Observatório Alviverde

18/09/2011

TODOS SE LEMBRAM DO QUE ESCREVI, QUE NEM UM EMPATE HERÓICO SUBSTITUIRIA UMA VITÓRIA MAGRA! O EMPATE FOI PRA LÁ DE HERÓICO, MAS INSUFICIENTE PARA TIRAR TIME DA MESMICE E A TORCIDA DA DEPRESSÃO!

 

Parece que eu estava adivinhando quando afirmei que nem um empate heróico substituiria a nossa necessidade de vitória.

De fato o Palmeiras conseguiu um resultado épico em jogo no qual, com qualquer outro árbitro que não fosse Roman teria saído vitorioso.

No intervalo do jogo deixava este comentário, abordando o que eu entendia era e seria fundamental no jogo, a arbitragem de Roman:

Eu tive a visão exata de tudo o que viria a acontecer. Leiam:

(SIC)

“ Quando anunciaram a volta de Evandro Rogério Roman às arbitragens, após de longa ausência, eu disse comigo mesmo: aí vem confusão.

A turma da comissão de arbitragem não teve dúvida, colocou mais confusão em cima do Palmeiras ao escalar o confuso soprador.

Foi um desastre o tal Roman.

Vão dizer os da mídia, no entanto, que ele errou para os dois lados, e, certamente, não dirão que errou, muito mais contra o Palmeiras.

Quando não marcou um pênalti contra o Avaí, no qual a bola bateu no braço do zagueiro dentro da área, eu vi que o Palmeiras não teria a menor chance de uma arbitragem favorável.

Não que houvesse sido pênalti, efetivamente não foi! Roman acertou ao não assinalar a penalidade.

Só que passou-me pela cabeça que 99% dos árbitros marcam aquele tipo de pênalti quando se trata de Fla, Flu, Cu-rintia, Bambis, Santos e outros protegidos, desde que o jogo não seja entre eles.

Ficava bem claro que Roman, das duas uma: ou seria imparcial como todos desejávamos que fosse, ou iria apitar, definitivamente, para o mandante, visto que ele sempre foi e é um incorrigível de árbitro caseiro

Seu rosário de erros contra o Palmeiras começou com a tolerância às seqüentes faltas do time avaiano sobre o nosso ataque, a maior parte delas, não marcadas e, quando marcadas, sem a aplicação regulamentar dos cartões.

O lance que interveio diretamente no resultado do jogo ocorreu após uma falta não marcada sobre Henrique na meia esquerda, a uns quinze metros da área adversária..

O lance foi muito claro, mas o “mediador” fez vistas grossas e mandou seguir o jogo.

Na seqüencia do lance, logo em seguida, após o time do Palmeiras parar, esperando a marcação de falta tão cristalina, Rivaldo, pego de surpresa, obrigou-se a fazer uma falta a fim de parar o ataque adversário

A falta foi, absolutamente, comum e o jogador o Avaí encenou. Ele sim deveria ter sido amarelado por simulação.

O cartão amarelo aplicado a Rivaldo o foi sem a convicção do árbitro, mas imposto,  à base do grito, pelos jogadores do Avaí Roman, o caseiro despersonalizado,  o aplicou sem qualquer critério e quem ficou no prejuízo foi o Palmeiras.

O jogo vai recomeçar. O árbitro é a figura central desse Palmeiras X Avaí e o Verdão tem de se cuidar senão o Roman nos arrebenta!

Volto depois porque não dá tempo para uma análise global. A arbitragem, desastrosa, roubou-me todo o tempo e  não deixou que o fizesse porque foi o foco das atenções

O Palmeiras joga bem e, se o Roman não atrapalhar,  dá pra ganhar, ainda que estejamos jogando com dez.

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

O gol contra de Henrique que sofremos, logo de cara, num momento em que éramos absolutamente superiores ao adversário eu o chamo de gol assombração.

É sempre assim: o jogo tem um ritmo favorável ao Palmeiras e a gente imagina que vai o Verdão fazer um gol De repente, do nada, ocorre um lance fortuito do adversário e, quando nos damos conta, a bola está dentro de nossa rede.

Hoje, novamente, foi assim. Se eu fosse Trone, falo sério e sinceramente, procuraria um rezador forte.

Tomamos outro gol-espírita, mas os caras não acreditam, Azar, o nosso!

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

Tenho de voltar ao Roman, um árbitro que se houvesse continuado sem apitar, prestaria um enorme serviço ao futebol brasileiro.

Não quero falar de sua permissiva tolerância ao jogo violento da defesa avaiana, sobretudo em cima de Kléber.

Não vou reclamar da infantilíssima expulsão de Gérley, culpa dele, que deu um carrinho de pés juntos contra um adversário.

Apesar disso sei que lances semelhantes, nos clubes que têm na sede ou na camisa o decalque “protegido pela comissão de arbitragem” ou “protegido pelo STJD”, os jogadores sempre são punidos, exclusivamente, com a aplicação do cartão-amarelo.

Quando o jogador do Avaí segurou a bola, acintosamente, para impedir que o Palmeiras batesse, com a fluidez que o lance exigia, uma falta e foi empurrado por Kléber, Roman aplicou o amarelo somente a Kléber. Pode?

E o pênalti claríssimo sobre Kléber, aos 23 por que não foi marcado? Por que a turma da TV não mostrou a reprise nem através da mesma tomada, a primeira? A turma da TV joga, claramente, acintosamente, desavergonhadamente contra o Palmeiras! Só não vê quem não quer!

Ao não exibir novamente o lance, o PFC não apenas foi cúmplice como acobertou a falha mais clamorosa entre as dezenas cometidas pelo incompetente Roman, um árbitro sem o menor gabarito para fazer parte do quadro nacional da CBF.

Quando o Palmeiras teve uma falta aos 42 do segundo tempo, na entrada da área, sua senhoria Evandro Roman, apesar das reclamações de Assunção, permitiu que a barreira ficasse a seis passos, se tanto, da bola, e o Palmeiras ficou novamente com o “preju”!

Assunção teria de ter se posicionado para a batida mas recusar-se a faze-ló até que o árbitro tomasse providências e fosse efetuada nova medida. Teria de insistir com o árbitro, assim com faz, sempre, o goleiro do São Paulo cada vez que cobra uma falta.

Assunção parece não saber e deveria aprender que a barreira em distância regulamentar é um direito do batedor

Moral da história: Os piores árbitros continuam sendo sempre escalados nos jogos do Palmeiras. A quem interessa isso?

@@@@@@@@@@@@@@@@@@

Gente, gostei do time, de sua luta, de seu esforço e de sua superação. Mesmo com dois homens a menos na maior parte do jogo o Palmeiras jogou mais bola e foi mais perigoso do que o Avaí.

Arrancamos um empate heróico, mas, como eu disse ontem, não há substituto para a vitória. Ficamos sem ela e de braços dados com muitas preocupações.

A partir desse resultado, afastamo-nos, d-e-f-i-n-i-t-i-v-a-m-e-n-t-e da luta pelo título, sem choro, sem vela e sem fita amarela como diz aquele antigo sucesso do tempo em que ainda se fazia música no Brasil e o Palmeiras era um time de primeira grandeza no cenário esportivo nacional.

É óbvio que a partir de uma grande arrancada de vitórias desfrutaríamos de chances aritméticas. Mas como montar um time competitivo a partir desse grupo de jogadores extremamente limitado que compõe o nosso elenco?

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

Meus amigos, uma outra preocupação martela-me, insistentemente o crânio: a perspectiva, agora bem possível de entrarmos na turma do rebolo,

A nossa diferença para o Atlético Mineiro, o primeiro entre os quatro últimos é de, apenas 11 pontos. Estamos com 35 e eles com 24.

A cada novo empate menor se tornará a diferença. Por isso, Felipão e o Palmeiras que tratem de se aviar e tratar de vencer o Ceará quinta-feira às 20,30 no Canindé.

Se a vitória não vier, a cobra do rebaixamento pode começar a fumar sobre as nossas cabeças. Que sequer pensem em empate, quesito no qual somos superados, apenas, pelo adversário de hoje, o Avaí, o penúltimo do campeonato e da faixa de descenso.

Não sei se é trauma, mas me incomoda muito essa situação deflagrada pelos esquemas defensivistas de Felipão, sempre na contramão da modernidade.

@@@@@@@@@@@@@@@@@@@

Marcos jogou muito bem com segurança. Não teve nenhuma culpa no gol que sofreu, em decorrência da infelicidade de Henrique.

Gostei da volta de Maurício Ramos cuja principal deficiência é contundir-se com muita freqüência. Ele é melhor do que Thiago Heleno que o substituiu aos 37 do segundo tempo, por contusão, e deu conta do recado

Henrique deu azar por fazer um auto gol, mas reabilitou-se durante o jogo.

Gérley foi menos ruim do que Rivaldo mas perdeu-se pela falta de maturidade sendo expulso por um lance infantil.

O consolo seria o de que os dois estão fora do jogo contra o Ceará, mas quando a gente pensa que quem vai entrar será Gabriel Silva, conclui-se que trocaremos seis por meia dúzia

Quem é que pode criticar Araújo que poderia ter rendido muito mais do que rendeu, mas que atuou sacrificado, contido e restrito na lateral direita quase sem ultrapassar o meio de campo?

Luan foi o mediano de sempre bom na marcação com alguns acertos e erros nos passes e cruzamentos, muito mais erros. De qualquer forma é um jogador valente, de grande utilidade, a quem, antigamente, se chamava de formiguinha.

Kléber foi bem, mas cresceu muito de produção quando o Palmeiras viu-se reduzido a apenas nove em campo. Sofreu uma série enorme de faltas, nem todas marcadas, muito menos um pênalti que os homens da TV não tiveram a hombridade de reprisar.

Fernandão foi o sacrificado quando da expulsão de Rivaldo, a fim de que entrasse Gérley. A substituição foi esta, mas a alteração mais correta teria sido aquela que nem Felipão tem culhões para fazer:retirar Kléber.

Com Fernandão em campo o Palmeiras manteria os dois zagueiros do Avaí na entrada da área marcando o nosso gigante, (físico, físico) e decretaria o equilíbrio numérico do jogo.

Tinga fora, não seria uma boa alternativa, porque faltaria marcação no meio de campo e chamaríamos o Avaí para cima de nossa defesa. Tinga não deveria, mesmo, é ser escalado como titular. Mas sosseguem todos que no próximo jogo volta Patrik  rsrsrsrsrrs

Ou vocês acreditam que o homão (como também era conhecido Yustrich) vai promover a estréia de Carmona? Duvido!

@@@@@@@@@@@@@@@@@@

Espaço final para o destaque e para a personagem do jogo.

O destaque, Chico, móvel, lúcido, presente, agressivo, ofensivo e o autor do gol. Finalmente começo a ver qualidades nesse jogador, iniludivelmente o destaque palmeirense nesse jogo com o Avaí.

A personagem, sem qualquer dúvida, Marcos Assunção, com uma atuação tecnicamente irrepreensível, respaldada por uma resistência física não mostrada em outros jogos.

Convenhamos, todos, que se houve neste Brasileiro um jogo que exigiu de todos o preparo físico de um cavalo de jóquei foi este contra oi Avaí.

Com todos os méritos e encômios, rendo-me, hoje, ao soberbo futebol de Assunção, o responsável às vezes direto, às vezes, indireto, pela única jogada mortal desse previsível Palmeiras de Felipão.

@@@@@@@@@@@@@@@@@@

FICHA TÉCNICA:
AVAÍ 1 X 1 PALMEIRAS

Estádio: Ressacada, em Florianópolis (SC)
Árbitro: Evandro Rogério Roman (Fifa-PR)
Auxiliares: Bruno Boschilia (PR) e Cleriston Clay Barreto Rios (SE)
Renda e público: R$ 106.755,00 / 8.312 pagantes
GOLS: Batista, 5'/1ºT (1-0); Chico, 42'/1ºT (1-1)

AVAÍ: Felipe, Arlan, Dirceu, Gian e Pará (Leandrinho, 20/2ºT); Bruno, Batista (Rafael Coelho, 13'/2ºT), Pedro Ken (Estrada, Intervalo), Cleverson e Robinho; William. Técnico: Toninho Cecílio.

PALMEIRAS: Marcos, Márcio Araújo, Henrique, Maurício Ramos (Thiago Heleno, 35'/2ºT) e Rivaldo; Chico, Marcos Assunção e Tinga (João Vitor, 19'/2ºT); Kleber, Luan e Fernandão (Gerley, 29'/1ºT) . Técnico: Luiz Felipe Scolari.

Cartão amarelo: Rivaldo e Kleber (PAL); Pedro Ken, Batista, Bruno e Gian (AVA)
Cartões vermelhos: Rivaldo e Gerley (PAL); Rafael Coelho (AVA)

@@@@@@@@@@@@@@@@@@

Vejam o que disse Felipão a propósito do empate com o Avaí, na Ressacada.

“- Foi bom. Tivemos um posicionamento que em alguns jogos não conseguimos ter, tivemos discernimento para sair ao ataque mesmo com apenas nove jogadores. Ficou interessante e bonito! 

Quando, no final do jogo, na saída dos jogadores os torcedores xingaram bastante os jogadores do Verdão, mas, para Scolari, os jogadores não mereciam provações ou reprovações. Vejam o que ele disso .

“- O grupo merece elogios pelo que fizemos hoje. Mas, todos nós temos consciência de que ficamos devendo”

Tite, dizem, pode sair do Corinthians de hoje para amanhã. A gambazada está falando em Felipão, mas a hipótese do negócio sair, agora, é nula. Quem toparia esta troca?

Destaque um assunto e comente

COMENTE COMENTE COMENTE.

  

27 Comentários:

  • Às 18 de setembro de 2011 21:28 , Anonymous Lupo Hell Rider disse...

    COMENTÁRIO TRANSCRITO DA PÓSTAGEM ANTGERIOR, SUBSTITUIDA:

    Às 18 de setembro de 2011 20:31 , Blogger Lupo Hell Rider disse...

    Mais uma vez com o time MAL ESCALADO e a teimosia de nosso comandante (?!?), voltamos pra casa com um empate com gosto de derrota. A arbitragem contribuiu com o resultado, mas não pode ser mais uma vez desculpa pela incompetência de nosso time. 8º lugar, 5 jogos seguidos na mesma merda, praticamente assegurando o título de campeão brasileiro dos empates, retranca e incompetência. FORA COM ESSES PORRAS DE RIVALDO, TINGA, ... E SE MOSCAR, FORA FELIPÃO!!!

     
  • Às 18 de setembro de 2011 21:30 , Anonymous Dinho Maniasi disse...

    COMENTÁRIO TRANSCRITO DA POSTAGERM ANTERIOR, SUBSTITUÍDA:

    Às 18 de setembro de 2011 20:49 , Anonymous Anônimo disse...

    Não vou nem comentar, sou voto vencido mesmo.

    Dinho Maniasi

     
  • Às 18 de setembro de 2011 21:57 , Anonymous Edson disse...

    O Felipão tem qualidades, muitas aliás, mas o seu pragamatismo é de dar enjoo em sonrisal.
    O time do Palmeiras não muda. Esteja ganhando ou perdendo, não muda. Joga recuado e nada tenta de novo.
    Porra Felipão, na falta de um meia, coloca o Carmona, arrisque que pode dar certo.
    O que é certo mesmo é que Tinga, Rivaldo e Luan não têm categoria suficiente para jogar num time que quer ser campeão.
    Acredito no trabalho do Felipe no longo prazo, pois tenho certeza que está ajudando a sanear o futebol do verdão, mas vai gostar de grosso jogando no time titular, assim, lá na PQP.
    Hoje tínhamos os tres, terrível.

     
  • Às 18 de setembro de 2011 22:19 , Blogger Unknown disse...

    O time portou-se bem apesar da escalação RIDÍCULA que Felipão fez hoje, vai ser BURRO sim lá na pqp, impressionante, RIVALDO E TINGA, não podem mais vestir a camisa do palmeiras, Gérley precisa entender que não joga mais em um time de 4 divisão do campeonato brasileiro, Luan obrigatoriamente tem que render mais na questão qualidade técnica, tática vai bem, mas é só...

    Assunção jogou muita bola hoje, fez seu trabalho da melhor maneira e mostrou que tem condições física, quando quer jogar...

    O melhor do time hoje disparadamente foi Chico, correu, marcou, atacou foi o melhor homem em campo, tem que ser titular...

    O que me surpreendeu também foi a entrada de Mauricio Ramos no lugar de Thiago Heleno, a dupla ficou muito mais completa, não pode ser mais banco...

    Agora do Felipão não vou mais comentar... Depois que fiz o curso de treinamento com o fisiologista dos gambás percebi que Tite é um bom treinador, porém seria uma mal negocio a troca, pois Felipão sabe muito bem atuar com peças de qualidade e as deles muito melhores do que as nossas... Tite não poderá fazer o mesmo trabalho no Palmeiras que Felipão poderá fazer no Corinthians...

    É amigos, o palmeiras precisa trocar de técnico sim, só assim iremos conseguir alguma coisa neste brasileiro...

    Abraço a todos...

     
  • Às 18 de setembro de 2011 22:23 , Anonymous Sérgio de Mauro disse...

    Falaram pro Gerley que prá jogar no time do Felipão tem de saber usar os dois pés. O garoto não entendeu direito.

     
  • Às 19 de setembro de 2011 00:33 , Anonymous Benê disse...

    Eu fiquei triste por que sei que o empate afundou a gente de uma vez mais eu fiquei satisfeito porque o Parmera saiu de campo de cabeça erguida porque jogou muita bola. O juiz foi que estragou tudo. Olha Alcides nem me fala nesse Tite nem de brincadera. O Palaea pos ele pra fora do Parmera por pura incompetencia. Ele tem que continuar mesmo la nos lixo. Assunção foi um gigante hoje com a nossa camisa. Alcides eu assisti o programa do avaloni na cnt e o Rogério de Ogum tava lá. Eu lembrei de tudo o que vc falou aqui no site. O Ogun já fez trabalho espiritual até pra ajudar o Tele Santana quando ele treinou os bambi. No duro o Parmera precisa mesmo de um rezador Valeeeu

     
  • Às 19 de setembro de 2011 08:58 , Anonymous Anônimo disse...

    Pra mim , não foi empate heróico, foi um empate sofrido. O avai é muito ruim.

    Felipão deveria ter mantido Fernandão no time mesmo com a expulsão do Ruinvaldo (não deveria nem ter entrado em campo), afinal o time do Palmeiras só ficava procurando faltas para o Marcos Assunção cruzar na área. E com Fernandão as chances de gol com certeza aumentariam. O Palmeiras não fez uma jogada trabalhada, de infiltração, de passagem, de velocidade, nada, só chuveirinho e mais chuveirinho na área...(coisa de time pequeno e mal treinado !)

    Está duro assistir um jogo do Palmeiras. Cadê a evolução do time ?

    Quando iremos acordar desse pesadelo de ver nosso amado time cada vez mais se apequenando ?

    Senhores dirirentes, a torcida está cansada de tanta incompetência, de tanta desmoralização.

    E tem outra: Podem falar o que quiserem mais eu gostaria da volta do Belluzzo, sem o Cipullo é claro ! O Belluzzo pensa grande no Palmeiras, é que, infelizmente, teve azar. Mas estava no caminho certo

    Volta Belluzzo !!!!!!!

    Torcedor Realista

     
  • Às 19 de setembro de 2011 09:33 , Anonymous Anônimo disse...

    Onde anda o Mago dos Magos?

    Volta cara. Quero saber como é que voce daria jeito nesse time de ontem e também queria saber se ainda acha que o técnico tem que ser mandado embora.

    Torcedor Realista !!!!!

     
  • Às 19 de setembro de 2011 10:02 , Anonymous NEY VERDE disse...

    Vamos por parte:

    Primeiro: Os safados do apito sabem que meter a mão no Palmeiras, não da em nada, o vagabundo de ontem foi ruim para os dois lados, mas intencionalmente prejudicou mais o Palmeiras...., Culpa de quem???? Culpa de uma diretoria omissa, vagabunda, amadora, que fica assistindo isso desde o inicio do campeonato e não toma nenhuma atitude, ate mesmo a imprensa vagabunda, já publicou que o palmeiras é o mais prejudicado.

    A gente se pergunta, porque tanto desequilibrio com os jogadores do palmeiras em campo, ve se claramente em seus rostos uma fisionomia diferente.., mas a resposta veio ao final do jogo quando o senhor Luiz Felipe, com idade de ser avô, campeão do mundo, ao sair de campo, em total desequilibrio, mostra o dedo do meio a torcida que protestava contra sua burrices, nesse gesto deu se para fazer uma analise do comando que o time esta tendo, este senhor com seu ajudante, só continua, porque se trata de Palmeiras, clube com diretoria covarde, amadora, que tem medo de chamar a responsabilidade para si, e mandar essa dupla de velhos embora, tem medo de mandar embora e as coisas piorarem, pura covardia.....

    Quanto ao jogo, acho que não tem nada de empate com heroismo, Avai ultimo colocado, time ruim, o Juiz prejudicou, mas mesmo assim PALMEIRAS É PALMEIRAS, contra um time ruim desse tinha que ter ganhado, mas esbarramos nos mesmos problemas, time mal escalado, MARCIO ARAUJO falhou feio no gol deles, com parceria da infelicidade do Henrique, e da falta de condicionamento do goleiro que vocês chamam de santo, que joga, ou melhor entra em campo, só para distribuir camisa.

    O nosso mal,vem de algum tempo, fruto de diretores amadores e omissos, hoje se acentua, com essa comissão técnica ultrapassada, velha, ranzinza e com boleiros de péssima qualidade que dos clubes grandes só o Palmeiras mesmo que os contrata, como LUAN e RIVALDO, vão ser ruim na PQP.

    Parabens a partida impecavel de M. Ramos, Kleber, e M. Assunção, esse ultimo que sempre vem comprometendo por sua condição fisica e idade, ontem Juntamente com Kleber serviu de exemplo a muitos outros chinelinhos que só querem grana....
    O palmeiras continua sendo um reduto de amadorismo, descomprometi mento, AI TODO MUNDO APROVEITA..., PORQUE CHUTAR CACHORRO MORTO É MOLE!!!!!!

    O PALMEIRAS DE HOJE É UM CACHORRO MORTO....

    Se esse covarde presidente, não decer do muro, e tomar atitudes,o time vai para o rebola e brigara para não cair..., chega de vaidades, chega de antiguidade....

     
  • Às 19 de setembro de 2011 10:17 , Anonymous Anônimo disse...

    Nosso blog recebeu denuncias de que o dirigente Galeano leva comissão em algumas transações de jogadores no clube.

    Conseguimos confirma-las, ontem, em conversa mantida com um insatisfeito jogador palmeirense, que pediu anonimato.

    “Não tenho mais vontade de jogar lá… outros também pensam igual… eles são muito sacanas… esse Galeano, leva dinheiro num esquema com o Magrão (ex-jogador)… eles dividem…”

    “O Luan e o Patrick são do Magrão… Você sabia que o Galeano era também empresário do Magrão ?”

    “Muito jogador está insatisfeito com a situação… pensam até mal do Felipão… não sei se ele sabe, não posso provar… mas, se não sabe, é o único…”

    DETALHE:

    FELIPÃO DEFENDE MAIS PODERES PARA MAGRÃO.

    LOGO, SE FELIPÃO ESCALA JOGADORES DO ESQUEMA DO GALEANO, COMO LUAN E PATRICK, FELIPÃO É CÚMPLICE DESSA SAFADEZA QUE ESTÁ ACONTECENDO NO CLUBE.

    RUA CAMBADA DE SAFADO.

     
  • Às 19 de setembro de 2011 10:18 , Anonymous Anônimo disse...

    DIGO, FELIPÃO DEFENDENDE MAIS PODERES PARA GALEANO, QUE TEM ESQUEMA COM MAGRÃO.

     
  • Às 19 de setembro de 2011 12:43 , Anonymous Anônimo disse...

    Olha pessoal, acho muito injusto as críticas que nós fazemos aos jornalistas e a toda a imprensa que fala do Palmeiras.

    Eles não são anti palmeirenses, eles escrevem e falam apenas o que a torcida do palmeiras quer ler e ouvir.

    Eles tratam o time da forma como a torcida gosta.

    Falam mal, falam mal e não reconhecem quando o time se supera e joga bem.

    Ou será que tem algum jornalista escrevendo aqui?

    Senão vejamos:

    Qualquer time que estivesse na situação do time alviverde e tivesse as melhores chances de gol na partida, que quase não sofresse perigo de gol jogando com dois a menos e não perdesse o jogo, mesmo com toda a parcialidade do árbitro em favor do adversário, seria muito elogiado por sua torcida.

    Os jogadores seriam exaltados, mas nossa torcida não entende assim.

    Mas isso é só a minha opinião.

    Dinho Maniasi

     
  • Às 19 de setembro de 2011 13:00 , Anonymous Alcides Drummond, o Editor disse...

    CONSIDERAÇÕES
    O Palmeiras joga, primeiro com 10, depois com 9, começa perdendo com um gol quase relâmpago, enfrenta um adversário muito forte quando atua em casa, tem contra si um árbitro ruim, faccioso, mal intencionado, caseiro, trapalhão e muitos dos nossos não consideram um resultado heróico.

    Claro que foi!

    Ou empates assim s[o são sinônimos de heroismo, quando os gambás empatam nessas circunstâncias?

    Amigo realista
    Do jeito que vc colocou, o Avaí seria um cachorro morto.

    Na prática não é assim, Os catarinas tiveram alguns ótimos resultados neste brasileirão. Confiram na tabela do Brasileirão.

    Ainda que vc desqualifique o adversário pela péssima colocação na tabela, é difícil, prezado Realista, ganhar ou empatar na Ressacada.

    Aí é que vêm alguns méritos do Palmeiras, especificamente no jogo de ontem.

    Por tudo isso considero heróico, sim, o resultado do Palmeiras em Floripa, sem querer impor ou fazer prevalecer o meu ponto de vista, mas só reafirmando minha posição.

    Em outras palavras, sei que marcamos passo, Desta vez, porém, com dignidade, diferentemente de outros empates em que atuamos com covardia.

    Em última análise, o que eu quis realçar é o que eu disse na postagem anterior, de que nem um empate nas circunstâncias de ontem substituiria uma vitória.

    Se estivessemos bem na tabela, aí sim. Mas, ontem, não!

    O empate decretou nossa impotência um ano mais, para brigar pelo título.

    Lupo
    Compreendo a sus indignação. Jogadores há nesse elenco que não deviam passar na porta do Palestra.

    Dinho, voto vencido ou não, é muito importante a sua opinião.

    Edson, estou mudando, um pouco, o meu conceito sobre Felipão. Ele é igualzinho os outros, assim como o é Muricy, embora se proclamam diferentes. Vou abordar esse tema assim que levantar alguns dados.

    Sérgio, palmeirense para desopilar, só fazendo blag.

    Benê também vi o Robério de Ogun, mas pelo pouco que falou, o que ele foi fazer no Avallone?

    Higino, o Chico, em meu entendimento, só não foi melhor que Assunção. O Maurício Ramos, inclua o Henrique, é o nosso melhor zagueiro. Ele tem dois problemas, vive contundido e é demasiadamente humilde.

    Realista
    O mestre já entraou no blog.Vc não percebeu? A opinião dele é muito importante e o Mestre deveria voltar com os seus libelos contra Felipãop e esse estado de coisas vigente no Palmeiras.

    Ficar quieto ou omitir-se não ajuda nada naquilo que pretende, a saída de Felipão.

    Ney
    Vc continua firme em seu objetivo de um Palmeiras melhor e mostra em cada participação toda a sua indignação.

    O Palmeiras não é um cachorro morto, mas um cão acuado, atacado por todos os lados

    Anônimo, cadê o seu nick? Identifique-se, amigão.

    Como dizia o amigo Alceu (volte ao blog, Alceu) um abraço a todos (AD)

     
  • Às 19 de setembro de 2011 14:04 , Anonymous Anônimo disse...

    O CLAMOR DE MINAS, PODE SER A SALVAÇÃO DO PALMEIRAS.

    TERIA TIRONE DESCOBERTO PORQUE FELIPÃO QUERIA ZERAR A MULTA?


    Um último pedido ao Senador...

    Dirigentes, conselheiros, amigos torcedores apaixonados...

    Todos estão implorando ao Senador...

    Querem o derradeiro ato de despedida...

    O de retribuição por tudo que o Cruzeiro fez pela sua vida...

    Por sua carreira política...

    Ainda mais depois da maneira depressiva que o time disputou o clássico de ontem...

    Diante do América, a dificuldade em escolher o pior...

    O menos motivado...

    Ainda não está na hora de Emerson Ávila ter tanta responsabilidade...

    O Senador sabe disso...

    Assim como o vivido Valdir Barbosa...

    Até a juventude do filho do Senador indica que o caminho é outro...

    Mesmo o sempre cordato Gilvan de Pinho Tavares resolveu sugerir...

    O sonho azul é uma revolução na Toca da Raposa...

    O pedido é que o Senador use o seu tino de comerciante...

    Derrube a barreira dos R$ 5 milhões de multa...

    Dando a outra metade de Kléber...

    Usando a sua lábia com Arnaldo Tirone...

    Fazendo o que for...

    E dê para o Cruzeiro como último ato o treinador que o clube sonha...

    Luiz Felipe Scolari...

    O Senador tem feito ouvido de mercador...

    Finge não ouvir as súplicas...

    Mas sabe que está nas suas mãos ter uma saída digna, festejada...

    E não constrangedora...

    Tudo dependerá de ir por cima do próprio ego...

    Deixar o melhor treinador do Brasil e não usufruir do que ele possa trazer de bom...

    Já passou da hora do Senador agir...

    O Cruzeiro não merece passar por tantos vexames...

    Ser representado por um time moribundo...

    Sem motivação...

    Com jogadores rodados que não escutam a voz de quem ainda não tem comando para dobrá-los...

    O pedido da torcida que o transformou em deputado e em senador é um só...

    Está na hora de retribuir tudo que conseguiu por meio do Cruzeiro...

    Basta ter um mínimo de vontade...

    E Luiz Felipe Scolari será novamente o comandante que o time azul precisa...

    O Palmeiras quer se livrar do treinador e não sabe como...

    Nunca esteve tão fácil...

    Senador, passou da hora de mostrar que você é realmente cruzeirense...

    Cosmi Rímoli.

     
  • Às 19 de setembro de 2011 14:31 , Anonymous Anônimo disse...

    AQUI NO SÍTIO EU RISQUEI NO CHÃO AMSSIM

    Com 3 zaguero pra num tê que coloca o rivardo.

    Marco-Henrique-Maricio Ramo-Tiagoleno, dispois o Luan do sertão na esquerda e o Marcio Araujo na direita, dispois os volante Chico e Marcossunção e de meia armadô o Pedro Mamona e os dois tacantes Klébis e Bitélão.

    Veno diretinho no chão do meu sertão, acabei descobrino que meu time era mió do que o do felipão escalou.

    Mai será o binidito que esse jumento não encherga direito?

    vô manda um pedaço de terra do chão e um gaio pra ele escalar o time.

    Zé Tchalau.

     
  • Às 19 de setembro de 2011 16:13 , Anonymous WALTER PORCÃO disse...

    Pensei que Cosme Rimoli tinha parado de escrever. Me disseram que o bispo tinha feito uma limpa e mandando ele embora. Fazia tempo que não lia nada dele ou entrava em seu blog. Como fala besteira esse sujeito. Só besteira. Pra que car cartaz a Rimoli que de palmeirense só tem o sobrenome. como falava o Padre Quevedo tudo o que ele falou sobre o assunto não equisiste.

     
  • Às 19 de setembro de 2011 21:13 , Anonymous Anônimo disse...

    Depois de ver a volta do Eng. Beltrão, digo Evandro Roman, para apitar um jogo do Palmeiras e presenciar mais um brilhante trabalho desse apitador fiquei em dúvida sobre os reais interesses da direção do Palmeiras.
    O torcedor palmeirense denuncia os constantes e graves erros de arbitragens contra o time. Erros que deixaram de ser comuns e passaram a configurar situações grosseiras. Entretanto, a direção do clube não se manifesta, aceitando tudo com a maior passividade.
    Até a BAND, tradicional reduto corintiano, vai fazer uma reportagem mostrando que os erros contra o Palmeiras passaram do limite.
    Chegamos ao ponto do ridículo onde uma emissora com a BAND vai se manifestar e o próprio Palmeiras não abre a boca.
    Então surge a dúvida sobre o real interesse da direção palmeirense.
    Será que esses erros constantes e grosseiros não são bem vistos pelos diretores que preferem ver o time se afundar na tabela do que assistir seu desafeto treinador ter resultados?
    Se for isso, é o fim!
    Por mais que o treinador tenha errado (tem errado muito, é teimoso e busca confusão toda semana), com arbitragens normais o Palmeiras estaria disputando a ponta da tabela e, com certeza, nessa condição o clima em torno do time seria muito diferente.

    Marcelo Luiz

     
  • Às 19 de setembro de 2011 22:04 , Blogger Sílvio Semprini disse...

    Alcides, desculpe pela veemência de minhas palavras, mas estamos passando dos limites da paciência para a tristeza de vermos como nosso Palestra está sendo conduzido. Abraço!

     
  • Às 20 de setembro de 2011 10:21 , Anonymous NEY VERDE disse...

    Tudo explicado aqui....


    http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2011/09/20/rixa-poder-dinheiro-entenda-a-disputa-felipao-x-frizzo-que-estremece-a-famiglia-palmeiras.htm

     
  • Às 20 de setembro de 2011 11:48 , Anonymous Anônimo disse...

    20 de setembro - "O inimigo da pátria"

    Ao adentrar os gramados do estádio, guiados pelo militar Adalberto Mendes, os palmeirenses carregaram uma enorme bandeira do Brasil, o que provocou o silêncio dos presentes. Silêncio que logo se transformara em uma calorosa e extensa salva de palmas para o clube que era tido como "inimigo da pátria".

    Com a bola rolando, o Palmeiras vencia por 3 a 1, quando teve o árbitro assinalou pênalti, após o zagueiro tricolor Virgílio cometer falta em Og Moreira dentro da área. Inconformados, os são-paulinos decidiram protestar e abandonaram o campo. Minutos depois, o árbitro apitou o fim da partida.

    A vitória apenas confirmava: "O Palestra Itália morrera líder, mas o Palmeiras já nascia campeão". O gesto conhecido como "Arrancada Heróica" atualmente batiza uma passarela localizada na Avenida Antártica, próximo ao estádio Palestra Itália, e a criação do "Dia do Palmeiras" aprovado Câmara Municipal de São Paulo, em 2005.

     
  • Às 20 de setembro de 2011 16:12 , Anonymous Anônimo disse...

    publicado em 04/02/2011 às 20h00:

    “Se for para o Tite ser demitido,
    prefiro perder”, diz Felipão

    PERGUNTA:

    - EM QUE MOMENTO FELIPÃO MOSTROU PREOCUPAÇÃO COM O PALMEIRAS NESSA AFIRMAÇÃO?

    Ambrósio Cury.

     
  • Às 20 de setembro de 2011 16:31 , Anonymous Anônimo disse...

    Postado por um torcedor português há mais de dois anos, sobre a queda de Felipão do Chelsea.
    (no mínimo, apocalíptico)

    Baltazar:
    11 fevereiro, 2009 as 07:46

    Acho que o Filipao nao pode e nunca mais se aventurar em treinar um clube mas sim selecoes porque e la onde pode ter sucesso, ha pouco trabalho e tempo para analisar as partidas; viu-se claramente as dificuldades que teve em gerir o plantel ate parecia um tecnico da quinta categoria. foi uma experiencia negativa para um tecnico que ja foi campeao mundial.
    Mas hoje em dia as pessoas devem deixar para o passado o descurso de que ja foi campeao, o facto de ser campeao atraves duma seleccao e muitissimo diferente faze-lo por um clube.
    esta experiencia deve servir para todos aqueles que desprezam os trabalhos de tecnicos k estao todos dias a trabalhar em clubes quer pequenos quer grandes, sao estes que devem ser valorisados pelo esforco k fazem.
    Nao e facil gerir um plantel dia a dia. Ha tecnicos que so trabalham em clubes grandes para ter sucessos mais quando sao contratados com equipas pequenas recusam, porque? Porque sabem das dificuldades que vao encontrar.
    Acho justo a demissao do senhor Scolar se foi campeao nao me interessa, no Chelsea nada fez a equipa perdeu todos derbis e deixou todo adepto humilhado quer em casa quer fora.
    Todo adepto vive das emocoes do seu clube e eu nao gostei nada do trabalho desse senhor e deve voltar ao Brasil viver a sua reforma porque se quizer isistir vai apanhar cabazada com a nova onda de treinadores e novas exigencia do futebol.
    A carreira de treinador ta sendo cada vez mais complicado e e preciso ter pulmao para enfrentar os novos desafios, ele ja deu o que tinha para dar mas se ele quer afundar cada vez mais a sua imagem pode continuar a rtreinar equipas.

    Adeílton Silveira.

     
  • Às 20 de setembro de 2011 17:16 , Anonymous Anônimo disse...

    Grande capitão, tudo em ordem?

    Você mudou o email?

    Abração do amigo Chico e parabéns sempre pelas colunas brilhantes, leio todas sem excessão.

    Francisco Ricardo Giardini

     
  • Às 20 de setembro de 2011 17:49 , Anonymous Alcides Drummond disse...

    Prezado Chico
    Não mudei de e-mail, de cidade, estado, de telefone e nem de mulher.

    Tudo isso seria possível, exceto eu mudar de time.

    Vou enviar-lhe um e-mail confirmando o meu e-mail.

    Um abraço a toda a sua família, ao pequeno Enzo e saudades do velho Ildefonso Giardini, o maior entre todos os palestrinos que conheci.

    Na verdade, ele empatava com meu irmão, mas como era mais velho ficava com a prerrogativa.

    Um abraço e faça o favor de participar mais assiduamente de nosso blog que foi feito em respeito aos inesquecíveis amigos que escreviam no site Palestrinos de nosso amigo Ezequiel.(AD)

     
  • Às 20 de setembro de 2011 20:16 , Anonymous Edson disse...

    Amigos, vejam mais um caso de bullying.

    http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=w3dF2RM79lw

     
  • Às 20 de setembro de 2011 22:16 , Anonymous Anônimo disse...

    TIRONE AO VIVO NO CARTÃO VERDE DA TV CULTURA... LIGA LÁ

     
  • Às 20 de setembro de 2011 23:12 , Anonymous Edson disse...

    Seguindo a dica do colega anônimo, fui ver o programa cartão verde, e fiquei surpreso e horrizado com a qualidade da produção e dos apresentadores do referido programa.
    Não seria o certo, que apresentadoress de TV tivessem uma boa dicção e que falassem de forma que os telespectadores entendessem?
    Não é o caso, exceção feita ao apresentador, os dois que o acompanhavam, cujos nomes eu desconheço, são muitos ruins de locução.
    Enfim, um programete descartável e que deveria receber um cartão vermelho por parte de todos os torcedores.

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial