Observatório Alviverde

20/05/2017

MISTO QUENTE DO PALMEIRAS ESTA NOITE EM CHAPECÓ!



Hoje, ás 19 H, o esperado clássico verde entre Chapecó e Palmeiras na Arena Condá, em Chapecó, oeste catarinense que, como ocorre com grande parte dos jogos do Palmeiras, só será mostrada exclusivamente pelo "pay-per-view", isto é, só quem paga pode ver.

A Chapecoense vem com tudo, mas o Palmeiras será representado por se misto quente pois preserva a integridade física de quase todo o elenco para o jogo contra o Atlético de Tucuman.

O jogo contra os argentinos decide a continuidade ou não do Verdão na Liberta que, queiramos ou não, aprovemos ou não (é claro que queremos e que aprovamos, exceto alguns perebas da torcida) é a competição mais importante do ano e foi priorizada como o caminho para que o verdão conquiste o seu segundo Mundial de clubes da Fifa. 

Então, em atitude reta e correta -profissionalíssima-, Cuca, que em outro contexto escalou de forma sapiente todos os  titulares contra o Inter coloca campo hoje em Chapecó  a sua segunda força, isto é, o seu segundo time, muito melhor do que  a maioria dos concorrentes da Série A.

Apenas três titulares entrarão em campo: Prass, Tchê e Willian Bigode, mas, ainda assim Cuca coloca manda ao campo um time espetacular, de fazer os adversários babar de inveja e despeito. 

Já que citamos os que jogam, vamos nominar quem não joga: Jean, Mina, Dracena, Zé Roberto, Felipe Melo, Guerra, Dudu e Borja.

Contra o Inter o Palmeiras usou todos os titulares diante da perspectiva de ficar mais perto de ganhar a Copa do Brasil, um torneio importantíssimo, altamente rentável em que o Verdão pode chegar ao título em apenas cinco jogos dos quais dois serão realizados no Allianz Park.

Este blogueiro, antes do Palmeiras x Inter discorreu sobre o tema e disse que o jogo para qualquer necessidade ou eventualidade de poupar jogadores seria o de hoje, Coincidentemente, Cuca pensava do mesmo modo.

É óbvio que de minha parte não farei nenhuma crítica relacionada à filosofia adotada de entrar com um mistão esta noite em Chapecó, até porque já cravei que Cuca e a diretoria estão certos.

Mas as críticas relacionadas ao rendimento do time e das individualidades em campo eu as farei normalmente e com a ênfase e contundência que se fizerem necessárias.

É óbvio que vou considerar as situações atenuantes de estreia, tanto e quanto a condição de desentrosamento da equipe B, adaptada e afeita aos treinos em busca da titularidade e não aos jogos.  

Eis o time que começa o jogo: Prass, Fabiano, Antonio Carlos, Juninho e Michel Bastos, Thiago Santos, Tchê-Tchê e Raphael Veiga. Róger Guedes, Willian e Keno. 

Com este time, dá pra ganhar do campeão catarinense na casa do adversário?

COMENTE COMENTE COMENTE






10 Comentários:

  • Às 20 de maio de 2017 11:09 , Anonymous Elcio disse...

    Ganhar é perfeitamente possível, mas pelo histórico que temos desde a segundona, nunca tivemos moleza.
    Não sei nem se já ganhamos alguma vez lá.
    O time parace ser bom por alguns nomes, a zaga será uma incognita.

    Estou pensando há algumas horas se eu não sou um pereba. :))
    Li e reli estou tentando captar a mensagem.

    Eu tenho a libertadores como a principal competição, mas não gosto de desprezar o Brasileiro em nenhum momento.

    Semana que vem tem Bambi e Inter, depois do A.Tucuman, vamos poupar novamente contra os Bambis?

     
  • Às 20 de maio de 2017 13:12 , Anonymous Claudio de MG disse...

    Não. Não dá!

    Este time, se bem treinado, coletivamente entrosado, seria sim um belo escrete. Porém, nestas circunstancias, não passa de um catadão.

    Mera, pura e simplesmente uma invenção do grande treinador Cuca.

    Hoje. Repito: Hoje, a Chapecoense é franca favorita.

    PS: Porque/ por que/ pra que Prass???

     
  • Às 20 de maio de 2017 13:33 , Anonymous Rosemiro disse...

    Clássico contra a Chapecoense???????

    Não entendi Alcides!

    É uma ironia ou "homenagem" ao clube Catarinense?

    Para mim, apesar de toda a justa comoção causada pelo terrível desastre ocorrido, a Chapecoense continua sendo um CLUBE PEQUENO e SEM NENHUMA TRADIÇÃO no cenário nacional!

    É UMA REALIDADE QUE NÃO PODE SER ALTERADA PELA TERRÍVEL TRAGÉDIA!!

    Espero ter entendido errado sua colocação,mas ou descemos ao nível deles, ou eles subiram ao nosso!!

    Não entendi!!

    Também não esqueci das gozações, provocações, matérias depreciativas( algumas inclusive postadas por dirigentes deste clube) quando eles nos humilharam com uma goleada( 5 x 1) em 2015. Também não esqueci da postura de seus jogadores naquela partida, da gana, da raiva, e do impeto em nos humilhar e arrebentar( coisa que não vi em nenhuma outra partida deles naquele ano)!

    O que ocorreu com os jogadores deles foi uma tragédia, mas a vida segue!!

    O Palmeiras precisa é DEVOLVER esta humilhante goleada com urgência, e fazer exatamente o que fizeram com nós naquela partida( provocações e olé).

    Dentro de campo é outra história!! Negócios são negócios! Futebol é futebol!!

    Chega de mimimi!!

    O que passou, passou!! Respeito e lamento de coração( até hoje) a tragédia, mas jamais vou considerar este PEQUENO CLUBE, um rival do Palmeiras!

    Lembrem-se daquele clubeco do nordeste, o tal de IXPOTÍ, que alguns anos atrás, achou que poderia se equiparar ao GIGANTE PALMEIRAS,e quis provocar uma espécie de rivalidade!!!

    kkkkkkkkkkk! Rivalidade do PALMEIRAS com o pequeno bambi do nordeste?kkkkkkkkkkkkkkkkk! Meu Deus!!

    A história e a sequência dos campeonatos mostrou a eles o seu devido lugar! O DE CLUBE PEQUENO!!

    Devemos mostrar isso também ao clube catarinense!!

    Tirando a tragédia de lado, em respeito as vidas dos jogadores e profissionais que ali faleceram, e a dor incurável de seus familiares, a Chapecoense é um adversário do Palmeiras na busca do DECIMO TÍTULO BRASILEIRO, e como os outros precisa ser superado!

    Se um dia se tornarem GIGANTES como o PALMEIRAS, poderemos considerá-los como rivais e chamar de clássico uma partida contra eles!!

    Esta é minha opinião!!

     
  • Às 20 de maio de 2017 13:36 , Anonymous Arnaldo disse...

    Caro Alcides, ... caros colegas

    Primeiro, informo que até hoje, Chapecoense e Palmeiras jogaram 5 vezes no 'Índio Condá': 3 derrotas e 2 empates.

    Em segundo lugar, concordo com o Cláudio em que faltará entrosamento. A atenuante é que a Chapecoense também estará sem vários titulares e portanto, com uma equipe desentrosada. Por isso, creio que SIM, é possível a vitória.

    O importante é ter serenidade para não cair na correria da Chapecoense e nem na gritaria da torcida. Espero que Michel Bastos assuma o protagonismo e traga a esta jovem equipe, o tom de tranquilidade necessário.

    Grande risco, é ter Antonio Carlos na zaga. Indicação do 'ex' (eduasno), este zagueiro inexperiente e fraco tecnicamente, poderá 'entregar' o ouro. Espero que Juninho faça uma boa estreia jogando sozinho, e que Tchê Tchê e Thiago Santos dêem conta da marcação.

    Abraço a todos

     
  • Às 20 de maio de 2017 13:48 , Anonymous Anônimo disse...

    Parabéns Rosemiro!
    Expressa a realidade em se tratando de futebol.
    Não devemos esquecer que eles são adversários e que devem ser tratados assim em quaisquer circunstância.

     
  • Às 20 de maio de 2017 15:00 , Anonymous Cleiton disse...

    Boa tarde amigos. Achei a matéria interessante. Segue o link a quem se interessar: http://globoesporte.globo.com/blogs/especial-blog/peron-na-arquibancada/post/o-campeao-do-brasileiro-de-2017-segundo-historia-da-competicao.html

     
  • Às 20 de maio de 2017 15:23 , Anonymous Nei Verde disse...

    Parabéns Rose miro!
    Sou pereba, contra a escalação reservas, nada de poupar, três pontos perdados hoje podem decidir um campeonato, o ano nem bem começou antes do jogo viemos de onze dias folga, parem de frescura, isso aí não é resort, tem que entrar com força máxima em todas competições, e parem de frescura, se alguém machucar, substitua.
    E PORQUE F.MELO NÃO VAI JOGAR????ELE NÃO ESTÁ SUSPENSO NA LIBERTADORES
    .???

     
  • Às 20 de maio de 2017 16:24 , Blogger ester abea disse...

    NOssa!!!!

    Rosemiro, com muito brilho, "matou a pau".

    a. todos nós lamentamos e nos compadecemos da tragédia com os moços de Chapecó.

    b. inobstante, a terrível tragédia não coloca o time de Chapecó entre os grandes. Muito menos no nível da SEP!!!

    c. lembro-me que quando golearam o Palmeiras tentaram tripudiar. Uma moça, muito feia, da torcida deles declarou algo como" somos o único Verdão". Como assim, moça feia ? Comportamento pequeno. Afinal, como dizia minha amada mamãe, ganharão por 5 a 1 uma vez na vida outra na morte.

    d. alguns anos atrás outro time minúsculo, que nunca venceu um Brasileiro, tentava criar rivalidade com o Verdão. Ora bolas, rivalidade existe entre grandes. Nunca entre um time sujo, autêntica excrecência, provindo da cidade mais arrogante do Brasil, que atende pelo nome de Sport...

    e. Clássico se faz entre GRANDES. Palmeiras e Sport ou Chapecoense só será clássico quando estes pequenos crescerem. Talvez am 100 anos. Se é que vão melhorar...

    d. e mais: aproveitar-se de uma tragédia para tentar artificialmente colocar-se entre os "grandes" é de uma pequenez assombrosa.

     
  • Às 20 de maio de 2017 16:28 , Blogger ester abea disse...

    só para completar

    Ver idéias bem expostas e gramática impecável como nosso Rosemiro colocou é para poucos...
    Não é a toa que este é o espaço mais inteligente do futebol brasileiro !

    (claro que somos inteligentes, somos palmeirenses)

     
  • Às 20 de maio de 2017 17:21 , Anonymous Rosemiro disse...

    Nei,Anônimo e Ester; Muito obrigado pelos elogios!! Abraços!!

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial