Observatório Alviverde

02/04/2017

NOVORIZONTINO X PALMEIRAS


COMENTE

DURANTE E APÓS O JOGO ATÉ QUE FIQUE PRONTA A POSTAGEM FINAL!

Antes de mais nada quero dizer que concordei com a escalação do time que iniciou o jogo, a melhor formação possível.

Só não cabe em minha cabeça o time tomar vários ataques e contra-ataques pelo mesmo lado de campo - o esquerdo- em face da lentidão ou desatenção dos atletas do setor.

O gol do Novorizontino surgiu pela falta de um primeiro combate eficiente no nascedouro da jogada, passando pela veteranice de Edu Dracena indo até à falta de capacidade de marcação e recuperação de Egídio.

Apesar do  0 x 1 o Palmeiras domina completamente o jogo e não atua mal. 

Não cabem críticas ao treinador  em relação ao futebol apresentado. 

O placar é circunstancial e não espelha o rendimento dos times já que o Palmeiras joga mais, muito mais.

Não gosto do árbitro que, como se esperava, interfere e influi nas entrelinhas do jogo. 

O exemplo maior foi o cartão a Róger Guedes em lance no qual sequer houve falta. Culpa da diretoria que aceita calada a indicação de árbitros com o histórico de prejudicar o Palmeiras!

E no entanto lhes digo que não tenho medo deste jogo!

Viram o (outro) cartão que o Paulo César isto é, que o Luiz Flávio Oliveira (um pelo outro não precisa voltar nada) aplicou (cirurgicamente) no Felipe Melo?

E ainda querem me convencer que os erros das arbitragens não interferem nas decisões!

Isto é muito importante:

se o gol de empate do Palmeiras não saísse teríamos sido prejudicados pela não marcação do toque do zagueiro (visível e escandaloso) cometendo o pênalti. 

Não, não venham me dizer que o árbitro aplicou a vantagem no lance porque ele chegou a ensaiar e ameaçar a anulação do gol palmeirense e só não o fez porque o bandeirinha correu para o meio de campo e assumiu tudo!

Apesar do árbitro que essa diretoria neófita, fraca e amadora permitiu que fosse escalado, repito o que eu disse quando o Palmeiras perdia por 0 x 1: 

"Não tenho medo deste jogo"!

E não tenho mesmo!

2º TEMPO 

O Palmeiras enlatou o Novorizontino no segundo tempo e 3 x 1 foi pouco, muito pouco mesmo.

Além dos três gols assinalados, o Verdão mandou duas bolas na trave, uma com Egídio no primeiro tempo e outra com Borja. Se essas bolas entrassem teria enchido a mão e ganhado pelo elástico placar de cinco!

Convém realçar que o Novorizontino também teve dois ou três lances de imenso perigo, sempre em contra-ataques, mas parou em Prass ou na falta de pontaria de seus atacantes, que quase sempre arremataram pressionados. 

Por falar em contra-ataque, o Palmeiras tem sido bastante vulnerável a esse tipo de jogo e precisa se cuidar taticamente para não cair em esparrelas e armadilhas como vem acontecendo.

Tirante esses aspectos, forçoso é admitir que o Palmeiras foi muito mais time que o Novorizontino que, a rigor, só se impôs nos primeiros minutos do jogo até a marcação do gol de abertura.

A partir de então só deu Palmeiras, exceção feita a um ou outro lance mais agudo criado por aquele que em meu entendimento é o melhor dos times do interior que entraram na decisão deste ano, Ponte Preta, inclusive!

O jogo pelas suas nuances de o melhor dos quatro que envolveram os grandes do futebol paulista abriu ensanchas para que Prass provasse à torcida, à mídia, à Tite ou a quem quer que fosse que ele, disparadamente, é o melhor goleiro do país. 

Aquela defesa em que ele impediu a passagem da bola em chute forte e rasteiro da entrada da área, direcionada ao seu canto esquerdo apenas confirmou o que todo mundo já sabe acerca da sua condição de o melhor entre todos da posição no Brasil e um dos melhores do mundo

No gol que sofreu saiu bem do gol para o abafa, mas foi atrapalhado, no "momento M" por Mina que correu (debalde) para a cobertura e o atrapalhou!

Mina é, neste momento, o melhor articulador do Palmeiras e sua presença passa a impressão de que ele joga por dois e vale por dois...

A ausência de Vitor Hugo estabeleceu justiça técnica à zaga com o aproveitamento de Dracena, em edição mais velha e menos veloz, mas, seguramente, muito mais técnica, consistente e consciente. 

Sua presença em perfeito sincronismo e ordenamento tático com Mina, proporcionou liberdade ao colombiano para cobrir não só os avanços de Fabiano, mas, sobretudo, para que ele fosse para o ataque encostar nos meios-campistas e atacantes, costurar as grandes jogadas a partir da zona de raciocínio da equipe e até tentar o gol.

Egídio proporciona mais ofensividade ao time do que Zé Roberto, mas o lado do campo que vigia parece uma avenida. 

Por isso é que eu digo sem querer advinhar ou me transformar em Mãe Dinah, mas por intuição e dedução: o Palmeiras pode perder o campeonato pelo lado esquerdo da defesa. 

Com Egídio ou com Zé (que não jogou apenas por estar suspenso) "tá ruço"! Já imaginaram se o veterano ZR fosse, hoje, o lateral?

Roberto do Novorizontino deitou e rolou pelo setor esquerdo da defesa palmeirense além de ter feito um gol e perdido outro, criou as melhores jogadas de ataque do Novorizontino e entre os adversários foi o melhor.

No cômputo geral do jogo ficou muito longe de Mina, de Felipe Melo, de Prass, de Tchê (que melhorou muito de rendimento) e de Róger Guedes que, outra vez, mostrou porquê não pode ficar na reserva.

Tchê melhorou demais de produção mas ainda está longe do jogador desequilibrante que conhecemos. O mesmo comentário cabe a Dudu que, em meu entendimento, está jogando muito adiantado e no meio dos beques em flagrante desperdício de talento. Se recuar um pouco pode render mais, muito mais!

Menção honrosa a Willian que enquanto esteve em campo desarticulou a defesa adversária com o seu trabalho incansável de marcação da saída de bola tanto e quanto de deslocamentos e apresentação para o recebimento dos passes. 

Foi substituído por Michel Bastos cuja contribuição tática foi representativa nos quase trinta minutos em que participou do jogo.

Borja evidenciou em alguns lances a sua enorme categoria, conhecimento da posição e provou que além de saber jogar, conhece a posição e vai dar muito trabalho aos adversários na fase final do Paulistão.

Keno, como eu já disse N vezes, é excessivamente individualista embora um jogador com drible no pé, capacidade individual para demolir retrancas, para exercer a chamada marcação alta e acompanhar os laterais e pontas velozes dos outros times. 

Keno precisa jogar menos para o Keno e mais para o time. Mas ele tem potencial, o que é mais importante e, seguramente, deve cobrir a ausência de Róger Guedes, expulso, cirurgicamente pelo curicano Luís Flávio.

Eric entrou quase ao final do jogo mas mostrou que embora esteja neste momento esquentando o banco é um jogador aplicado e dedicado. Isto é muito bom! 

A expulsão de Róger Guedes foi de uma injustiça revoltante, haja vista que o cartão amarelo aplicado ao palmeirense ocorreu em lance normal de jogo em que sequer houve falta.

Mas falar o que se a diretoria amadora do Palmeiras que parece não orientar devidamente os jogadores para lances "bobos" como o de Guedes, hoje, que na emoção do gol decisivo subiu no alambrado, continua aceitando normalmente árbitros useiros e vezeiros em prejudicar o Palmeiras.

Aliás, quando a TV mostrou a saída da delegação do ônibus à porta do estádio, vi Seraphin Del Grande e o turco incompetente que só os incompetentes e os interesseiros consideram competente chegando com a delegação ao lado do atual presidente.

Então eu me perguntei: por que Nobre, aquele que viabilizou o clube e o time  devolvendo-lhes a dignidade, o respeito e a grandeza também não estava no ônibus?

Como eles gostam de fazer cortesia com o chapéu dos outros!

FICHA TÉCNICA DE NOVORIZONTINO 1 X 3 PALMEIRAS
Local: Estádio Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte (SP)
Data: 2 de abril de 2017, domingo
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (SP) e Fábio Rogério Baesteiro (SP)
Público: 7.582 pagantes (total de 9.229)
Renda: R$ 467.960,00

Gols: NOVORIZONTINO: Roberto, aos 11 minutos do primeiro tempo; PALMEIRAS: Dudu, aos 38 minutos do primeiro tempo; Borja, aos 20, e Róger Guedes, aos 44 minutos do segundo tempo

PALMEIRAS: Fernando Prass; Fabiano, Edu Dracena, Mina e Egídio; Felipe Melo, Tchê Tchê, Róger Guedes, Dudu (Michel Bastos) e Willian (Keno); Borja (Erik).
Técnico: Eduardo Baptista

NOVORIZONTINO: Michael; Moacir, Domingues, Diego Sacoman e João Lucas; Éder (Henrique Santos), Doriva, Roberto, Fernando Gabriel (Caíque) e Henrique Roberto (Alexandro); Everaldo
Técnico: Silas

Cartões amarelos: Éder e Roberto (Novorizontino); Róger Guedes, Felipe Melo e Borja (Palmeiras)
Cartão vermelho: Róger Guedes (Palmeiras).
      
COMENTE COMENTE COMENTE

25 Comentários:

  • Às 2 de abril de 2017 20:00 , Anonymous Verde e Branco disse...

    No segundo tempo da para virar o jogo.

     
  • Às 2 de abril de 2017 20:01 , Anonymous Juarez disse...

    Amarelo inventado para Guedes e F.Melo, culpa do amadorismo, pois até quem vai nascer amanhã sabe que esse sujeito é mal intencionado.
    Como pode ter estudado o adversário e não ter percebido que são velocistas.
    Borja é muito bom, pena que as bolas não chegam adequadamente,eu tiraria Fábiano colocaria Tchê na lateral e M.Bastos no meio.

     
  • Às 2 de abril de 2017 20:31 , Anonymous Juarez disse...

    Esse Borja é um baita jogador.., juntamente com F.Melo e Mina..

     
  • Às 2 de abril de 2017 21:13 , Anonymous Edson disse...

    E que saudade do Zé Roberto vendo a atuação do Egídio. Péssimo, provou que não tem condições de ser titular do Palmeiras.
    Muitas vezes nos encantamos com um cruzamento bem feito que ele faz, mas convenhamos, são poucos.
    ZR é veterano mas não erra passes fáceis como o Egídio, além de marcar melhor.
    Precisamos urgentemente de um lateral para a titularidade.
    EB escalou bem e mudou bem. Aparentemente tem o time ao seu lado e já toma conta do ambiente.
    Borja é um grande Jogador, Roger Guedes só comprova que tem que ser titular e Willian também. Borja e Willian juntos, uma grande sacada.
    Mina bem e Dracena bem. Os demais não comprometeram.
    E o que falar do PRASS? Que defesa impressionante!

     
  • Às 2 de abril de 2017 21:22 , Anonymous Elcio disse...

    Bom time esse do Novo Horizontino.

    Como em todos jogos, o Palmeiras controla bem o jogo, é pouco agressivo, defesa fica no mano a mano várias vezes e o time só deslancha depois de estar na frente do placar.

    Nao gostei da escalacao inicial, Dudu tem que jogar aberto pela esquerda e ir para o meio eventualmente, nao posicionado no meio direto, tanto é, que nem jogou bem.
    Qundo fez a substituição, errou também,o certo seria colocar o Michel no meio e Dudu aberto na esquerda.
    Entradas de Keno e Erick doram para fazer média, ao melhor estolo Cuca.
    Abraços

     
  • Às 2 de abril de 2017 21:37 , Anonymous Elcio disse...

    Decididamente, qdo uso o celular para escrever é uma desgraça.
    Nem vou corrigir, tantas são as palavras escritaa errado.

    Na verdade, coltei mais para falar da defesa do Prass.

    Monstruosa!!!!

    Qdo falei da substituição errada, era para tirar o Willian, colocar o Michel e passar o Dudu para a esquerda.
    Seria muito melho do que colocar esse Keno, que perdeu todas as bolas que pegou.

     
  • Às 2 de abril de 2017 22:17 , Anonymous Juarez da Moóca disse...

    Apesar de não ter sido um primor, gostei do time, jogou para vencer e buscou o resultado durante todo o tempo, passou a finalizar mais,por outro lado nossa defesa ficou muito exposta, precisa-se de mais atenção principalmente do Tchê tchê nas coberturas, F. Melo foi muitíssimo bem, se desdobrou na cobertura, e nas saidas para o jogo, Tchê Tchê tem que fazer o mesmo para selar o setor, para que não aconteça o que aconteceu no primeiro gol, Edu Dracena ir la no meio para tentar matar a primeira bola, ali era lance para um dos volantes.
    Foram muito bem, apesar de com um pouco de ansiedade Guedes, Willian e Borja, esse ultimo um belíssimo jogador, quando a bola passar a chegar com mais qualidade vai fazer muitos gols.

    Dracena, e Mina tem que ser a zaga titular, e Egidio tem que ser mantido na lateral, com as sequencias de jogos vai render mais, e mesmo sem sequencia é muito mais produtivo para o time que o Matusalém.
    Parte negativa dos jogos vem sendo o Dudu, mesmo tendo feito o primeiro gol, esta destoado, não acerta nada, passes cruzamentos,nada, deve estar com a seleção na cabeça, Fabiano também não esta solto, não sabe se guarnece o setor ou apoia, as vezes não faz uma coisa nem outra, mas quem tem que acertar isso é o treinador, no restante o time esteve muito bem, é mais ou menos isso ai, com alguns detalhes para serem corrigidos.
    Menção honrosa para Mina, F. Mello, Guedes e Borja esse ultimo muito bom!
    o restante todos jogaram bem, com exceção de Dudu e Fabiano.
    Esta fácil de ir armando o time, agora quero ver se o Batista vai ter cunhão para manter Dracena e Egídio no time, hoje eu meteria Tchê na lateral direita, Tiago Santos de primeiro volante, F. Melo de segundo que tem melhor passe e sabe sair para o jogo, com esses dois haveria uma cobertura melhor, colocaria Guerra no meio no lugar do Dudu, para lançar, Guedes e Borja, e fazer os laterais passar..!
    Prass
    Tchê
    Mina
    Dracena
    Egídio
    T.Santos
    F.Melo
    Guerra
    Wilian (Dudu)
    Guedes
    Borja


     
  • Às 2 de abril de 2017 22:42 , Anonymous Arnaldo 72 disse...

    Felizmente temos individualidades!!

    Saudades do Cuca!!

     
  • Às 2 de abril de 2017 23:37 , Anonymous Armando disse...

    Achei a escalação errada. O time precisa de alguém pra criar jogadas e não estou falando do chinelo. Escala o Bastos, Veiga ou Hyoran (que falta faz o Moisés). Mas não, enche o meio de campo de atacantes e só fica o F.Melo pra segurar a bucha.

     
  • Às 2 de abril de 2017 23:39 , Anonymous juliano disse...

    jogar o tche na lateral é disperdiçar talento do meio campo.
    Dudu não tá 100% mais é titular facil.
    jogadas individuais ganha jogo.
    Tá com saudade do jaime boni, do tonigato, do pardalzinho, do whachiton orelinha?

     
  • Às 3 de abril de 2017 00:24 , Anonymous Roberto disse...

    No lance que originou o primeiro cartão amarelo de Guedes, houve falta sim, mesmo que sem querer, ele passou uma rasteira no adversário. Porém, como a grande maioria dos jogadores, são burros ou desconhecem a regra. Expulso merecidamente, apesar de não concordar com essa regra.

     
  • Às 3 de abril de 2017 00:24 , Anonymous Juarez da mooca disse...

    Juliano, pelo seu comentário já de para perceber o seu nível, não é merecedor de minha resposta, são tipos igual a vc que está esvaziando o blog.

     
  • Às 3 de abril de 2017 00:37 , Anonymous Sr. Keiko disse...

    Gabriel Girotto toma cartão errado, anulado. Felipe Melo toma cartão errado. Vamos aguardar...

     
  • Às 3 de abril de 2017 11:17 , Anonymous Carlos de Assis disse...

    Esse blog virou um sub 15, se enfeitam com as melhores marcas, mas não jogam e muito menos entendem de futebol, e se contrariados ainda ofendem, triste geração.

     
  • Às 3 de abril de 2017 11:39 , Anonymous Marcelo Jose disse...

    A diretoria deveria vetar certos árbitros como o Luiz Flavio de Oliveira, da família de irada recordação da torcida alviverde. Amarelou e expulsou, sem motivos, uns dos jogadores mais decisivos do Palmeiras. E se não houvesse reposição? A torcida curicana e demais adoram, vsf.
    A lateral esquerda está uma avenida, tem que se treinar a cobertura, os adversários sabem que, devido à maior qualidade técnica do Palmeiras, irão jogar em contra-ataque e explorar isso.
    O time melhorou, por sinal bem melhor que os outros sete, e que as individualidades sempre nos façam vencedores.

     
  • Às 3 de abril de 2017 12:45 , Blogger william schneider disse...

    Gostei dá escalação, em excessão Dudu pelo meio que fica perdido.. gostei dá movimentação e vontade de ganhar a partida..
    Pra furar a marcação dos times que jogam contra nós fechadinhos, temos que usar as laterais como usamos nesse jogo.
    Egídio realmente não marca bem, mas apóia muito bem, sempre está lá.. com sequência de jogos e ritmo vai melhorar.. isso seeee como Juarez dá Moça disse, seee EB vai ter culhão pra manter Egídio e Dracena.
    Aliás posso ter visto errado mas a culpa do gol que sofremos foi de quem estava marcando o jogador do Novorizontino, no caso Edu Dracena, que por sinal fez mais uma ótima partida tirando esse ocorrido.
    Na outra lateral ao contrário de muitos, gostei dá atuação do Fabiano, apoiando, marcando, tocando a bola, faltou caprichar em alguns cruzamentos.
    O que falar de Mina?? O cara dá um gás legal.. enquanto uns ficam tocando de um lado pro outro, Mina adianta a bola, leva mais a frente e passa geralmente pra Guedes. Outro que está se formando na titularidade por merecimento.
    Borja tbm mostrou conhecimento dá posição, recebeu algumas bolas e fez dribles e movimentos sensacionais..

    Mas pra falar bem a verdade, o que eu mais gostei foi que mesmo ganhando de virada com placar 2x1, estávamos atacando e querendo mais... Tanto que o gol do Guedes foi fruto desta dedicação.

    Um detalhe, que qdo perdíamos de 1x0, o técnico Eduardo Batista falava e gritava com os jogadores pra jogar bola.. corrigindo e pedindo pra tocar rápido nas inversões de jogadas.
    Outra que deu pra ouvir muito bem e perfeitamente foi a orientação ao Erik pra ele abrir na ponta e deixar Guedes mais centralizado.

    Mas isto os corneteiros não comentam né... Tudo bem...

    Não foi um espetaaaaculo, muito menos a melhor partida do ano.. mas o caminho é esse.

     
  • Às 3 de abril de 2017 12:54 , Anonymous Juliano disse...

    Naum entndi pq ficaro bravo.
    Num ofendi ninguem.
    Foi opiniao só.

     
  • Às 3 de abril de 2017 13:47 , Anonymous EU disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 3 de abril de 2017 15:56 , Blogger william schneider disse...

    O "EU", em nenhum momento li que precisa ser intelectual ou formado em letras para participar do blog.
    Respeito a opinião de todos, inclusive a sua.
    Realmente não tenho formação pra escrever bonito mas sou apaixonado por futebol, curto mto este blog pelo fato de ser livre, de cada um poder expressar suas opiniões com educação.

    Se os "fortes" resolveram parar de participar não tenho culpa e não me importo.
    Cada um faz o que bem entende dá sua vida.

    Cada Homem se identifica com sua assinatura.

    Se vc não curte meus comentários, ou a maneira que escrevo eu te respeito mas vc não tem o direito de julgar alguém.

    Mais humildade amigo!!

     
  • Às 3 de abril de 2017 16:10 , Anonymous Alcides Drummond, o editor disse...

    Meus amigos

    Corneteiro, na gíria do futebol, é aquele que gosta de emitir opiniões e que as emite em grande número.

    Diante disso, tenham certeza, eu também sou um corneteiro.

    Sugestão:

    Vamos, todos, parar de nos ofender se alguém nos dirigir essa expressão.

    Quanto a mim, repito, chamem-me de corneteiro se entenderem que eu esteja agindo assim!

    Vamos, todos, ser um pouco menos sensíveis e nos despojar do excesso de amor-próprio, a fim de colocarmos um pouco mais de "molho" às discussões.

    Abs

    (AD)

     
  • Às 3 de abril de 2017 17:01 , Anonymous Verde é a cor mais linda de todas disse...

    Qual o problema em ser mais jovem? O importante é que somos palmeirenses. Percebo que alguns(ou algum), querem(ou quer) restringir o blog. O dono permite que todos opinem desde de que sem ofensas. Alguns se sentem donos da verdade e acham suas opiniões verdadeiros dogmas. Humildade e Respeito fazem muito Bem.

     
  • Às 3 de abril de 2017 18:12 , Blogger william schneider disse...

    Este comentário foi removido pelo autor.

     
  • Às 3 de abril de 2017 18:22 , Anonymous Verde é a cor mais linda de todas disse...

    William Schneider, não me referi a você ao contrário apoio sua opinião.

     
  • Às 3 de abril de 2017 19:39 , Blogger william schneider disse...

    Obrigado!!
    Sinto que estamos aqui pra ajudar o Verdão.
    Cada um com seus modos e com suas opiniões.
    Talvez as palavras não são as mais bonitas, mas são cheias de boas intenções.
    A ideia é a que vale.

    Não vou parar de ler o blog jamais. Eu sinto que aqui é um lugar verdadeiro.

    E bora pra frente...

    Um abraço!

     
  • Às 3 de abril de 2017 19:48 , Anonymous Verde é a cor mais linda de todas disse...

    Com certeza queremos o bem do verdão.

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial