Observatório Alviverde

11/11/2017

VALENTIM LEVA O TODO O ELENCO PALMEIRENSE PARA A SALA DE ENTREVISTAS!!! VAI FUNCIONAR???



Entendi como "federal" a inédita tacada de Valentim da presença grupal do elenco do Palmeiras na coletiva de ontem!

A medida assustou a mídia pegando-a desprevenida, embora, de um ponto de vista prático e no âmbito restrito do time, não passou de um inesperado jogo de cena.

A experiência me ensinou que esse tipo de atitude em relação ao intragrupo não funciona, ou, vá lá, funciona muito pouco sendo insuficiente para alterar tanto o fácies como a atitude de um time que perdeu o foco e o rumo neste Brasileiro.

No extracampo, sim, funciona muito bem em relação à torcida e à imprensa, na medida em que elimina os habituais argumentos nem sempre verídicos da falta de união e do desinteresse do grupo pelo campeonato. 

As críticas, nesse sentido cessam e são, simplesmente, abafadas, asfixiadas,  proporcionando mais tranquilidade ao elenco para trabalhar visando às cinco rodadas finais que determinarão a estratificação final deste Brasileiro e quem vai jogar o que em 2018.  

No âmbito interno, há de se dizer que muitos jogadores, dos descontentes àqueles que não se alinham com Valentim e até outros que já negociam suas saídas do clube, compareceram à sala das entrevistas de uma forma moralmente compulsória, apenas e tão somente por obrigação e pela necessidade de marcar posição.

Premidos pelas circunstâncias, não tiveram como evitar de se apresentar, até porque ninguém quer ser acusado de trairagem, de falta de profissionalismo, de divergência com os companheiros ou de trabalhar contra  o técnico .

Findas as entrevistas que colocaram no banco da frente da sala e em destacado primeiro plano, Dudu, Moisés, Valentim, Prass e Edu Dracena, indubitavelmente, os quatro líderes do time quero acrescentar um detalhe importantíssimo. 

Faltou sensibilidade a Valentim em relação a Zé Roberto, isolado e em segundo plano, que, embora não esteja jogando, é, saiba ou não Valentim, queira ou não Valentim, o grande líder e mentor do atual grupo palmeirense.

O reserva ZR por seu caráter, vivência, carisma, autoridade moral e acima de tudo pelos exemplos positivos que proporciona a esse grupo, reúne e enfeixa nas mãos  muito mais autoridade, influência e carisma do que Dudu, Moisés, Prass e Dracena juntos, os quatro líderes destacados pelo técnico.

Fique sempre bem claro que, não, não quero ZR em campo, atuando, jogando... 

Quero, isto sim, Zé Roberto (ele também tem muito mais status e autoridade do que Valentim) participando, mostrando e orientando os mais novos dentro ou fora de campo, transmitindo a todos eles  a sua experiência, seguramente uma das mais ricas de toda a história do futebol brasileiro. 

Quem sabe poderia ser ele aquele auxiliar de confiança e que representa a diretoria no seio da comissão técnica? 

Ele tem o conhecimento e todas as ferramentas para tal!

Você que lê este OAV considera que Valentim acertou ao realizar a entrevista (literalmente) coletiva do elenco palmeirense?

Terá, a entrevista, o poder de chamar o time aos brios, fazer com que os jogadores corram mais, se esforcem mais e derrotem o Flamengo?

Ou considera que, do ponto de vista prático, tudo o que foi feito não funciona?

COMENTE COMENTE COMENTE

19 Comentários:

  • Às 11 de novembro de 2017 06:11 , Anonymous Verde Insuperável disse...

    Nada mais RIDÍCULO do que ver o Paneleiro Prass, mais uma vez, tentar sustentar um treinador. Até quando esse elemento vai "soltar e mandar prender" no Palmeiras. Esse cidadão, além de raqueteiro, que nunca agarra nenhuma bola, um frangueiro de marca maior, um perfeito vigarista, é o representante maior dessa moléstia chamada Resort, que transformou o Palmeiras em um bando de vagabundos desinteressados, que sequer tem ânimo de jogar, porque sabem que o que vale é a opinião desse picareta (o Mustafá da boleirada), que conseguiu em todo esse tempo puxar saco da diretoria, para manter seu "status quo". Ele é tão dissimulado que, para tentar renovar mais um contrato milionário com o Verdão, anda enviando às TVs uma planilha onde sua assessoria de imprensa relata as defesas que tem feito ultimamente (claro que se esquecendo das falhas). Fim do mundo esse traste !!! Pior de tudo é que seu empresário é o mesmo do pilantra Kleber Gladiador, todos amigos do Netto, que tentou deixar o Palmeiras de joelhos anos atrás, quando nosso técnico era Felipão. Caramba, será que nenhum de vcs lembra disso ? Como pode parte da torcida palmeirense defender um indecente desses? Assumo o que estou afirmando, para todos os fins de direito e responsabilização civil e penal. Nunca passei tanta vergonha na vida, como palestrino, depois dessa cena patética de ontem, protagonizada por Prass, Valentim e caterva, e, sabiamente, apenas observada por Zé Roberto, jogador com uma história que não poderia compactuar essa sujeira, verdadeiro abraço de afogados e fracassados.

     
  • Às 11 de novembro de 2017 06:14 , Anonymous Verde Insuperável disse...

    que não poderia compactuar com essa sujeira....

     
  • Às 11 de novembro de 2017 06:17 , Anonymous Verde Insuperável disse...

    Apoio que vale e funciona é apoio da torcida, como aquele que os 35 mil maloqueiros fizeram sábado passado no Roubalhao. Aliás, em termos de planejamento, organização e entendimento do Futebol, os curicas nos dão de lavada. Vergonha !

     
  • Às 11 de novembro de 2017 06:21 , Anonymous Verde Insuperável disse...

    Como eu disse e repito: No PALMEIRAS tem uma palhaça que paga, um malandro que contrata e um inepto que só diz amém. Todos mandados por um porco obeso infindável nas entranhas do clube, e um paneleiro dissimulado nos vestiários. Volta, Nobre !!! Saudades de DOER !!!

     
  • Às 11 de novembro de 2017 06:23 , Anonymous Verde Insuperável disse...

    Duvido que Brunoro, com esse caminhão de dinheiro, fizesse tantas pataquadas, e comprasse tantos perebas. Basta ver os jogadores que ele cirurgicamente comprou, na era Parmalat.

     
  • Às 11 de novembro de 2017 06:27 , Anonymous Verde Insuperável disse...

    Só espero que minhas críticas ao Prass não façam o seu fã clube, bem como suas macacas de auditório, despejarem ofensas contra mim. E tenho dito.

     
  • Às 11 de novembro de 2017 08:21 , Anonymous Nei Verde disse...

    Quando vi a sena, bati o carimbo da chegada ao fundo do poço, ridículo...!
    Zé Ré apesar de ter sido ótimo jogador, sempre foi coadjuvante por onde pessou.
    Sem tirar e nem por, Palmeiras de hoje está muito bem descrito no comentários do INSUPERÁVEL, principalmente o das 6:21 hrs.

     
  • Às 11 de novembro de 2017 09:33 , Anonymous pássaro verde disse...

    Xinga e não quer ser xingado? Vai te catar verde insuperável. Velho gaga arrogante. Não bate bem da cabeça mesmo. Seus comentários pra lá de insensatos, arrota arrogância aqui e ali, diz que é palmeirense mas na verdade nem o é, fica aí de polemiquinha com o ultrapassado Prass só para ser o diferente, criar polêmica, é isso que você quer, ibope e auditório, cara mal educado, nem conhece o prass e fica xingando de vagabundo ordinário e um monte de coisa e não é por que é o prass fosse qualquer outro, ninguém aqui gosta de você e dos seus comentários, só os mesmos de sempre claudio e ester em que vocês ficam aí se elogiando num tremendo puxasaquismo. Xinga os outros aí e depois vem com papinho que não quer críticas ao seu comentário e bla bla bla. Bosteje menos pelos dedos, fica a dica. Cara chato meu

     
  • Às 11 de novembro de 2017 10:18 , Anonymous Verde Insuperável disse...

    Já ficou deliberado que não é permitida ofensa pessoal aos blogueiros, neste Blog. Em sendo assim, esse tal de pássaro cometeu assaz irregularidade. Se ele pensa que eu vou retruca-lo, está muito enganado. Minha idade e experiência não me permitem perder tempo com condutas desse baixo naipe. Pode me ofender a vontade. Isso só me faz engrandecer. Pessoas pequenas não incomodam. E eu te incomodei. E você não me incomoda.

     
  • Às 11 de novembro de 2017 10:20 , Anonymous Verde Insuperável disse...

    Que Deus o tenha, querido pássaro verde. Eu te amo. Como a todo semelhante.

     
  • Às 11 de novembro de 2017 10:31 , Blogger Roberio BA disse...

    Bom dia alviverdes imponentes. Passando pra discordar de coletiva com todo elenco junto, acho que se de fato o elenco é unido (o UE eu não acredito) que se mostre em campo, o que convenhamos não acontece, vide os jogos mais importantes e eliminatórios tomamos muitos gols relâmpagos e não vemos ninguém cobrar ninguém, não digo que deva haver xingamentos, ofensas e ou agressões, más aqueles que cometem as falhas devem ser cobrados sim pelo capitão, técnico, jogadores mais experientes ou qualquer outro, assim funciona no futebol, más quando isso não acontece, é evidente que não há bom relacionamento entre o elenco, se não se permitem ser cobrados é óbvio que há diferenças, arestas, farpas, o descontentamento com o companheiro deve ser externado de modo a eliminar a apatia e o descontentamento que toma conta dos demais e impede o desempenho com raça, determinação, confiança para criar uma atmosfera positiva e reverter uma situação desfavorável, isso não vimos no Palmeiras versão 2017, exceto raríssimas exceções, no ambiente do futebol há que se haver um ambiente saudável e de cumplicidade para que os resultados aconteçam, o clube que motiva seus atletas apenas com dinheiro está propício ao fracasso, o futebol deve ser jogado com alegria, vontade de vencer o adversário, esta é a excencia, o que vem depois disso é consequência. Temos um bom elenco sim, más mal formatado, posições carentes e excesso em outras, isso tá na conta de presidente, diretor e técnico (exatamente nesta ordem) pois o técnico solicita, o diretor contrata com o aval do presidente. Este desequilíbrio na formação da equipe é sentida pelos atletas em campo, pois antes mesmo do início da partida, os mais talentosos e experientes já sabem que e onde vai dar merda, e quando confirmado não há motivação que resista, cabe a quem planeja uma temporada estar atenta a estes fatores que sem dúvidas comprometerão a jornada. Imaginemos hoje os nossos atletas mais talentosos entrar em campo com Juninho de zagueiro, Egídio de lateral, Bruno Henrique na contenção, Guedes na ponta e Deyverson no ataque? Se nós torcedores de antemão já imaginamos que não vai dá imagine quem está em campo? O Palmeiras de Crefisa e Matos se preocupam apenas em gastar dinheiro sem planejar de fato um time de futebok, acredito que Nobre em seus últimos dias de presidente sabia disso e por este motivo não renovou com o diretor e impugnou D.Leila a se candidatar, infelizmente "cara de ovo" não entendeu...

     
  • Às 11 de novembro de 2017 11:53 , Anonymous JOFRI disse...

    Verdilhaço, di boa.
    Quandu vc Xinga o prass é crítica e quandu alguém critica vc é ofensa?
    Podemu criticá vc xingandu di vagabundu e indecenti?
    Di boa memu, xega di ser mal educadu.
    É memu um insuperávi verdilhaço.

     
  • Às 11 de novembro de 2017 12:04 , Anonymous VICTOR TREDENSKI disse...

    Errou

    Fazer isso faltando o que, 5 rodadas pra terminar o campeonato

    que lááááááááá no começo foi jogado as traças por cuca

    alguém aqui não lembra do acinte cometido no allianz no jogo Palmeiras x atletico-pr,em que o ex-tecnico entrou com um time reserva sem necessidade alguma e tomou uma derrota?

    ali o Palmeiras perdeu o campeonato

    teve alguns espasmos nessas rodadas passadas

    tudo bem, é nossa obrigação torcer sempre e acreditar no nosso time

    mas sejamos sinceros e honestos intelectualmente:

    tirando os erros de arbitragem que nos prejudicaram e MUITO

    o cerne central da questão é: um time que, contando os erros, as barbeiragens que a direção fez desde o começo do ano na montagem do elenco

    mais o desprezo CRIMINOSO e o pouco caso suicida que empregaram ao campeonato brasileiro

    vai adiantar alguma coisa agora

    no apagar das luzes dessa temporada deploravel de 2017

    vir na TV dizer que o grupo ta unido, coeso e o escambau a 4?

    me poupe vá

    deram valor ao campeonato brasileiro por que fomos defenestrados na copa do brasil e a tal obssessão

    igual aquele estudante que não está nem aí com a escola o semestre inteiro

    aí pega tres, quatro recuperações

    precisa tirar notas

    e fica igual louco estudando, pra recuperar o tempo perdido

    ai não recupera, chora para o pai e para mãe

    e os dois, por amar o filho preguiçoso

    choram para o conselho de professores passarem o coitadinho

    é mais ou menos isso que está acontecendo com o nosso time

    quem era pra vir a publico deveria ser o alexandre mattos e o tal presidente galiote

    deveriam vir a publico vociferar contra arbitragens calamitosas durante os assaltos perpetrados contra nós

    o ano inteiro levando numa boa

    agora que a agua bateu na bunda

    agora que a conta dessa palhaçada que fizeram neste 2017 palmeirense chegou

    ficam nessa aí de coitadismo

    me poupe

    to sem saco pra aturar tamanha cara de pau

     
  • Às 11 de novembro de 2017 12:11 , Blogger Ester Abea disse...

    como falou nosso Tredenski

    2017 foi uma temporada deplorável, onde cismamos com o tal Torneio made in Paraguay.
    E esquecemos do CBr, onde já somos ENEA...

    Como cgamar isso de planejamento ?????

     
  • Às 11 de novembro de 2017 12:11 , Blogger Ester Abea disse...

    quanto ao time, parece ter treta ali...

     
  • Às 11 de novembro de 2017 15:03 , Anonymous Ex - Jogador disse...

    Esse tipo de entrevista nunca funcionou.

    Por que não jogam bola e correm em campo demonstrando vontade de vencer ao invés dessa patética entrevista ??

    Querem saber o que isso quer dizer ?

    Como ex - jogador posso dizer pra vcs que isso quer dizer: "vamos passar a imagem de união para mídia e assim a torcida fica a nosso favor"

    Querem a real, o motivo dessa entrevista ? estão com MEDO da torcida ir lá e quebrar tudo, protestar, jogar ovo, pipoca, dinheiro, etc

    É isso

    que ano meu amigos !!

    voltamos na era amadorística do sr. kibe !

    cada vez mais vejo que valentim e essa diretoria não tem condições de comandar o Palmeiras



     
  • Às 11 de novembro de 2017 15:52 , Anonymous Jorge Campi disse...

    Eu não gostei da atitude do Palmeiras, principalmente porque ninguém da diretoria apareceu.
    Essa atitude reflete a "orfandade" que estão os jogadores, em virtude da incapacidade do presidente e dos demais diretores em defender o clube e o time, nas sucessivas operações arbitrais que sofremos.
    Não há quem os defenda, ninguém protestou, nem sobre o jogo contra o curica, nem contra o cruzeiro e (apesar da péssima jornada), nem contra o gol mal anulado contra o vitória.
    A entrevista foi uma tentativa de tentar parar a língua da imprensa, que sublimou de medo e tristeza à alegria intensa, em decorrência dessas derrotas e afastamento do título.
    Desavenças, desunião, ano perdido, panelas, negligência, jogadores que não valem o que custaram e etc é o prato principal da imprensa.
    Foi uma tentativa de mostrar união.
    Tivessem aparecido o Galliote para meter a boca no trombone, seria melhor.

     
  • Às 11 de novembro de 2017 18:01 , Anonymous gremiocampeaomundial disse...

    Calma, galera!

    Acompanho blogs de várias torcidas, sei dos problemas internos do Palmeiras, leio o PTD, o 3VV.
    Sei que houve uma expectativa recente e tal.

    Gosto de ler também sobre outros grandes clubes, de SP, MG, do RJ.

    Sei como é chato ver um rival direto como o Corinthians na frente com tantas ressalvas, depois de ter chegado tão perto...

    Mas a verdade, lembrem-se, venho para dar uma palavra de consolo:

    Não está o ideal, é verdade.

    Mas poderia ser pior

    VOCÊS PODERIAM SER TORCEDORES DO BINTER!!!

    Saudações Tricolores!

     
  • Às 11 de novembro de 2017 18:45 , Anonymous JOFRI disse...

    Essi gayucho vai ficá co vice da liberta.
    essi ái é nossu freguêis.

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial