Observatório Alviverde

07/05/2017

100 ANOS DE DERBY!


O PTD -fiquem tranquilos e relaxem pois não estou falando de nenhum partido político-, PALMEIRAS TODO DIA, traz neste domingo interessantíssima matéria sobre os cem anos do clássico Palmeiras x Curica, que Tomás Mazoni, o maior editor de "A Gazeta Esportiva" e um dos mas influentes e importantes cronistas do início do século passado, não sem justa razão, batizou como "derby" do futebol brasileiro.

No tempo em que as corridas de cavalo eram os eventos esportivos mais importantes nas maiores cidades do planeta, o evento maior desse esporte em cada ano era denominado "derby".

É elementar que o Jockey Clube Paulista tinha, também, o seu derby, que reunia a nata da sociedade paulistana e de tantas outras cidades cujos cidadãos mais abastados iam a São Paulo não apenas para participar do espetáculo esportivo mais glamouroso como, também, para fazer suas apostas.  

A diferença entre São Paulo e as principais cidades mundiais é que o "derby turfístico" paulistano começou a ser superado em tamanho, grandeza e importância a partir de quando Palmeiras e Curica realizaram o primeiro clássico, a 07 de maio de 1917 e o Palestra já empurrou 3 x 0 neles, e os três gols assinalados pelo imortal centroavante Caetano Izzo.  

Começava assim a saga extraordinária de um time que embora mais novo do que a maioria dos que hoje são chamados "grandes" ultrapassou todos os concorrentes acabando por se tornar o primeiro campeão mundial de clubes no único torneio entre todos os já realizados ao qual se pode, efetivamente, chamar de Campeonato Mundial.

Os outros, a maioria simples torneios, não passaram de partidas isoladas que jamais estabeleceram de fato e a maior parte das vezes nem direito) a prevalência e a predominância de algumas equipes.

Mas voltemos aos nossos confrontos com aquele que, sem qualquer dúvida, é o maior adversário do Verdão, tanto e quanto, em recíproca verdadeira, o Palmeiras representa o mesmo para eles.

De acordo com os grandes palmeirenses e pesquisadores do Palmeiras Todo Dia, o PTD, 

José Ezequiel Filho, Fernando Galuppo e Jota Christianini., 
os números são estes: 

 Jogos: 362
Vitórias do Palmeiras: 129
Vitórias do Curica: 123
Empates: 110
Gols marcados pelo Palmeiras: 518
Gols marcados pelo Curica: 473

Foram 32 disputas diretas entre os clubes de títulos, taças e troféus
Títulos do Verdão: 32
Títulos do Curica:  11 

Ao mesmo tempo em que agrademos ao pessoal do PTD e em especial ao Ezequiel, ao Galuppo e ao Christianini pela pesquisa, processamento e divulgação dos números históricos, faço questão de destacar o seguinte.

Essa diferença pró Palmeiras poderia ser e estar infinitamente maior não fosse a influência nefasta da mídia que além de esconder (sempre escondeu ou divulgou números parciais de tabuzinhos bobos que só favoreciam ou favorecem o Curica) a diferença impressionante dos números favoráveis ao Verdão, trabalha descaradamente pelo que eles chamam de "time do povo"!

Da mesma forma o Palmeiras também teve muitas pseudo administrações de presidentes incompetentes, folgados ou de almofadinhas que não estavam nem aí para o futebol do clube.

Da mesma forma, como negar a influência pesadíssima das arbitragens que a mídia (sempre a mídia bandida, com raras exceções) sempre ressalta quando por acaso houve aqui ou ali um erro que favoreceu o Palmeiras.

Vejam que até hoje falam cobras e lagartos do árbitro José Aparecido, corretíssimo, só porque expulsou um dos piores caracteres futebolísticos que já vi em um campo de futebol, Neto, num dérbi decisivo sem mencionar nunca que ele, covardemente, cuspiu sobre o árbitro.

Em compensação ninguém da mídia sequer toca na pior e mais tendenciosa arbitragem a que pude assistir e testemunhar em um campo de futebol, em 1986, de Ulisses Tavares da Silva Filho que anulou gol legítimo do Palmeiras, deixou de marcar vários pênaltis sendo um deles escandaloso e ao final do jogo expulsou três jogadores do Verdão. 

Na semana que precedeu o chamado jogo da justiça em que o Verdão, na semana seguinte, meteu 3 x 0 neles, fui fazer uma reportagem para a TV na Fazendinha e sabem quem foi um dos primeiros torcedores que ví com a camisa curicana? Simplesmente ele, Ulisses, o melhor em campo  no primeiro confronto das semifinais e que por muito pouco não tirou o Palmeiras do jogo final contra a Inter de Limeira.

Você já viu, ouviu ou leu alguém da mídia falando sobre esse assunto? Claro que sim! E sobre José Aparecido e a eliminação do Curica? Claro que não! 


Apesar de todos e apesar de tudo, nesses 100 anos de derby o Palmeiras tem prevalecido. 

A chegada de Cuca me dá a certeza de que o Palmeiras terá time para aumentar a diferença em relação àquele que é o seu maior adversário!

COMENTE COMENTE COMENTE
 
 


7 Comentários:

  • Às 7 de maio de 2017 12:12 , Blogger Escanavide disse...

    o portal Uol, sempre contra o verdão, publica hoje, através do blog do perrone, em sua coluna a seguinte manchete: "opinião: Cuca foi no mínimo deselegante com Baptista". Já o portal relata que o verdão tenta aparar a rusga entre o cuca e jogadores. Olha a que ponto chegou o desespero desse portal nefasto

     
  • Às 7 de maio de 2017 14:27 , Anonymous Arnaldo disse...

    Caro Alcides, ... caros colegas

    A cada dia fica mais evidente a frase cunhada aqui neste Blog:
    "O que é bom para a imprensa, é ruim para o Palmeiras e vice-versa"

    Minha expectativa é grande pela volta do futebol campeão de 2016.
    E mais que isso, o contrato foi firmado até Dez/2018!!

    Que todos nós, que sabemos da capacidade e competência do Cuca, bem como de seu amor pelo Palmeiras, tenhamos paciência nas derrotas que certamente virão. E sabemos que certamente nosso querido Cuca vai fazer com que este grupo de jogadores se transforme em uma equipe competitiva e que não se entregará antes do apito final.

    Ahhh não vejo a hora de, com Cuca, jogarmos de novo contra o 'curica'...
    Três 'Derbies', três vitórias, nenhum gol tomado em 2016...

    Que comece 2017!!!

     
  • Às 7 de maio de 2017 17:28 , Anonymous Arnaldo disse...

    Caro Alcides, ... caros colegas

    Não estou assistindo a 'final', mas não tem como deixar de ouvir os gritos e fogos da comemoração dos curicanos.

    E o pior, é lembrar que nós poderíamos estar fazendo esta festa.

    Vem 2017!! Vem Cuca!!!

     
  • Às 7 de maio de 2017 18:42 , Anonymous Nei Verde disse...

    Que ódio, EB deve está comemorando o paulistinha!

    Vendo o jogo hoje, como pode perderrar para esses catados
    ridiculos.

     
  • Às 7 de maio de 2017 20:55 , Blogger Moisés Braga Ribeiro disse...

    O inepto EB ligou para o pai:
    -- Papai, tomei um pé na bunda do Palmeiras...
    -- Meu filho, veja o lado bom! Você levou a Ponte para a final e deu um título para o curica, nossos times do coração!

    ================

    Não vi o jogo nem vou ver.
    Dá muita raiva mesmo, hoje era dia de Derby e dia de mais um título na nossa casa.

    ================

    Aqui em Brasília os fogos foram para o flalido, que tem uns 60% de torcida na cidade.
    Dá quase no mesmo: dois lixos, protegidos da RGT e do governo, através da Caixa.
    curica recebe 30 milhões, e não paga nem o financiamento do estádio!
    flalido recebe 25 milhões.

    Lista completa: http://www.caixa.gov.br/esportes/clubes-patrocinados/Paginas/default.aspx

     
  • Às 7 de maio de 2017 22:07 , Anonymous Verde Insuperável disse...

    Com dinheiro, fica fácil comprar e montar um time. E, neste quesito, o Palmeiras nada de braçadas. E tudo começou com o grande Nobre. No primeiro mandato, Mattos pouco faria. Digo tudo isso para dizer: Seo Alexandre Mattos, estou de olho em você ! Este título cornuintianus conta com a sua colaboração. Se não contratasse o inepto e inodoro EB, não teríamos perdido da Ponte. Gagliote sabe disso. Portanto, cuidado, pois a faca está no seu pescoço gordo.

     
  • Às 8 de maio de 2017 00:12 , Anonymous Nei Verde disse...

    Moises e Insuperável, aqui em Londrina nem teve comemoração, paulistinha perdeu a graça, já os flamerdista, acho que ficaram com vergonha de tando foi o roubo em Sima dos viados do rio.
    Quanto ao patrocínio, eu digo a eles que é bolsa caixa..!digo tb aos flamerdistas para terem paciência, os gambas já conseguiram a minha arena minha vida, quem sabe eles conseguem tb.
    Esses dois clubes é a cara do Brasil do PT.

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial