Observatório Alviverde

17/11/09

PALMEIRAS X GREMIO AGORA ESTÁ EM JOGO ATÉ A LIBERTADORES!

Desnecessário se torna grifar a importância de que se reveste esse Palmeiras x Gremio de amanhã em Porto Alegre. Além da necessidade da manutenção da chama acesa pelo título, o Palmeiras vai ter de lutar, paralelamente, por sua sobrevivência na Libertadores, em jogo de responsabilidade duplicada. Se empatar, o Palmeiras desperdiça as suas derradeiras chances no Brasileirão, mas mantem bruxuleante chama de classificação pela Libertadores, que poderá confirmar-se ou não já na rodada seguinte diante do Galo Mineiro ou na rodada final diante do Botafogo. Como se nota, a vitória nunca foi tão imperiosa como nesse jogo de dupla face contra o Gremio, para o alviverde do Parque Antártica.
O Gremio vai jogar apenas para cumprir tabela, mas, claro está, terá muitas razões para vencer o Palmeiras. A primeira delas, a rivalidade histórica do encontro entre dois protagonistas de primeira linha do futebol brasileiro. A segunda, a defesa da invencibilidade gremista em seus pagos, haja vista que os gaúchos não foram derrotados por ninguém dentro do Olímpico este ano. O jogo diante do Palmeiras é o último deste brasileirão no reduto gremista. Como terceiro aspecto cite-se a transição do tricolor dos pampas com a consequente mudança de treinador. Quando qualquer equipe passa por esse ciclo, os jogadores desdobram-se em campo e dão tudo de sí para aparecer e conseguir melhorar o "status" dentro do grupo, aos olhos do novo técnico.
Há quem diga, no entanto, que o Gremio não quer que o seu grande rival, o Inter, dispute outra Libertadores e que, diante disso, faria corpo mole diante do Palmeiras. Esta é uma hipótese absurda, porque o Inter independe do resultado de Gremio X Palmeiras para atingir o seu desiderato. O fator, sim, que pode ser o desencadeante de uma vitória do Palmeiras é o fato de o Gremio atuar desfalcado de sete jogadores de seu time principal, a partir da cirurgia de Jonas e dos outros que estão fora por cartões, suspensões ou contusões. O próprio Palmeiras sentiu na pele o que é jogar desfalcado, relegado, por isso, à péssima condição em que se encontra hoje na tabela e, praticamente, perdendo o brasileirão mais fácil de ser ganho pelo time verde em todos os tempos. Pode-se dizer que os desfalques do Gremio são benéficos ao Palmeiras, mormente por um aspecto; a queda técnica acentuada que esses desfalques devem impor ao time gremista. Porém há um outro fator a ser destacado. Jogadores do banco quanto obtém um lugar no time principal, tendem a crescer muito de rendimento e esse é um risco que o Palmeiras pode correr, diante de uma equipe que possui um banco bem qualificado.
Somando-se os prós e os contras, arrisco-me a dizer que mesmo jogando em compo alheio. o Palmeiras reúne todas as credenciais para vencer até com autoridade, pois terá em campo um time muito mais bem armado e experiente, com o retorno do guerreiro Pierre comandando a nossa linha defensiva. Com um pouco mais de autoconfiança e com um time, teoricamente, muito
melhor, o Palmeiras tem tudo para conquistas essa vitória que mantém as nossas esperanças no título e que, concomitantemente, nos coloca dentro da Libertadores de 2010.

E VOCÊ, ACHA QUE VAMOS GANHAR ?

COMENTE
A punição elástica que desaba sobre a cabeça de Belluzzo e sobre o próprio Palmeiras é o corolário de um processo de desgaste e prejuízo que há anos conspira contra o clube. Ao punir de forma draconiana um reclamante justo, honesto, trabalhador, sincero, tremendamente prejudicado por um ladino, finório, dissimulado, a serviço não se sabe, de quem, a medieval "justiça" esportiva brasileira, comandada por um corintiano, mostra de forma clara que se ela não existisse, certamente haveria muito mais justiça no futebol.

9 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Início