Observatório Alviverde

23/05/2018

SE NÃO FOSSE SOFRIDO, NÃO SERIA PALMEIRAS! EMPATE COM O VERDINHO, CLASSIFICA O VERDÃO!


Foi um jogo em que a mediocridade prevaleceu e tomou conta de tudo e de todos, dos bancos ao campo, do campo aos bancos, do começo ao fim e em ambos os tempos, mormente no primeiro.

Róger Machado, apesar da classificação, passou recibo em sua condição de paneleiro, isto é, de um treinador que escala certas "personagens" imerecidamente como se quisesse "comprar" um bom ambiente para o elenco, esquecendo-se que bom ambiente não se compra, se conquista.

A escalação de Deyverson, forçada e desnecessária, foi extravagantemente peripatética, tendo-se em vista que esse jogador, desde que chegou até hoje, em todas as vezes que entrou no time, parecia um engenheiro trabalhando como médico ou um médico dando uma de engenheiro.

Na verdade, pelo nada que mostrou até esta data, ele, efetivamente, parece haver errado na profissão escolhida e se imagina um jogador de futebol. Nessa contratação, Cuca fez caca e não se pode culpar Mattos.

Se ao escalar Deyverson, Róger considerava a perspectiva de contar com um homem de área alto e forte para "brigar" com a defesa americana, também alta e forte, por que, então, não rompeu com o seu dogmatismo, com sua ortodoxia (eufemismos de teimoso, turrão e cabeçudo ) e entrou com Fernando ou com Papagaio, jovens, de ótima estatura e comprovadamente melhores?

Seria de muito menor risco entrar com qualquer dos jovens, ou como o povo fala impropriamente seria muito menos "arriscado".

Além disso, de repente, não mais do que de repente, vai que apareça um goleador egresso da base. É assim que funciona nos times que valorizam as categoria de menor idade. Nessas eventualidades revelam-se os craques, desde que se tenha coragem para lançá-los em jogos decisivos sem receios ou medos.

Em resumo, a entrada direta de Deyverson que ao menos até ontem mostrou que não é do ramo, foi um erro crasso imperdoável que poderia ter sido determinante numa eventual perda de classificação! Por pouco não foi!

Com Deyverson , o Palmeiras, habitualmente dono de uma linha ofensiva rápida e demolidora, conseguiu chutar apenas duas vezes contra o gol do Ameriquinha. Um poste na área mineira teria cumprido melhor desempenho)

No intervalo do jogo deixe uma mensagem acerca da necessidade de Róger tirar Deyverson afirmando que se ele continuasse no jogo, Róger estaria passando publicamente um atestado de incompetência.

Róger viu e tomou as necessárias medidas retirando Deyverson do time, mas cometeu outro erro em dar mais dez ou quinze minutos de oportunidade a outra figura decorativa do jogo, Lucas Lima, que só não conseguiu ser pior do que o companheiro substituído.

Embora tardiamente, Róger redimiu-se, em parte, do equívoco de escalação, mas apenas  no intervalo do jogo, quando -ufa-, tirou de campo quem nunca deveria ter sido escalado. O time jogava com dez!

Mas tudo aquilo que eu tenho dito há tempos e digo hoje em relação a Róger parece configurar-se plenamente à medida em que os jogos vão acontecendo e as emergências se sucedem.

Quem não percebe que o gaúcho é um técnico essencialmente conservador, medroso e que não ousa.

A teimosa insistência com um jogador fraco e inconsistente como Deyverson, visando a manutenção de um esquema tático que sequer está implementado e, menos ainda, consolidado, coloca às claras a falta de competência de Róger para a direção técnica de um clube de ponta do futebol mundial, o Palmeiras.

No impedimento de Dudu (que falta fez Dudu no jogo de ontem!) era elementar (qualquer Zé Mané da torcida sabia, menos Róger) que um time de velocidade, de jogadores de baixa estatura e que não tem bons cruzadores, no impedimento de Borja (sem um substituto à altura), se quisesse manter um bom padrão de jogo teria de utilizar os jogadores mais técnicos. Em razão disso, Guerra é quem deveria ter começado jogando.

A escalação de Deyverson ou de algum jogador de maior estatura, só se justificaria diante da necessidade do jogo aéreo do abafa e em última instância, (no desespero mesmo) o que, diga-se de passagem, não é a especialidade do time palmeirense.

Ontem, definitivamente, ficou exposto, explícito, óbvio e de uma clareza meridiana que Róger não é (jamais será) um estrategista ou um técnico ousado.

Sorte a dele (que até hoje não conseguiu estabilizar o time e nem proporcionar-lhe uma tática, um jeito de jogar), que a Copa da Rússia está chegando e lhe proporcionará alívio da enorme pressão que vem sofrendo dando-lhe um tempo para respirar.

Ele terá todo o tempo necessário para, em um mês, tentar dar ao Palmeiras o que não conseguiu em quase um semestre: equilíbrio, estabilidade (tática, técnica e emocional), auto-confiança, a doação de cada atleta em campo e a superação do grupo pelos objetivos visados, tanto e quanto um esquema tático eficiente e, em resumo, mais do que tudo isso, um bom futebol.

========================================
FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 1 (Classificado)
AMÉRICA-MG 1 (Desclassificado) 
Local: Allianz Parque, São Paulo (SP)
Árbitro: 
Jean Pierre Gonçalves Lima (RS) Péssimo. Não assinalou um pênalti sobre Lucas Lima no início do jogo, inverteu muitas faltas, permitiu reclamações e suas atitudes em campo mostraram que ele (se pudesse) teria tirado a classificação do Palmeiras. NOTA 2.
Bandeirinhas: Leirson Peng Martins (RS) e Lucio Beiersdorf Flor (RS) Bons: NOTA 7

Cartões amarelos:  
Lucas Lima e Felipe Melo (PALMEIRAS). Felipe Melo não mereceu o cartão.
Leandro Donizete e Aderlan (AMÉRICA-MG)

Público: 22.821 torcedores (Razoável)  
Renda: 1.241.521,90 Sr. Gagliotte e os ingressos populares? O Palmeiras também é povão!

GOLS
DO AMÉRICA-MG: Serginho, aos 37' do primeiro tempo
DO PALMEIRAS: Willian, aos 18" da etapa final


ESCALAÇÕES:
AMÉRICA-MG: João Ricardo; Norberto (Marquinhos), Matheus Ferraz, Messias e Carlinhos; Leandro Donizete e Juninho; Aderlan, Serginho (Ruy) e Luan; Rafael Moura (Aylon)  Técnico: Enderson Moreira
PALMEIRAS: 
Jailson - Não comprometeu e esteve bem e não falhou no gol. NOTA 7,5.
Marcos Rocha - Bom na defesa, cumpriu ordens de atacar menos, mas atacou. De um lançamento dele, com a cabeça, surgiu o gol de William, também de cabeça, que garantiu a classificação. NOTA 7 
Edu Dracena - Calmo, tranquilo e categorizado. NOTA 7
Antônio Carlos - Sério, antecipativo, imbatível no jogo aéreo. NOTA 7,5.
Felipe Melo - Enquanto teve fôlego, um dos melhores do time. Depois caiu. NOTA 7,5.
Bruno Henrique - Técnicamente abaixo do que rende, valeu pelo esforço em campo. NOTA 7.
Lucas Lima - Só vi Lucas Lima até 2 minutos quando sofreu o pênalti não marcado. NOTA 4.
(Hyoran) - Na base tem gente melhor. Valeu pelo esforço. NOTA 5
Keno - Esteve longe do atacante que é. ajudou a marcar e foi melhor como defensor. NOTA 6.
(Papagaio) - Lutou. Se entrasse de cara na certa teria feito melhor que Deyverson. NOTA 5.
Deyverson - Será que tem bola pra jogar no Verdão? Um poste teria tido mais utilidade. NOTA 3.
(Guerra) - Correu muito mas nem teve com quem jogar, O esquema tático atrapalhou. NOTA 5. 
A PERSONAGEM DO JOGO: Willian  
Mais marcador do que atacante doou-se completamente ao time. Correu muito o tempo todo, procurou a superação e nessa base ele marcou o gol milagroso da classificação NOTA 7,5.
O CRAQUE DO JOGO: Diogo Barbosa 
Exigido tempo todo, (O América forçou mais pelo seu setor) Diogo foi o melhor da defesa e um dos poucos que buscou a superação, atacando e defendendo com eficiência e sem nunca perder o ritmo, do início ao fim, errando poucos passos e descolando, até, alguns cruzamentos . NOTA 8,5..
Técnico: Roger Machado
Apesar do apoio que concedo a Róger (continuarei apoiando enquanto for possível) sou convicto de que eu tinha razão quando afirmava que ele não seria o profissional mais indicado para dirigir o elenco milionário do Verdão, com tantas cobras criadíssimas. 
A escalação de Deyverson para não alterar o esquema manjadíssimo que o Palmeiras vem utilizando, comprova o que dissemos tantas vezes de sua comprovada falta de criatividade e excesso de conservadorismo.
Apesar de ter reconhecido o erro e efetuado a mudança no intervalo do jogo (não é um procedimento usual da parte dele) Róger foi o principal responsável pelo sofrimento e pela agonia da torcida palmeirense na decisão de ontem. 
Em BH, estabelecida a vantagem de 2 x 0 (poderia ter sido maior não fosse ele ter recuado o time) esperava-se um Palmeiras motivado e  pilhado pelo seu treinador que entrasse em campo de maneira impositiva e arrasadora...
O que se viu foi um time burocrático e incapaz de derrotar um adversário que certamente tem seus méritos mas que, individualmente, dista léguas de distância do Verdão sob qualquer aspecto que se queira analisar. (AD)  
COMENTE COMENTE COMENTE
UM AMIGO DO BLOG PEDIU-ME PARA FALAR ACERCA DAS TRANSMISSÕES DE TV.
Assisti ao jogo pelo Sportv com Milton Leite e Noriega, um mal menor!

Como ouvir o insosso Cléber Machado na Globo tanto e quanto Gacibas, PCOs, Arnaldos, Casagrande(s) e outras tranqueiras invasoras da profissão de jornalista?
Em relação a Leite e Noriega, nem precisaria ser realizada qualquer análise acerca desses dois profissionais que, do ponto de vista formal são excepcionais (para os padrões de hoje, para os padrões de hoje...) mas que se perdem completamente quando trabalham nos jogos do Palmeiras.
Leite (esta é a minha sensação) não gosta de transmitir os jogos do Verdão. Por isto narra com "voz engolida" os lances de meio de campo e só aumenta o tom de voz nos lances de área. 
Não deixa de ser um estilo que eu aprecie, melhor e mais emocionante do que as narrações dos demais.
Seria ótimo, porém, não fosse o fato de Milton tornar-se inaudível e o telespectador precisar aumentar o volume da TV para entendê-lo. 
Ele pensa ou supõe que está todo mundo ouvindo quando ele usa murmura seu "mezza-voice"  macarrônico nas jogadas menos agudas. Então você aumenta o volume do televisor e ele grita estridentemente porque chegou a jogada de área de uma forma intempestiva.
Quando narra os jogos do Curica, entusiasmado, ele não deixa a voz ir tanto para a garganta nos lances menos perigosos e narra mais para fora tornando-se, sim, a partir daí, um dos melhores do país.
Quanto ao Noriega (minha maior decepção entre os cronistas na geração que sucede à minha) coloco-o, do ponto de vista técnico acima da média geral, mas ele perde-se completamente quando analisa as arbitragens dos jogos do Palmeiras que, dizem, ser seu time de coração. Imagino se não fosse!
Sua conduta quando do pênalti contra o Curica em que ele, convenientemente, voltou atrás foi, simplesmente, patética.
 A diferença entre ele e o árbitro que operou o Verdão é que Marcelo Aparecido voltou atrás após seis minutos e Noriega depois de uma hora. Fim de picada!
Quando Nori trabalha com Milton Leite apenas  r-A-tifica , isto é, confirma tudo o que Leite antecipa e não apenas no terreno das arbitragens.
Noriega age como se consultasse um oráculo, noves fora o fato de não ser incisivo e objetivo em suas avaliações de arbitragem, cultivando aquilo a que chamam de ponderação, mas que eu prefiro colocar como falta de coragem daqueles que não dizem que dois mais dois são quatro para não magoar o um ou o três (AD)
PS:
Devido ao adiantado da hora, não farei "copy-desk". Se lembrar e puder o farei logo mais. Já são 3 e meia da manhã desta quinta-feira 24 de maio, e a temperatura está beirando uns 7 gráus. Bom dia a todos!

38 Comentários:

  • Às 23 de maio de 2018 21:21 , Anonymous Verde Inigualável disse...

    Dudu fora. Melhor pro verdão. Chega de fominha no time. Vai dá Verdão 3 x 0. 2 de Wilian 1 de Keno.

     
  • Às 23 de maio de 2018 21:39 , Anonymous Telugo Alviverde disse...

    Chora catedretes
    Dudu na pré lista da seleção
    Que tal tratar melhor nossos bons jogadores hein catedretes.

     
  • Às 23 de maio de 2018 21:49 , Anonymous Perguntar não ofende disse...

    Deyverson? Sério, Roger?

     
  • Às 23 de maio de 2018 22:22 , Anonymous Anônimo disse...

    Que horror de futebol meu pai amado!
    Elaine Lara

     
  • Às 23 de maio de 2018 22:27 , Blogger Libertad disse...

    América está engolindo o time do pranchetinha, pêlo amor de San Genaro tira essa droga de Deyverson, coloca um cone.
    Nei.

     
  • Às 23 de maio de 2018 22:27 , Blogger Moisés Braga Ribeiro disse...

    Esse Deyverson, além de grosso, é burro!
    Terceiro impedimento!
    Não sabe nem se posicionar.
    Terrível...

     
  • Às 23 de maio de 2018 22:29 , Anonymous Ver para crer disse...

    Agora será o verdadeiro teste!
    Se virar e ganhar bem, passo a dar crédito ao Roger.
    Mas, duvido que aconteça!

     
  • Às 23 de maio de 2018 22:35 , Blogger Ester Abea disse...

    amigos:

    sejamos racionais:

    a. o Dayverson é grosso. Grosso mesmo

    b. mas quando o juizinho nao marca um penalty e dá um gol irregular pros caras, nem se fosse o Tostao

    Sao coisas separadas...entenderam?

     
  • Às 23 de maio de 2018 22:36 , Anonymous Telugo Alviverde disse...

    Shooooooooow de horrores.

    Futebol de quinta categoria

    A torcida que foi aí tem que pedir o dinheiro de volta.

    Aliás, cancelarei meu Avanti.

    Dar meu dinheiro pra esses mal acabados?

    Vão é catakokinho.

     
  • Às 23 de maio de 2018 22:39 , Anonymous Anônimo disse...

    Já disse, F.Mello e B.Henrique não da, meio campo do coelho está engolindo os caras.
    Enfiaram os melhores volantes no rabo e ficaram com as malas..
    Gilberto dos Santos

     
  • Às 23 de maio de 2018 22:47 , Blogger Libertad disse...

    Ester,
    O gol não estava impedido.
    Nei.

     
  • Às 23 de maio de 2018 22:50 , Anonymous Não está me cheirando bem disse...

    Ou o professor pardal resolve essa parada ou RA RÉ RI RÓ RUA sem melindres.

     
  • Às 23 de maio de 2018 22:53 , Anonymous Não está me cheirando bem disse...

    E tem outra coisa, perder pra time que tem luan ambicanhoto e wesley lombriguento no banco, ouso a dizer que é caso de prisão em regime fechado. para todos os envolvidos.

     
  • Às 23 de maio de 2018 22:56 , Anonymous Anônimo disse...

    É impressão minha ou o guerra está ostentando uma pochetinha Levvis na pança?
    Elaine Lara

     
  • Às 23 de maio de 2018 23:17 , Anonymous Anônimo disse...

    amigos, pitacos esteristicos:

    a. aqui na roça, as vezes o Mac não pega, fazer o que né.

    b. 1x1. ok, mas isso não apaga o medonho futebol apresentado.

    c. meu amigo verde insuperável vai me perdoar a apropriação, mas o homúnculo do árbitro é um...homúnculo.

    Ester Abea

     
  • Às 23 de maio de 2018 23:45 , Blogger Libertad disse...

    De longe a gente observa melhor que o prancheta, Guerra e Hyoran no meio, some com esse Deyverson, banco para L.Lima
    Nei

     
  • Às 23 de maio de 2018 23:47 , Blogger Moisés Braga Ribeiro disse...

    Jogamos mal, mas passamos.
    Num mata-mata é o que vale, afinal.

    Belo cruzamento do Marcos Rocha e belo gol do Bigode, dois verdadeiros "chutes de cabeça".

    Uma pena aquele chute do Keno não ter entrado no ângulo, seria um golaço.

    ======

    Acho que a intenção é mostrar o Deyverson, para uma possível venda na próxima janela, mas o cara não ajuda, é uma negação...

    ======

    Roger Machado de novo não soube mexer no time para furar uma retranca.
    Preocupante.

     
  • Às 23 de maio de 2018 23:59 , Blogger Ester Abea disse...

    amigos:

    a. Ester Abea que deu os pitacos como "Anonimo" é fake

    b. será que fiquei vendo só jogos do Ademir da Guia...mas para mim, tudo é uma pelada ridícula. Aproveitei o jogo para escrever um artigo, sem volume na TV. Nao vejo qualquer tecnica, só chutao. Em 1972-6 nao era assim, até o (fraco) time de 1978 era mais contundente

    c. Nei querido. Meu ponto é este: contra o SCCP o America teria feito este gol? A RGT(que nao vi hj) teria parado tudo na hora...

     
  • Às 24 de maio de 2018 00:14 , Blogger Duende Verde disse...

    O Bunda Mole só tem um esquema tático. Hoje, com as ausências de Borja e Dudu, era o jogo para mudar o esquema e jogar com dois meias e o que o “gênio” fez: inventou o Deyverson e acabamos jogando 45 minutos com um a menos. O time não passa confiança, quando pegar um mata mata com adversário mais cascudo vair cair. Não é possível ter o elenco que tem e jogar sempre da mesma forma, hj escapamos de mais uma eliminação vergonhosa.

     
  • Às 24 de maio de 2018 01:03 , Blogger VERDE INSUPERÁVEL disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 24 de maio de 2018 01:17 , Anonymous Cansado da turma do amendoim disse...

    Vocês querem goleada todo jogo.. acham que todo jogo será moleza.. futebol não é assim nao..

     
  • Às 24 de maio de 2018 08:46 , Anonymous Anônimo disse...

    Direto ao ponto:
    Sinto muito quem acha, sonha ou pensa isso, mas RM não trará padrão tático e técnico nenhum no período entre-Copa.
    Vamos fazer um exercício de pensamento pessoal, simples e rápido, como 2+2 são 4:
    RM começou seu trabalho em janeiro, irá para o seu 6° mês corrido à frente do time e até hoje é até agora nenhum fio e nenhuma luz de time, de tática e de esquema. Simplesmente nada. Apenas algumas faíscas de bom futebol aqui, ali e acolá que até Eduardo Batista, até ele!, teve no primeiro semestre de 2017. Até Eduardo Batista!!!
    Ok, um semestre já quase no apagar das luzes e o dito cujo sem nenhum repertório mas terá uma folga "forçada" e providencial para trabalhar a equipe, aí eu pergunto aos senhores do blog: o cara vai dar jeito na coisa em um mês onde que em seis meses ele não conseguiu?
    Vai consertar a coisa em um mês onde teve seis meses pra consertar com todas as peças (ou quase todas-Scarpa), parafusos e ferramentas à disposição?
    Essa situação de RM me lembra aquele aluno de colegio descompromissado com os estudos e que não consegue nem a média no boletim escolar na maioria das matérias, mas que pra não ficar mal com os pais e nem perder a mesada, estuda feito cão o que não estudou o semestre, ou o ano inteiro, para recuperar 4 matérias em que ficou no "vermelho". Ou seja, a chance da coisa não dar certa é maior que o Pico da Neblina.
    É nessa pegada que RM se encontra, mas a culpa não é dele. A culpa é de quem o contratou, esses sim devem ser cobrados e MUITO, mas eu não vejo ninguém da torcida cobrando os responsáveis (ou seria irresponsáveis?) por que a maioria está mais preocupada em comemorar bilheteria, comemorar torcidômetro do sócio-torcedor e ficar ad eternum escrevendo em Uols e Terras da vida que o rival deve pro marmiteiro. Pelo menos o rival devedor tem padrão tático enquanto nós nem padrão temos, quiçá o tático. E os que devem ser cobrados estão lá, farreando com o dinheiro alheio. Assim até minha vózinha de 92 anos.
    O Palmeiras nunca aprende com os erros, impressionante.
    FUTEBOLISTA

     
  • Às 24 de maio de 2018 09:36 , Blogger Libertad disse...

    Analise:
    -Paulista de 2017 semi finais, levou um vareio da Ponte em Campinas, e não conseguiu reverter em casa.
    -Copa do Brasil 2017,quartas de final, levou um vareio do cruzeiro em casa, perdia de três a zero conseguiu o empate, no jogo da volta não teve controle e perdeu a classificação nos descontos.
    -Brasileiro 2017, se vence o cruzeiro em casa, iria para o próximo jogo contra os gambas podendo assumir a liderança, pipocou nos dois jogos o primeiro ate com erros de arbitragens, mas o segundo contra o Itaquera, foi covarde omisso, apático, e a gambazada partiu para o titulo.
    -Libertadores 2017, perdeu para o fraquíssimo Barcelona genérico e não conseguiu reverter o resultado dentro de casa, desclassificação humilhante..!
    -Paulista 2018, melhor campanha em tudo, mata/mata da final, covarde e omisso deixa de matar o jogo contra os gambas no jogo da ida, em casa com vantagem de um gol perde o jogo (seus dois protagonistas erram pênaltis), o titulo e toma volta olímpica mais humilhante da história.
    -Copa Brasil 2018, jogo da ida faz um bom resultado diante do america (ainda bem), jogo da volta, joga mal, é engolido pelo adversário que não merecia ter perdido, salvo pelo gongo, porque se vai nos pênaltis perderia no emocional.

    Pergunto?????
    -O que acontece com esse elenco, todo jogo decisivo (mata/mata) pipoca, acovarda?

    -Sera que estamos com um elenco de, covardes?

    -Sera falta de controle emocional?

    -Sera culpa do técnico atual, mas o time também reagiu assim com o H. Valentim, desde o jogo contra os gambas, segundo turno do brasileiro.

    -Sera problemas internos, onde o grupo deixa para que os protagonistas de 800 mil por mês resolvam?

    Por essa, e por outras que não acredito, não me passa confiança, qualquer time mediano nos complica (Chapecó), ontem foi contra o modesto america, dentro de casa chutamos a primeira bola equivocadamente no gol aos 38 minutos de jogo.
    Tenho ate receio, de pegar os gambas na próxima fase da libertadores, e levar outra dentro casa.

    Sera um elenco formado com o perfil, a cara do omisso presidente, sera um bando de mercenários que não conhecem nossa historia, sera falta de equilíbrio emocional? Sera o time perfil do pranchetinha?

    Eu particularmente acho, muita vaidade, muito já ganhou, muito melhor elenco, muita omissão, muitos mercenários, muito resort, muito dinheiro na conta sem merecimento, vejam vocês que toda vez que torcida e imprensa cobra, o perfil melhora, depois vai despencando novamente.
    Imediatamente Emerson Leão, para dar na cara desses caras e Paulo Nobre para acabar com o resort.
    O que sera que os Danones acham disso, ou sera que nós, os mais experientes estamos questionando sem razão alguma?
    Nei Verde

     
  • Às 24 de maio de 2018 10:01 , Blogger VERDE INSUPERÁVEL disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 24 de maio de 2018 10:10 , Blogger Libertad disse...

    Futebolista,

    O Pior é que nesses trintas dias de copa, não teremos o centroavante titular para ensaiar com os demais, no caso Borja, já que ele não muda de esquema para um 4-4-2, para aproveitar Guerra e Hyoran, sera que ele vai tentar com Willian, ou com a ruindade do motoneta Deyverson o substituto de Borja? porque com os meninos da base ele não tem cacife..
    Porque não se resolve logo a situação do Scarpa? sera porque não envolve dinheiro, comissões?
    Nei Verde

     
  • Às 24 de maio de 2018 13:34 , Anonymous Soco na cara disse...

    Pegar esses políticos corruptos que assaltaram o país e dar uma sova de pau nesses caras. Que transtorno que estamos tendo.

     
  • Às 24 de maio de 2018 13:41 , Anonymous MestredosMagos disse...

    NEY VERDE

    Não adianta. Talvez pra pontos corridos. TALVEZ dê certo.

    Mas esse técnico não avança em mata mata nem a pau.

    Saudações.

     
  • Às 24 de maio de 2018 14:34 , Anonymous Cleiton disse...

    Sabe amigos, tenho uma tese de que com um bom entrosamento as coisas fluem naturalmente. Pra mim o que ocorre é que, por falta de tempo pra treinar, esse time ainda não tem o entrosamento necessário para confiar nas jogadas. Teremos esse tempo durante a copa. Acho que após esse período, não veremos mais comportamento como o de ontem. Se ainda virmos, aí realmente o Roger precisa ser mais cobrado.

     
  • Às 24 de maio de 2018 14:45 , Blogger Alexandre Correia disse...

    O atacante Arthur Cabral revelação do Ceará, foi contratado pelo Palmeiras só jogará a partir de janeiro de 2019.
    Falta atacante de verdade pro Palmeiras só tem o William, tem que contratar um zagueiro e mais um atacante se quiser pensa em título.

     
  • Às 24 de maio de 2018 14:46 , Blogger Alexandre Correia disse...

    Intervenção militar, já!

     
  • Às 24 de maio de 2018 15:40 , Anonymous Cleiton disse...

    Não me levem a mal, mas aqui se analisa muito com a emoção e pouco com a razão. Quer dizer que temos um time de frouxos ? Mas que conseguiu ganhar do Boca na Bombonera, coisa bastante rara, se considerarmos que foi por 2 gols então, fazia mais de 50 anos que eles não perdiam por essa diferença. Um colega menciona que o Roger está no cargo há 6 meses, agora eu lhe pergunto, quanto tempo houve para treino nesse período ? Lembremos que em função da copa, esse ano não houve pré-temporada. Além disso, disputamos 4 competições: chegamos à final de uma, temos a melhor campanha de outra, estamos classificados para a próxima fase de outra e estamos brigando pela ponta da última. O próprio Alcides que sempre pediu continuidade do time e repetição para melhora do entrosamento, agora acha que o Roger errou em manter o time jogando no mesmo esquema. Vai mudar de esquema como, se nem esse está funcionando corretamente ainda ? Acho que devemos sim aguardar o período de parada para a copa e, após um inter-temporada, avaliar se o time funciona ou não e se as melhores peças estão sendo escaladas.

     
  • Às 24 de maio de 2018 17:29 , Anonymous Darth Palestra disse...

    Cleiton.
    A Sua opinião é um oásis no meio de tanta opinião infértil, de tanta patacoada.

     
  • Às 24 de maio de 2018 17:44 , Blogger Boca dura disse...

    Só não concordo com a manchete do post o resultado foi sofrido mais o futebol foi sofrivel

     
  • Às 24 de maio de 2018 18:17 , Anonymous verdão disse...

    Perfeito Cleiton. pra turminha do amendoim aqui. Nunca ta bom. Escrevem como se a campanha do palmeiras fosse horrível. Como se tivéssemos saído do paulista na primeira fase, se classificado em último na libertadores, não estivesse na copa do brasil e no brasileirão estivéssemos na parte de baixo da tabela.
    Até quando isso??? Porque não podem apoiar o time e o técnico? Pq minimizam todos os times que o palmeiras ganha e aumentam os ganham do palmeiras?? Pq têm que achar que sabem mais que todo mundo??? Vamos dar um pouco de harmonia ao time, é isso que está faltando para eles entrarem mais soltos, pois todos os jogos eles entram pressionados por causa de torcedores iguais a vocês aqui. A mídia então se deleita pq as criticas vem de dentro. parem um pouco pra pensar

     
  • Às 24 de maio de 2018 21:37 , Anonymous Darth palestra disse...

    Para quem quer ver.
    Como colo com Valdivia.
    SporTV 3

     
  • Às 24 de maio de 2018 22:07 , Blogger VERDE INSUPERÁVEL disse...

    Alcides, não estou entendendo. Vc removeu uma postagem minha que fiz às 01:03, e também a postada às 10:01, ocasião em que protestei pela censura havida na primeira postagem. Em face das intervenções atualmente presentes em seu Blog, de pessoas anônimas ou com o intuito de tumultuar, PERGUNTO: FOI MESMO O BLOGUEIRO MAYOR QUE ME CENSUROU POR DUAS VEZES ? POR QUÊ ME REMOVEU NA SEGUNDA VEZ, SEM QUALQUER JUSTIFICATIVA, QUANDO EU APENAS LANCEI MEU PROTESTO POR TER SIDO INJUSTAMENTE CORTADO NA PRIMEIRA VEZ ? O MESTRE ESTÁ COM O CONTROLE DO BLOG ? OU O PERDEU? AGUARDO RESPOSTAS, PARA QUE EU POSSA ME MANIFESTAR DEFINITIVAMENTE. COM O MEU RESPEITO, VERDE INSUPERÁVEL.

     
  • Às 24 de maio de 2018 22:13 , Blogger Moisés Braga Ribeiro disse...

    Inacreditável!

    Sem acordo para renovar, Daniel Fuzato é liberado para procurar outro clube
    http://www.verdao.net/noticiam.php?n=21387

    Goleiro bom, de seleção de base, liberado na maior.
    Todo mundo sabe que é provável que este seja o último ano do Prass.
    Por que não promovê-lo naturalmente para o time principal como terceiro goleiro, ou até como reserva imediato, no próximo ano?

    Será que não havia comissão para ganhar?
    Que absurdo!!

     
  • Às 25 de maio de 2018 08:53 , Anonymous Cleiton disse...

    Bom dia amigos. Sem querer confrontá-lo Moisés, mas você tem os dados da negociação? Qual a proposta da SEP? Qual a contra-proposta do jogador? Entende como nossa torcida sempre vai contra o time na dúvida? Porque, assim como a maioria das torcidas, a nossa não acha que o jogador é quem está perdendo? Como disse, não quero confrontos, mas gostaria de tentar acender uma luz indicando que talvez o problema seja com o outro lado da negociação e não com o clube.

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial