Observatório Alviverde

27/01/2019

EM 2018 O RODÍZIO DE FELIPÃO "QUASE" DEU CERTO!


O Palmeiras enfrenta o São Caetano hoje às 19 H no Anacleto Campanela, escalado de maneira diferente por Felipão que garante que vai dar sequência ao rodízio nesta temporada.

Sou, por convicção, radicalmente contra a prática, embora reconheça que três ou quatro jogadores menos dotados do ponto de vista fisico, não apenas podem, mas devam ser substituídos.

Já disse, repeti e repito que, mesmo em elencos grandes e caros como o do Palmeiras, há a necessidade premente de se formar um time base com suficientes condições de entrosamento, sem o que as perspectivas de chegar aos melhores resultados e aos títulos, diminuem consideravelmente.

Sei que a minha sinceridade e franqueza em emitir os meus pontos de vista provoca reações contrárias, sobretudo da parte daqueles que acompanham futebol sob a égide dos resultados e que não têm coragem suficiente para antecipar opiniões.

Sei, perfeitamente, e quem é observador arguto também sabe que o tal "rodízio" foi adotado por Felipão exclusivamente por razões de harmonia interna.

Mesmo ele, o técnico de maior status, tanto e quanto aquele de maior influência e liderança entre todos os em atividade, hoje, no Brasil teria dificuldades em manter o equilíbrio do grupo atual, repleto de jogadores de nome e influencia de muitos caciques e tão poucos indios.

Concordo com meu irmão médico (clínico geral) quando ele diz que toda a vasta gama de recursos medicinais e toda a gama de exames que existem hoje falam melhor até do que os próprios jogadores envolvidos quando eles têm de se tratar ou de jogar e que a modernidade exige tais procedimentos.

Também concordo quando ele afirma que o futebol hodierno exige cada vez mais do físico de cada jogador e que nem todos possuem a mesma resistência física, tanto e quanto os acidentes de trabalho não escolhem ninguém, mas, simplesmente, chegam e tiram muitos atletas da atividade.

Concordo, repito, com ele, sim, e reconheço que um ou outro jogador pode e deve ser substituído, mas abrir mão de um time inteiro, sobretudo de um time organizado e, principalmente, entrosado, significa, como se dizia antigamente, "entregar-se aos paraguaios". Hoje significa entregar-se aos argentinos, aos uruguaios, aos colombianos, e, até, aos bambis, aos flamenguistas e aos curicanos.

Ninguém irá me convencer que segundos times formados por jogadores de menor expressão do que os titulares jogará suficientemente para superar os titulares, sabidamente aqueles melhores ou a "nata" de um elenco.

O problema é a carga de jogos?

Que "cazzo" então é esse preparo físico de hoje, ministrado a atletas que não consegue suportar sequer dois jogos por semana? Há algo errado nisto, concordam?

Se estivessemos em final de temporada eu admitiria em gênero, número, gráu, tempo e caso com o rodízio, mas fazer isto em início de temporada quando já se tem disponível a base de um time campeão do ano, eu considero, sinceramente, um desperdício.

De qualquer forma é essa a maneira que Felipão encontrou de conseguir manter todo mundo motivado e ligado, à espreita de poder entrar em campo a qualquer tempo e hora.

Em razão disso quero deixar claro que respeito, não apenas a posição de Scolari, mas a própria escolha do treinador visando à facilitação de seu trabalho em um ambiente harmônico e de competitividade sã e leal.

Felipão, malgrado os bons resultados do ano passado está longe de ser o técnico dos meus sonhos, embora, repito, o respeite pela aplicação no trabalho, liderança, seriedade,  honestidade competência e, (por que não dizer?) pelos próprios resultados positivos que ele sempre obtém.
(olha eu direto e franco novamente, provocando a ira dos analistas de resultado) 

Felipão gosta de formar, exclusivamente, times que buscam os resultados e eu prefiro times clássicos e capazes de ganhar os jogos sem tanta dificuldade, ou como se diz hoje em dia, sem tanta "sofrência".

Foi por isto que, há tempos, quando o Palmeiras dispensou o esforçado e dedicado Róger Machado, coloquei Felipão como a minha segunda alternativa de contratação. 

Róger ainda tem muito a aprender, sobretudo no que concerne à administração de grupos, personalidades e vaidades, aspectos nos quais Scolari é um especialísta de altíssimos nível e estofo.

Dito isto, prometo-lhes, não voltarei ao assunto "rodízio" a fim de dar toda a tranquilidade a Felipão e, -sinceramente- espero que o errado seja eu.  Apesar da desimportante opinião que emito, Felipão,  preliminarmente o segundo em minha preferência, continua contando com todo o meu apoio e respeito.

O jogo do Palmeiras, hoje, é contra o perigoso São Caetano, lá no território deles.

O mais provável time do Palmeiras é este:

Weverton (Jailson); Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Diogo Barbosa; 
Felipe Melo, Bruno Henrique (Moisés) e Lucas Lima; 
Felipe Pires, Carlos Eduardo e Borja 
Técnico: Luiz Felipe Scolari

Para que você possa comparar o time de hoje com aquele que venceu o Botafogo no Allians:
Prass, Marcos Rocha, Antonio Carlos, Edu Dracena e Vitor Luís.
Thiago Santos, Bruno Henrique, Scarpa (Felipe Melo), Zé Rafael (Lucas Lima).
Dudu (Carlos Eduardo) e Deyverson.

Será que contra o Curica Felipão mantem o time de hoje ou coloca a mesma onzena que venceu o Botafogo?  Como vai ficar a importante questão do entrosamento?

Estão vendo porque eu sempre digo que o rodízio, na maioria das vezes, é anti-producente, um desperdício e um verdadeiro tiro no pé?

Em 2018 "QUASE" deu certo!

COMENTE COMENTE COMENTE

10 Comentários:

  • Às 27 de janeiro de 2019 07:08 , Blogger Boca dura disse...

    Nessa sua escalação sai Marcos Rocha entra Maike, quanto ao rodízio mesmo no ano passado alguns jogadores não por acaso jogaram quase todos os jogos Dudu Felipe Melo Bruno Henrique ou seja os mais decisivos, afinal com ou sem rodízio os melhores sempre tem que jogar

     
  • Às 27 de janeiro de 2019 07:13 , Blogger Boca dura disse...

    No time que joga hoje estão os considerados titulares, no meio de semana eles folgam pra pegar os gambás no sábado não tem mistério nenhum afinal como já disse neste espaço a única coisa que importa nesse campeonato são os clássicos o resto é só encheção de linguiça.

     
  • Às 27 de janeiro de 2019 07:17 , Blogger Boca dura disse...

    Concordo com seu post ano passado quase deu certo, se dará este ano só o tempo dirá. Ganhar brasileiro copa do Brasil e libertadores acho muito difícil pra não dizer impossível embora já disse aqui nunca duvide do palmeiras.

     
  • Às 27 de janeiro de 2019 13:29 , Anonymous Fernando disse...

    Verdão é o melhor elenco e temos como formar não só dois más três times de alta qualidade coisa que nenhum outro time tem.
    Assim sendo, temos tudo para ser protagonista em tudo que vier a disputar, se vencedor é outra coisa.
    Verdão, literalmente incomparável!!!
    Avanti Palestra!!

     
  • Às 27 de janeiro de 2019 14:05 , Anonymous Fernando disse...

    BORJA completou neste sábado 26 anos e ele nos dará o presente neste domingo, tenho certeza disto, fará o gol da vitória, que é o que todos nós desejamos.
    Avanti Palestra!!

     
  • Às 27 de janeiro de 2019 14:13 , Anonymous Fernando disse...

    Provável verdão para hoje:
    Jailson; Mayke, Luan, Gómez e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Jean e Moisés; Felipe Pires, Dudu e Borja.
    Avanti Palestra!!!
    Avanti Sócio Torcedor!!

     
  • Às 27 de janeiro de 2019 15:18 , Blogger Danilo Pires disse...

    Hoje eu vou para o jogo, e um detalhe em SCS a maioria é e será verde no Anacleto Campanella inclusive o lendário prefeito Tortorello fundador do Azulão era um palmeirense roxo e diz a lenda que ele ficou frustrado na época por terem negado o seu pedido para dirigir o Verdão ele por sua vez ficou puto da vida e aí ele criou o ADSC para se vingar dos dirigentes e outro detalhe o time do ABC nunca perdeu para o Verdão enquanto o Tortorello esteve vivo. Mas enfim hoje o jogo é pertinho de casa ingressos a 60,00 e sem a viadagem que virou o Allianz Parque, aqui agente pode circular à vontade tomar aquela gelada, pode entoar cânticos com a torcida e saborear um delicioso lanche de pernil sem o maldito cerco policial.
    Avanti Palestra!!! 3x1 Palmeiras meu palpite.

     
  • Às 27 de janeiro de 2019 15:35 , Blogger Libertad disse...

    Hoje administrar o Palmeiras se estiver um pouco de competencia é muito facil, Paulo Nobre, tirou o clube da quase falencia, equalizou as dividas, informatizou os departamentos e contratou profissionais para todos setores, tirando por completo os nojentos conselheiros de perto do elenco, sem dizer que tudo isso com o clube falido e desacreditado com credores, ainda meteu a mão no bolso e de seus recursos injetou mais de cem milhões, deu de bandeija a candidatura e eleição com vitoria a seu vice, que em agradecimento lhe meteu a faca nas costas, traidor incompetente viu na obsecação da patrocinadora pelo poder sua unica saida, vendendo seu resto de dignidade e jundo com ela o estatuto do clube.
    Bunda mole despreparado que pela sua incompetencia pagamos caro, primeiro com gastos exorbitantes, depois com a vergonha das piadas do dia a dia, alem de não administrar uma desisão com vantagem de um paulistinha dentro de casa, permite sermos roubados, depois de levar a volta olimpica vexatória, despreparadamente resolve ter um piti, perde mais uma vez, e vai alem, abaixa as calças de vez para federeção.A copinha era ti tulo certo, mas mais uma vez o babaca caiu na trama da cbf e federação, permitindo que o time que obviamente iria ser campeão fosse desfalcado por uma seleção mandraque, agora só resta esperar o proximo capitulo com a globo, e com certeza mais piadas virão.
    Derpois vem idioitas aqui criticar Paulo Nobre, insinuar que um dos homens mais rico e Palmeirense do Brasil estava com armação para derrubar o atual patrocinio.Sr. idiota sera que Nobre precisa disso, sera que não é o contrario do que vc acha.
    Apesar desses titulos nunca me vi tão triste com os bast idores do Palmeriras, ingerencias em tudo, um dia vão reclamar do mal aproveitamente por tantas lambanças e ingerencias.
    Nei

     
  • Às 27 de janeiro de 2019 15:42 , Blogger Boca dura disse...

    Concordo Nei também acho que gastamos muito dinheiro pra montar times que nossos adversários conseguem fazer com muito menos poder financeiro. Quanto a televisao também acho que o carequinha vai roer a corda na hora H.

     
  • Às 27 de janeiro de 2019 20:10 , Anonymous Anônimo disse...

    Jailson raqueteou hoje no jogo hein. Que isso hein. Palmeiras está a pé de goleiros. GATITO JÁ. PRA ONTEM.
    Eliane Lara

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial