     
  • Às 22 de junho de 2012 20:08 , Anonymous Doente(verdão) disse...

    Obrigado Mestre dos Magos!

    Ontem foi um dia de muitas alegrias e emoção para mim!

    A classificação para a final, logo após o nascimento do meu segundo filho foi demais, para não esquecer nunca esse dia!

    Abraço do doente!

     
  • Às 22 de junho de 2012 22:49 , Blogger Miguel disse...

    Deixo uma indagação no ar: se fosse outro técnico ele teria a paciência e o devido tempo para chegar a esta final? Qual técnico teria culhões de aço para suportar os desmandos e improvisos da nossa diretoria amadorística? Na semana passada deixei a pergunta sobre um nome a altura para substituir Felipão. Ninguém respondeu. Se formos campeões, grande parte do mérito será devido a ele, e parafraseando Zagallo, nós vamos ter que engoli-lo. Teremos um fim de semana de festa, e limpei minha camisa verde-limão para ficar me exibindo por aí.

     
  • Às 22 de junho de 2012 22:58 , Anonymous Edson disse...

    É sempre bom relembrar Armando Nogueira, que deve se envergonhar daqueles que hoje se intitulam cronistasArmando Nogueira escreve bilhete para o chileno Valdivia

    Colunista do LANCE! defende a arte do drible e consola meia palmeirense

    Valdivia meu caro. Não preciso conhecer-te pessoalmente para tomar a liberdade de escrever-te este bilhete.

    Fiquei sabendo que o pau anda cantando nas tuas canelas e que tu estarias tomando essas agressões como coisa pessoal. Talvez alguns jogadores que não vão com a tua cara. Pode até ser, mas não esquenta. Posso te garantir que a bronca é antiga. Mas, sou capaz de jurar que a birra é contra o drible. Os medíocres detestam o drible.

    Quando o futebol apareceu no mundo se chamava “jogo do drible”. Por ai já se vê que a intenção dos inventores era fazer desse esporte um passatempo cheio de graça.

    Acontece que o drible não é como o sol que nasceu para todos. O drible acabaria se tornando um privilégio.

    Só os eleitos merecem o dom que, por sinal, os deuses te concederam. O drible é uma invenção que nasce do coração. O driblador é um poeta.

    Quando um brucutu te dá um pontapé, ele não está agredindo apenas e tão somente o cidadão Valdivia; ele está afrontando toda uma dinastia que foi canonizada pelas canelas de Stanley Mattews, de Garrincha, de Zico, de Júlio Botelho, de Maradona e de tantos outros apóstolos do evangelho do drible.
    __________


    Armando Nogueira escreve bilhete para o chileno Valdivia, LANCEPRESS! - Colunista do LANCE! defende a arte do drible e consola meia palmeirense esportivos.

     
  • Às 22 de junho de 2012 23:53 , Anonymous Edson disse...

    Pelo vídeo abaixo e pela sua declaração, Ceretto não teve culpa


    http://globotv.globo.com/sportv/redacao-sportv/t/ultimos/v/carlos-cereto-destaca-atuacao-de-valdivia-a-classificacao-do-palmeiras-na-copa-do-brasil/2006687/.

     
  • Às 22 de junho de 2012 23:58 , Blogger Unknown disse...

    Em minha humilde opinião, ninguém segura o verdão agora, pode vir coritiba, arbitragem, campo, quem quiser, o ambiente é bom, o time se acertou correm um pelo outro, me animo hoje como a muito tempo não me animava, visto hoje com orgulho e muito mais orgulho a camiseta do palmeiras (nunca deixei de usar), mas hoje tive mais orgulho de poder dizer aos outros que sou palmeirense, e pode esperar que vai ser aqui no paraná e se Deus quiser estarei lá para ver o título do palmeiras...
    Vamos palestraaaaaaa

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial