Observatório Alviverde

30/08/2009

SÃO PAULO 0 X 0 PALMEIRAS: UM EMPATE COM SABOR DE VITÓRIA!

FICHA TÉCNICA:
SÃO PAULO 0 X 0 PALMEIRAS:

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP) Data: 30 de agosto de 2009, domingo
Árbitro: Héber Roberto Lopes (Fifa-PR)
Assistentes: Edmílson Corona (Fifa-SP) e Vicente Romano Neto (SP)
Renda: R$ 1.412.320,00
Público: 41.083 pagantes

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Renato Silva, André Dias e Miranda; Jean, Richarlyson, Hernanes (Arouca), Jorge Wagner e Junior Cesar; Dagoberto (Hugo) e Washington (Borges)
Técnico: Ricardo Gomes

PALMEIRAS: Marcos; Wendel, Maurício Ramos (Marcão), Danilo e Armero; Pierre, Edmilson, Diego Souza e Cleiton Xavier (Deyvid Sacconi); Obina e Ortigoza (Souza)
Técnico: Muricy Ramalho

Cartões amarelos: Jorge Wagner, Miranda (São Paulo), Diego Souza, Obina (Palmeiras)

COMENTÁRIO
Foi um jogo de dois treinadores de vocação defensivista, apesar da escalação inicial do Palmeiras com dois atacantes: Ortigoza e Obina. Será que Muricy quis surpreender?
Uma pena que Cleiton Xavier tenha atuado contundido. Não rendeu o que dele se esperava e comprometeu a atuação da equipe, inteiramente dominada pelos bambis no primeiro tempo, principalmente após a saída de Maurício Ramos por contusão. A entrada de Marcão e o recuo de Edmilson para a zaga alteraram o esquema palmeirense e proporcionaram um buraco no meio de campo, por onde o São Paulo forçou o jogo e criou boas situações. Só que no gol palmeirense havia um paredão chamado Marcos, que mostrou mais uma vez porque é um dos melhores do mundo. O Palmeiras desfrutou de algumas poucas situações para marcar. No intervalo Muricy tirou Ortigoza e colocou Souza, alteração essa que permitiu ao Palmeiras uma melhora acentuada na marcação e na ligação meio-campo e ataque. Outra alteração foi a entrada de David Saconi. Apesar disso as melhores chances de finalização foram sempre criadas pelos bambis, diante de um Palmeiras fechado, aguerrido, mas sem a menor criatividade ofensiva. Basta que se diga que Obina não desfrutou sequer de uma única chance de tentar o gol, sempre escondido atrás dos beques tricolores, só aparecendo no jogo quando recuava para ajudar a defesa.
De qualquer forma o Palmeiras manteve a liderança e a diferença estabelecida sobre os bambis, ganhando um ponto em relação ao 2º colocado, o Goiás, que tropeçou em Porto Alegre. Dos adversários diretos, apenas o Internacional ganhou dois pontos em relação ao Palmeiras, fruto de sua vitória sobre o esmeraldino goiano. Agora é o Barueri, provavelmente na estréia de Vagner Love que chegou hoje da Rússia e foi direto ao Morumbi onde assistiu ao magríssimo empate, justíssimo, mas com sabor de vitória, na casa dos perigosos adversários.
DEIXE O SEU COMENTÁRIO SOBRE O JOGO:

ps- Na aba esquerda, segmento imprensa, o comentário sobre a transmissão de TV

5 Comentários:

  • Às 31 de agosto de 2009 11:33 , Anonymous Mestre dos Magos disse...

    BOM DIA

    Diego Souza
    =============

    Puta merda, toda vez a mesma história, "sempre aquela futebol clube Diego Souza".

    Num dia bestial, em OUTROS BESTA.

    E com essas BESTERIAS, o Palmeiras já deixou de somar 4 pontos ante Botafogo e Bibas.

    ISSO É ASSUNTO PARA MURICY.

    Tem que chamar esse cara na chincha e explicar para ele que os jogos são de pontos corridos e que pontos perdidos custam campeonato, custam caro, custam carreira inclusive.

    Pela segunda vez ele deixou de servir um companheiro em reais situações de definir uma partida.

    Porra, que adianta a gente elogiar o cara numa partida e depois ter que voltar aqui e ter o desprazer de ter que cobrá-lo novamente.

    PORRA DIEGO SOUZA, CRESCE RAPAZ.

    Jogo truncado, como era de se esperar, onde chances não aparecem facilmente.

    DIEGO SOUZA, VOCÊ NÃO PODE QUERER APARECER MAIS QUE O PALMEIRAS, POIS É O PALMEIRAS QUEM TE PROJETA PARA O MERCADO E NÃO O INVERSO.

    Isso é o que tenho a dizer no momento.

    MURICY, ABRE O OLHO E COBRE FÓRTE ESSE RAPAZ, COMO SEI QUE IRÁ COBRAR.

    Saudações Palestrinas a Todos.

     
  • Às 31 de agosto de 2009 15:14 , Anonymous Lorenção disse...

    Tô de acordo com o mestre dos magos, o Diego perdeu pontos para o botafogo e para as bibas.
    ô cara fominha. Não fosse a sua atitude egoísta teríamos 44 pontos.

     
  • Às 31 de agosto de 2009 18:08 , Anonymous Tânia "Clorofila" disse...

    Eu concordo com os amigos, mas penso que agora é hora de a gente torcer para que acertem, que deixem de ser fominhas, etc.

    Como disse o Mestre, tá na cara que Muricy vai cobrar e, com os holofotes agora dispersados, com a chegada de Vagner Love, Diego vai dividir as atenções com o nosso artilheiro e quem sabe, deixar de ser fominha em alguns momentos. Mas estou contente com ele.

    Como acompanhei muitos jogos do Love, estou convicta de que ele é o cara que faltava ao nosso ataque. As defesas adversárias que se cuidem, porque o bicho vai pegar. Bobeou o Love guarda e, se forem todos prá cima dele, Obina manda prá rede, ou Ortigoza...

    Nosso time vai bem. Nossa defesa, que nos causou já tantos desgostos, agora está me agradando bastante. Danilo está jogando muita bola! E com Marcos lá, não é a toa que somos a melhor defesa do campeonato. Quanto mais velho, melhor...

    Estamos na trilha, credenciados ao título do Brasileiro. E boto fé que vamos levar.

    Vamos torcer!!

    Saudações Clorofiláticas!
    www.blogdaclorofila.sopalmeiras.com

     
  • Às 31 de agosto de 2009 22:48 , Anonymous Alceu Gutierrez disse...

    Eu não gostei do jogo porque foi um jogo muito ruim e o Palmeiras que queria atacar a bambizada de cara tinha o Cleiton pela metade e o Maurício Ramos machucou. Isso prejudicou demais o nosso time e perdemos a chance de dar uma surra neles que continuam com a sorte do lado deles quando jogam com a gente. Mas o resultado foi muito melhor pra nós do que pra eles porque a diferença de quatro pontos continua lembrando eles que o Palmeiras é um líder com muita autoridade. Um abraço a todos!

     
  • Às 1 de setembro de 2009 09:29 , Anonymous Edson disse...

    O jogo foi muito feio, típico de 2 técnicos retranqeiros.
    Esse é o estilo Muricy- "um ponto aqui e outro ali".
    O resultado foi bom para nós, ainda mais com a derrota do Goiás, e possibilitou continuarmos na frente. A nota distoante foi novamente o comportamento egoísta do Diego Souza, que a exemplo do que já fizera contra o Botafogo, deixou de enfiar a bola para o Ortigoza, que facilmente faria o gol. É certo que outras partidas o Diego resolveu e tem portanto crédito junto à torcida, mas espero que o Muricy tenha lhe dado uma bela comida no vestiário, pois estaríamos bem melhor no campeonato com apenas 2 toques de bola para o lado.
    Ganhando do Barueri manteremos a ponta e a diferença conquistada.

    Saudações palmeirenses.

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial