Observatório Alviverde

05/10/2019

MAIS DE TRINTA MIL DEVEM ASSISTIR AMANHÃ AO PALMEIRAS X ATLÉTICO MINEIRO!



Até quinta-feira, dia 03/10, vinte e seis mil ingressos haviam sido vendidos para o importante duelo que o Palmeiras irá travar contra o Galo Mineiro.

Como ainda não foi divulgado o movimento das bilheterias da 6ª feira e ainda teremos hoje e amanhã para a venda de ingressos, arrisco-me afirmar que o número de espectadores irá superar facilmente os trinta mil.

Falar da importância transcendental do jogo e no que representará a vitória para a sequência do time no Brasileirão, todos os palmeirenses já sabem de cor e salteado, nem é preciso repetir.

Antecipando o meu ponto de vista quero deixar claro que o Palmeiras é o favorito contra o Galo Mineiro, por ter mais time, pela experiência de seu elenco, pela qualidade maior de seus jogadores e, sobretudo, pela situação psicológica desfavorável, verdadeira crise existencial, por que passa o time das alterosas.

Não significa, porém, que o Palmeiras esteja livre de um tropeço, considerando-se a grandeza do adversário e a imensa força da camisa atleticana.

Quando falo em favoritismo, falo apenas na tendência do jogo, considerando-se a qualidade dos times e as campanhas que desempenham no campeonato.

De qualquer forma, Mano Menezes sabe que todo o cuidado será pouco, sobretudo em função do time mineiro, tradicionalmente, ser um adversário insidioso, traiçoeiro e sempre muito difícil.

Por falar em Mano Menezes, ele está chegando ao primeiro mês à frente do Verdão com um retrospecto inicial até melhor do que o de Felipão nos seus primeiro cinco jogos do ano passado, assim: 

2 x 1 no Goiás em Goiânia, 
1 x 0 sobre o Cruzeiro no Allianz, 
1 x 0 no Fortaleza lá na capital cearense 
6 x 2 sobre o CSA no Allianz 
1 x 1 contra o Inter na capital gaúcha, 
PS - Este foi um jogo que o Palmeiras só não venceu porque foi estuprado pelo soprador de apitos goiano Wilton Sampaio que comandava o VAR que anulou um gol legítimo do Verdão.

Em relação ao adversário palmeirense de amanhã, Mano Menezes o conhece muito bem por ter dirigido seu maior rival, o Cruzeiro EC. 

Trata-se de outro fator positivo que aumenta as perspectivas do Palmeiras, conquanto não se possa considerá-lo uma ciência exata.

Este ano Mano enfrentou o Galo três vezes no Campeonato Mineiro e uma vez no Brasileiro.


Embora houvesse derrotado o adversário nas duas partidas que decidiram o campeonato doméstico, a estatística dos confrontos de Mano contra o Atlético é, rigorosamente, equilibrada.

Na fase classificatória do certame mineiro, empate de 1 x 1. Nas duas finais, vitória de 2 x 1 no jogo inicial e empate de 1 x 1 no confronto final e o título ficou com Cruzeiro de Mano.

Já pelo campeonato mineiro, jogando no Independência, Mano perdeu por 2 x 0.

Eu, particularmente, sou completamente diferente dos cronistas de hoje, que emprestam um valor estratosférico e descomunal às estatísticas.

Aprendi que futebol é a síntese do momento vivido pelos clubes e que fatores diversos concorrem para que as expectativas mais otimistas muitas vezes sejam frustradas.

Outro dia fiz um comentário no qual afirmei que a disputa pelo título brasileiro não se circunscreve especificamente a Flamengo e Palmeiras e não houve a menor repercussão entre os amigos do blog. Não serviu, sequer, de advertência!

Decorridas duas rodas, o panorama já mudou e o Curica, por exemplo, começa a encostar nos líderes, com a mesma pontuação do Santos, ambos com 41 pontos.

Nas eventualidades improváveis porém possíveis de vitória desses clubes, concomitantemente a tropeços do Flamengo e do Palmeiras, Curica e Santos diminuem as diferenças até aqui acentuadas que os separam dos líderes e entram no pelotão da liderança com amplas chances de chegar.

O Palmeiras, portanto, precisa entrar em campo contra o Galo com humildade e confiança visando não apenas a chegar perto do Flamengo, como -principalmente- a manter distantes os incômodos adversários que já começam a ameaçar a sua merecida e incontestável  
vice-liderança.

COMENTE COMENTE COMENTE
PS- as opiniões dos participantes não refletem necessariamente o pensamento do blog e são da total responsabilidade dos de quem as escreve! (AD)

 

11 Comentários:

  • Às 5 de outubro de 2019 06:37 , Blogger VERDE INSUPERÁVEL disse...

    Percebam que a vitória contra o CSA tornou-se um ponto fora da curva, neste início de "Era Menezes". Início vitorioso, certo, mas "curicamente" econômico demais nos gols. Estou de olho nesse ataque !

     
  • Às 5 de outubro de 2019 06:39 , Blogger VERDE INSUPERÁVEL disse...

    Este comentário foi removido pelo autor.

     
  • Às 5 de outubro de 2019 06:40 , Blogger VERDE INSUPERÁVEL disse...

    Tal como o Blogueiro Mayor, não dou toda essa importância às estatísticas. Em sendo assim, um 6 em meio a vários 1, me fazer sentir que esse ataque precisa mais.

     
  • Às 5 de outubro de 2019 06:41 , Blogger VERDE INSUPERÁVEL disse...

    me fazem.....

     
  • Às 5 de outubro de 2019 09:47 , Blogger Boca dura disse...

    É o verde de Chapecó parece que já jogou a toalha no campeonato vendendo quase todos os ingressos para a torcida abutre, aliás já tá fazendo hora extra na primeira divisão a Chapecoense.

     
  • Às 5 de outubro de 2019 10:02 , Blogger ester abea disse...

    amigos queridos

    a. De facto, Boca, essa Chapecoense já encheu os piquá, como falavamos antigamente. Tia Ester pegou ojeriza desse clube por 2 motivos: a.1 uma torcedora fanática um dia disse que eles sao o verde que nunca foi para a Segundona, diferente de outros verdes. Chegou a hora a.2 contra a SEP o antipático time catarinense come a grama, vende a progenitora, mas dá um jeito de dificultar

    b. claro que o que aconteceu com o time e dirigentes há alguns anos é uma tragédia, que todos lamentamos

    Aliás, Tia Ester nutre antipatia por Santa Catarina, estado que como o RGS tem uma mistura de orgulho bobo(nunca foram nada) e inveja da grandeza paulista. O RGS ainda oferece certa resistência, mas SC é fraco, fraquíssimo...se acham sem poder

    d. acho que ganhamos domingo, e ficamos no cangote do CRF. Cedo ou tarde eles perdem, nós ganhamos e a pressao vai toda para o lado deles
    d.1 isso só nao acontece se a RGT_CBF-imprensa marrom nao deixarem...eles tem a juizada venal a seu lado

     
  • Às 5 de outubro de 2019 12:20 , Anonymous Roberto disse...

    Como tem ranço esse Verde Insuperavel. Comentários cheios de ódio, bilis.

     
  • Às 5 de outubro de 2019 12:22 , Blogger ester abea disse...

    Roberto querido,

    porquê nao te calas e comenta sobre o Palmeiras?

     
  • Às 5 de outubro de 2019 14:43 , Blogger MestredosMagos disse...

    Eu, apesar da fase do Atlético Galo Brigador, queria agradecer essa torcida maravilhosa, pois considero nossos parceiros. Fui protegido por eles certa vez que por cabaço, entrei no corredor errado num jogo do Palmeiras contra o Galo em SP. Mas amanhã com todo respeito, o Palmeiras pode assumir a liderança. Amanhã é Palmeiras.

     
  • Às 6 de outubro de 2019 08:02 , Blogger VERDE INSUPERÁVEL disse...

    Este comentário foi removido pelo autor.

     
  • Às 6 de outubro de 2019 08:04 , Blogger VERDE INSUPERÁVEL disse...

    Cafajeste Roberto: Onde nesta postagem tem um comentário meu cheio de ódio ? Você é um mentecapto, um vigarista. Escreve com o ânus. Use-o apenas para obrar, ou para fazer a sua diversão preferida. Esse vagabundo certamente é Bambi.

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial