Observatório Alviverde

09/02/2013

AGORA NÃO TENHO MAIS NENHUMA DÚVIDA! O PALMEIRAS ESTÁ NEGOCIANDO VALDIVIA!



A negociação-relâmpago de Barcos causou-me, tanto e quanto à torcida palmeirense, surpresa, espanto, e perplexidade.

Na calada da noite o argentino foi cedido ao Grêmio em circunstâncias obscuras e misteriosas, malgrado as declarações de Brunoro, de que o Palmeiras “não iria perder o jogador”.

Eu, particularmente, não morro de amores por Barcos a quem considero, apenas, bom jogador.

Não comungo com a tese geral de que ele seja “o cara”, o craque deslumbrante e desequilibrante que todos acreditam ser.

Barcos, em meu conceito, é um jogador de boa qualidade, bons recursos técnicos, boa finalização, mas, menos, muito menos do que imagina a nossa torcida, ávida por craques e por títulos.

O lado nebuloso dessa negociação é a indefinição e o mistério que a envolve.

A primeira informação garantia que o Palmeiras houvera cedido Barcos, trocando-o pelo zagueiro Vilson pelos volantes Léo Gago e Rondinelli, e, pelo centro-avante Marcelo Moreno, em definitivo.

De quebra o Palmeiras receberia por empréstimo uma das revelações gremistas, o garoto Leandro.

A parte pecuniária da negociação, a que prefiro chamar de rolo, previa, também, o recebimento de 4 milhões de reais e a quitação da última parcela da dívida com a LDU referente ao jogador.

Um negócio nessas condições e proporções, reforçaria bastante o Palmeiras e, ao mesmo tempo, liquidaria pendências financeiras importantes. Sem qualquer dúvida, seria ótimo!

Dizer que jogador A, B ou C, simplesmente porque foi envolvido numa negociação é um “refugo”, é coisa de torcedor que analisa futebol apenas por sensações ou que é guiado pelo que diz a mídia.

Qualquer atleta alterna bons e maus momentos na carreira.

O fato de dar ou não certo em algum clube, depende de um punhado de alternativas extra-campo como ambiente, integração ao grupo, empatia com a torcida, confiança do treinador, salários compatíveis e em dia e uma série interminável de outros fatores.

Todos os jogadores oferecidos pelo Grêmio, num primeiro momento são ótimos, embora na relação disponibilizada pelos gaúchos não exista nenhum craque.

Mas, "en passant", tirante Neymar, quem é craque de verdade no atual futebol brasileiro?

Craques só se consegue em descobertas pontuais, como o Palmeiras descobriu Valdívia.

Ou, a partir daquilo que o Verdão jamais teve, a garimpagem das promessas de clubes menores e a priorização das categorias de base.

Será que entre aqueles torcedores que estão decepcionados com a saída do argentino, existe alguém que o considera craque, um jogador exponencial e insubstituível?

De minha parte, estou fora dessas colocações equivocadas, exageradas e prefiro ser, simplesmente, apenas e tão somente, realista.

Sei da importância de Barcos como liderança positiva no elenco em que era capitão…

Sei de suas qualidades como centro-avante goleador, como também sei de seus defeitos de fugir da área, de cabecear muito mal e do excesso de preciosismo na hora das finalizações.

Compreendo, perfeitamente, o que representava em termos de efetividade e esperança de gols para a torcida, mas também sei que o time todo precisa ser mobilizado para jogar pra ele..

Sei que era referência para a garotada fazendo o tipo Pirata, ídolo único na atualidade, e um fator importante para a renovação de novas gerações de torcedores.

Seria espetacular se o Palmeiras pudesse mantê-lo. Pelos gols e, principalmente por sua imagem, pelo marketing.

Agora, afirmar que Vilson, Léo Gago, Rondinelli, Marcelo Moreno e Leandro não podem ser trocados por Barcos pois se enquadram no perfil de refugos do Grêmio, é passar um atestado público de ignorância e de desconhecimento completo de futebol.

A minha preocupação nesse negócio é que o Palmeiras parece ter liberado Barcos por antecipação e, agora, corre o risco de ser “engalobado” pelo Grêmio na relação dos jogadores disponíveis.

O que a torcida não compreende ou, se compreende não quer admitir, é que o futebol de hoje, mais do que em tempos passados, é profissionalíssimo!

Barcos tinha e tem interesses colaterais referentes a sua participação na Seleção Argentina.

Estejam convictos de que ele jogaria em qualquer grande clube da Série A, por muito menos do que recebia no Palmeiras para não sair do foco dos holofotes, ser visto, lembrado e convocado para a Seleção Argentina e disputar a próxima Copa.

Seu grande amor pelo Palmeiras, a exemplo Marcos Assunção e de tantos outros jogadores, nunca passou de $$$$, isto é, de cifras e cifrões. 

Com o contrato de trabalho em plena vigência ele exigiu reajuste de ordenados para permanecer no clube, de olho, decerto, apenas no Paulistão e na Libertadores.  

Seu irmão, portavoz e empresário chegou a afirmar que, para Barcos, não seria aconselhável disputar a segunda divisão  .

Por incrível que possa parecer (todos se esqueceram) Barcos foi um dos fatores mais importantes do descenso palmeirense por sua ausência nos momentos cruciais da competição quando o time mais necessitava de seu concurso.

Não por culpa dele que, até prova contrária, foi um profissional sério, correto e cumpridor de suas obrigações, o que não seria nenhuma virtude, mas passa a ser em decorrência da irresponsabilidade de grande parte dos atletas do elenco palmeirense de 2012.

Pelo fato de Barcos ter se ausentado em razão de suas convocações à Seleção Argentina o Palmeiras foi tremendamente, completamente, irreversivelmente  prejudicado.

Para a Copa do Brasil e para suprir as frequentes ausências do Pirata, o clube teve de contratar outro centro-avante, o fraquíssimo mas sempre aplicado Betinho, que, por ironia do futebol, acabou fazendo o gol que nos levou ao título da Copa Nacional.

Nos momentos que decidiram e decretaram o nosso rebaixamento não pudemos contar com Barcos, sempre pelo mesmo motivo, a Seleção Argentina.

Com a proximidade da Copa das Federações, 2013 será um ano direcionado à preparação para a Copa - pensem nisto – e iria se repetir a ausência de Barcos em momentos decisivos da vida do Palmeiras.

Apenas este aspecto serviria para que se concluisse que a venda de Barcos será muito boa para o Verdão!

Imaginem o Palmeiras prestes a decidir um Copa do Brasil ou a se classificar para voltar a Série A, não ter Barcos, cedido à Seleção Argentina. nos jogos decisivos! Repito, aconteceu no ano passado!

Muitos dos que leem este espaço, agora não vão concordar comigo.

Vão discordar do que vou dizer e muitos adirão que não entendo nada de futebol, mas não me importo com isto!

Léo Gago, aquele que era do Coritiba, incluso na negociação, vale tanto quanto Barcos + o pagamento da dívida da integralização da compra do argentino junto à LDU.

Sabem por quê?

Por seu chute fortíssimo, boas cobranças de falta, pegada, liderança e dedicação em campo,

Tudo, justamente, de que mais vamos precisar nos jogos pesados, catimbados e pegados da segunda divisão.

Se o negócio vier a acontecer nos termos em que foi anunciado, creiam, será muito bom para o Palmeiras.

Apesar da presença e da palavra de Fábio Koff, homem sério, probo e correto nas negociações, temo por uma rasteira do Grêmio sobre o Palmeiras.

O meu temor passa pelo fato de o Palmeiras ter adiantado a sua mercadoria, desconhecendo o que vai receber em troca.

Será uma tarefa muito difícil negociar com tantos jogadores, cujos níveis salariais parecem estar acima daqueles praticados pelo Verdão.


CONCLUSÕES:

FICA CLARO QUE NOBRE, BRUNORO E DIRETORIA PRIORIZARAM O ACESSO!

A CONQUISTA DO PAULISTÃO E DA COPA DO BRASIL NÃO SÃO OBJETIVOS E, SE VIEREM, SERÃO LUCRO!

A LIBERTADORES É UM SONHO UTÓPICO DISTANTE, VERDADEIRA LOTERIA!

GILSON KLEINA, SEQUER CONSULTADO SOBRE A NEGOCIAÇÃO DE BARCOS COM O GRÊMIO E A CHEGADA DOS NOVOS JOGADORES, PARECE QUE ESTÁ COM A CABEÇA A PRÊMIO!

VALDÍVIA, QUANDO MENOS SE ESPERAR E APARECER ALGUM CLUBE INTERESSADO, SERÁ SUMARIAMENTE NEGOCIADO, PARA O BRASIL OU PARA O EXTERIOR!

SERÁ VENDIDO NÃO APENAS PARA REABILITAR E ALIVIAR O CAIXA DO PALMEIRAS, MAS, PRINCIPALMENTE PARA SALVAR A BANDA DO INVESTIDOR QUE PERMITIU AO JOGADOR SUA VOLTA AO VERDÃO!

QUER CONCORDEMOS OU NÃO, PERCEBE-SE QUE A NOVA DIRETORIA TEM UMA FILOSOFIA E TRAÇOU UM PLANO DE AÇÃO.

DE UMA FORMA RESPONSÁVEL, O PALMEIRAS, A PARTIR DE AGORA, ESTABELECE PRIORIDADES.

VOCÊ CONSIDERA QUE ESSAS SERIAM AS MELHORES OPÇÕES PARA O PALMEIRAS?

COMENTE COMENTE COMENTE

19 Comentários:

  • Às 9 de fevereiro de 2013 08:10 , Anonymous Anônimo disse...

    Alcides Drummond Leio quase todos
    os artigos ref. ao Palmeiras e destes, o seu sempre é o melhor e mais objetivo que conheço.
    Vc faz análises claras e abrangentes e comparando com um guru sempre acerta...Temos que ter essas visão direfenciada e não taxativa como vemos os torcedores do palmeiras atualmente...
    Temos em nossa história futebolistica dezenas de casos que um jogador não se deu bem em um clube e no outro arrebentou, portanto devemos deixar a diretoria trabalhar, independente de nosso gostos. Se fossemos dono de uma empresa e a mesma estivesse devendo, aruinada e com contas a pagar, com certeza faríamos de tudo para levantá-la inclusive demitindo funcionários ... essa é a nossa realidade da SEPalmeiras ...um grande abraço ...

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 08:19 , Anonymous Marcelo disse...

    Alcides e Amigos,

    Estou decepcionado com essa diretoria, trocar o Barcos pelo Vilson? Façam-me o favor....
    Ou não é isso que está acontecendo?

    Você, Alcides, trocaria um fusca, vá lá, por promessas, teu patrimônio adiantado pela cara do comprador?

    Permitam-me tocar num ponto, olhe quem está por trás desse rolo: Vanderlei Luxa e Mustafá.
    Lembram-se do episódio do Judas30 o Luxa tava lá no Framengo.

    A mídia espezinha, denigre o nosso Verdão mas os aniquiladores de sonhos muitas vezes são esse Luxa e Mustafá.

    Que lindo! R$1000,00 na conta e R$1000,00 devendo. Saldo zero.
    Sonho de Mustafá.

    Por isso o Palmeiras perde torcedores a cada dia.

    Espero estar errado.

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 08:26 , Anonymous CARLÃO - SANTOS/SP disse...

    Tanto o Barcos como o Valdívia são jogadores que não se acha em qualquer lugar, uma reposição a altura será muito difícil, porem ninguém é insubstituível.
    Lembrando que fomos campeões da copa do Brasil sem o Valdivia nas finais e sem o Barcos e caimos para a segundona com o Barcos e Valdivia jogando durante o campeonato.
    Prefiro a montagem de um time com jogadores "sem nome", mas com boa avaliação podendo vingar, a tempos atras quem era Barcos, Cleiton Xavier, Pierre, Cicinho só para lembrar os mais recentes, hoje todos sentem falta destes jogadores alguns imploram suas contratações.
    Confio no Brunoro e sua equipe, todos nós somos passiveis de erros, na situação do PALMEIRAS NÃO PODEMOS FICAR ESPERANDO POR MILAGRES OU MAGICAS, TEMOS QUE AGIR RAPIDO, ROMPER COM MEDOS E INCERTEZAS, MIRAR NUM FUTURO E PRINCIPALMENTE ACREDITAR.

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 08:36 , Anonymous Carlão - Santos/SP disse...

    Um exemplo recente de jogador que foi envolvido numa troca e foi passado como peso morto. As meninas estavam atras de comprar o Rodrigo Souto um volante com bem conceituado na ocasião, fizeram uma proposta financeira as sardinhas incluindo o Arouca na negociação. Hoje poucos se lembram do Rodrigo Souto que alias, por vontade dele quase se colocou aqui no Palmeiras, no outro lado esta o Arouca que realmente na ocasião da negociação era banco do banco e hoje esta na seleção cotado para disputar a copa do mundo. ( não acho o Arouca um jogador de seleção, mas...)

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 08:36 , Anonymous Sérgio de Mauro disse...

    Aonde foram parar os diversos comentários sobre o negocio da China ( pro Grêmio) que foram postados até essa noite? Nao consigo acha-los.
    E, sinceramente, esse foi o post mais estranho que vi ate hoje no OAV. Muito dissociado do que se noticiou ao longo do dia de ontem e das declarações do Brunoro e outros envolvidos.

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 08:39 , Anonymous chapelaria palmeiras disse...

    partindo do princípio do caso barcos, até por questão de isonomia, valdiva deve ser negociado imediatamente.

    Será que tem alguém disposto a bancar ?

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 08:52 , Anonymous turma disse...

    Presidente doa EL PIRATA! Conseguiram piorar!

    Caro torcedor palestrino!

    Venderam o Hernan Barcos, ou melhor: Doaram o BARCOS!

    - Piada? Pesadelo? Primeiro de Abril? Paulo Nobre Contursi? José Carlos Brunoro voltou mesmo ao Palmeiras? Não, é a nova diretoria do Palmeiras trabalhando. Só se for para os rivais, é claro!

    - Apunhalaram o torcedor esmeraldino pelas costas em plena véspera de Carnaval!

    - Destruiram sonhos de uma garotada que ainda tinha orgulho de fazer o gesto de "EL PIRATA" quando o Verdão entrava em campo ou balançava as redes!

    - Colocaram a imagem do Palmeiras na lata do lixo e ainda somos obrigados a ouvir jogadores Bolivianos desprezar o clube, divulgar que não querem jogar aqui e dizer que somos fracassados! Quem é Marcelo Moreno?

    - A torcida já não se manifesta, como se o conformismo e a inércia já fizessem parte do seu dia-a-dia! Cadê você torcedor PALESTRINO? O carnaval nem começou e os foliões estão soltos no Palmeiras!

    - 4.000 pessoas em jogos do Verdão em casa já pode ser considerado um bom público? - Alguém ainda duvida que nos apequenamos? O mercado está mostrando isso!

    - Uma política arcaica, com veteramos e aposentados buscando cargos e status dentro do clube, talvez ganhar uma vaga no estacionamento do clube, ingressos para o futebol ou até mesmo armários nos vestiários do clube? Seria isso?

    - Modernização com esse tipo de atitude?

    - BARCOS na minha opinião era atualmente, o único produto do futebol com possibilidade de gerar receitas e investimentos do MARKETING.

    Quando acreditava que nada seria pior do que Tirone e Frizzo, não é que estão conseguindo piorar as coisas no Palmeiras!

    Bastou um Barcos para os "comandantes" transformarem a Sociedade Esportiva Palmeiras num verdadeiro TITANIC!

    Já não me reluto em responder aos rivais que viramos uma Portuguesa ou até mesmo o Guarani da Turiassú.

    Incompetência tem limite! Acho que passou para outra esfera que não consigo avaliar, nem tão pouco comentar algo sobre!

    PRA MIM CHEGA! É o que tinha pra hoje!

    Rogério Lugó
    Turma do Amendoim

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 09:26 , Anonymous mumu é o que manda disse...

    falavam que o tirone era banana. então o que são nobre e brunoro ? leia abaixo e veja que foi mustafá que intermediou a negociação do barcos. mustafá é o presidente do palmeiras.

    http://esportes.terra.com.br/palmeiras/staff-de-barcos-ve-manobra-de-mustafa-para-venda-surpresa-ao-gremio,2b425741a0ebc310VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 09:56 , Anonymous psiquiatra verde disse...

    ao mumu

    olha a dupla: POMODORO (brunoro) e MORTADELA (nobre). Que tal gostaram ?

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 10:29 , Anonymous Anônimo disse...


    Os comentários acima,fazem parecer que eu estou no site do Corinthians.
    É inconcebível palmeirenses tão desprovidos de discernimento. Fica claro para quem tem um pouquinho de conhecimento administrativo que a situação pedia tais providencias e eu concordo em genero numero e grau com o Brunoro e o Paulo Nobre.
    Não sei se voces perceberem que no jogo com o Atletico Sorocaba estavam nas tribunas (Valdivia, Marcão, Brunoro e Paulo Nobre) torcendo e assistindo o jogo juntos.
    Em menos de um mes de administração o Palmeiras ja lançou a primeira de inumeras lojas da marca do time.
    O valdivia que em outras situações forjava contusão para ir para o Chile, brincar carnaval ou até mesmo para ficar so no chinelinho.
    Com a nova diretoria o chileno tera que realizar tratamento fisico em dois periodos e ai dele se for visto brincando carnaval. Com certeza terá o mesmo destino do Pirata que não estava nem um pouco a fim de jogar no Palmeiras. Que va com Deus e elimine o Corinthians da Libertadores como o Wagner Love fez quando foi para o Flamengo.
    Outra coisa as categorias de base seão supervisionadas pelo Brunoro e não teremos jogadores fatiados por empresarios e tambem conselheiros do Palmeiras.

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 11:26 , Anonymous NEI VERDE disse...

    Sera que o amadorismo continua:
    Como anuncia a todos uma deteminada negociação!
    Barcos sera trocado por xycbn..., e nem conversaram com os jogadores envolvido, agora o que se ve é nossa torcida nosso clube sendo esculachado pelo pai de um tal marcelo moreno..
    Será que essa situação não poderia ser evitada, ou seja antes de anunciar acertar todas as bases..
    Será que Os Nobres diretores sabem quem e quanto o Gremio repassara ao palmeiras, Ou mais uma vez gremio e luchemburro deu o golpe nos amadores....

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 12:18 , Anonymous Anônimo disse...

    "Quando a esmola é demais o santo desconfia."

    Alguém acredita que o Grêmio cumprirá seus compromissos com o Palmeiras? Pode esquecer...
    levamos mais um chapéu!!!

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 12:44 , Blogger vladimir rizzetto disse...

    O Palmeiras se superou. Nem Tiririca e Torresmo, ops... Pituca e Freezer, fariam melhor. No mesmo dia, perdeu um ídolo, consequentemente perdeu todas as possibilidades de projetos de marketing, perdeu a melhor referência no ataque, a credibilidade diante do mercado e por fim, o fio de respeito que ainda poderia ter. Negociação desastrosa, temerária que afunda o Palmeiras cada vez mais. O gigante de outrora, comportou-se como o Rádium de Mococa e "abriu as pernas" com a maior facilidade. E, como se isso não bastasse, o torcedor ainda tem que aguentar toda sorte de insultos que partiram da cloaca bucal do infame pai do Marcelo Moreno. Aliás, quem é esse estulto que defeca pela boca? Vá ler, néscio, informe-se, conheça a gloriosa história do Palmeiras, antes de proferir tantas asneiras, seu boçal!
    O problema do Palmeiras não é a tão propalada falta de dinheiro, mas sim de ideias, de capacidade, de arrojo e principalmente, masculinidade. Faltam homens no Palmeiras, homens no sentido mais amplo que essa palavra possa significar. Homens iguais àqueles que espalharam barricadas em volta do Palestra em 1942 e se armaram para defender o clube da ditadura e da ameça tricolor. Falta também, vergonha na cara desse almofadinha que preside o Palmeiras e do presunçoso que pensa que ainda está no Audax. Nossos inimigos, que não são poucos, - a maior parte está na imprensa esportiva - estão experimentando um orgasmo infinito às custas da vergonha do torcedor palmeirense. Mas, fazer o que, se o próprio Palmeiras alimenta a sanha desses abutres? Será assim? Então fechem as portas, doem as centenas de troféus (sim, centenas!) para uma entidade filantrópica e entregue o clube de bandeja para Mustafá concretizar seu sonho de tornar o Palmeiras o novo Juventus.
    Pior que a vergonha e a decepção, só a falta de perspectiva.
    Obrigado "Mustafazinho" Nobre.

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 13:03 , Anonymous ney verde disse...

    Parabens Vladimir!!!

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 13:05 , Anonymous Torcedor Realista disse...

    Palmeirenses se preocupem com isso, não com jogadores que vão e vem:

    http://espn.estadao.com.br/noticia/308993_em-2003-gremio-faturava-metade-que-o-palmeiras-hoje-se-igualam

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 13:06 , Anonymous Carlão - Santos/SP disse...

    São burros ou se fazem de PALMEIRENSES. A negociação é feita baseada em valores, exemplo R$ 20 milhões, o Gremio coloca que pagará as dividas com a LDU e os atrazados com o jogador, coloca mais um dinheiro na mão e mais 4 jogadores e um por emprestimo, é logico que estes quatro jogadores estão avaliados se por acaso algum não fechar outro jogador poderá ser avalisado e incluido ou valor correspondente a ele deverá ser pago junto com o desfecho da negociação, ISTO FICOU CLARO NA ENTREVISTA DO BRUNORO.
    Outra quando se coloca um valor alto em cima da recisão é pelo fato que qq clube poderia depositar e levar.
    Concordo que hoje não temos um jogador que ameace ou coloque medo nos adversários o Pirata era o unico, mas por outro lado qq "Guaru (do penapolense) deita e rola em cima do nosso time, ou seja só tinhamos o PIRATA que alias, não ganha jogo sozinho, não podemos nos equecer que caimos pra segunda com ele em campo.Não adianta ter o PIRATA, ter dividas, e não ter um time, HOJE PRECISAMOS MONTAR UM TIME QUE PELO MENOS GANHE TODOS OS JOGOS DOS CONSIDERADOS PEQUENOS, TODOS SABEMOS QUE OS PEQUENOS ENCARAM O PALMEIRAS DE FRENTE, ARRISCAM MUITO NÃO FICAM SOMENTE NA RETRANCA, PERDERAM O RESPEITO POIS SABIAM QUE NÓS SÓ TINHAMOS UMA ESPINGARDA (PIRATA) PARA AMEAÇA-LOS, ENTÃO É MELHOR TERMOS 10 REVOLVERES 38 EM CAMPO E UM BOM ESCUDO NO GOL, NOSSA CHANCE DE EXITO PODE SER MAIOR.

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 13:21 , Anonymous Marco disse...

    Ótima negociação ou péssima negociação?
    A conclusão dos acertos com os jogadores vai definir se o Palmeiras fez um grande negócio ou foi feito de otário.

    Ótima negociação se a saída do Barcos trouxe dinheiro, pagamento de dívidas e cinco jogadores entre emprestados e definitivos.
    Considerando que o Boliviano tem um procurador com problemas mentais, outro jogador bom nível deve entrar no lugar. Marco Antônio poderia ser esse nome.

    Péssima negociação se a saída do Barcos foi apenas pela parte em dinheiro e pela vinda apenas do zagueiro Vilson. Seria um chapéu histórico, uma rasteira do estilo daquela levado do time da marginal na semifinal do Paulista 2011.

    A conclusão somente poderá ser tomada após a finalização desse processo. Vale cobrar, alertar, exigir que o Palmeiras tenha conduta forte e não passe um vexame que não será só financeiro e técnico, mas moral.

    Devemos lembrar também que o jogador não queria mais jogar no Palmeiras e isso ficou claro para quem acompanha futebol e sabe entender as notícias e entrevistas.
    Cabe ao Brunoro justificar sua fama de competência e não assumir a condição de novo Frizzo ou novo Cipullo. Para isso ele foi contratado sob amplo apoio da toda a torcida.

     
  • Às 9 de fevereiro de 2013 15:56 , Blogger Unknown disse...

    Acredito que o Palmeiras está pensado de forma medíocre não consigo entender até agora porque o grêmio não pagou a multa rescisória que é de 70 milhões, se o clube precisa tanto sanar as dívidaS era pra ter vendido no dinheiro até porque se somar esses jogadores mais uma compensação financeira do grêmio, não chega a 17 milhões e agora estamos a mercê de levar um belo de um chapéu do grêmio. Depois da troca que o Palmeiras fez entre o Ribamar e o neto nunca pensei que o Palmeiras fosse fazer uma cagada tão grande como essa já vi que me enganei. Brunoro você foi muito mas muito amador, fiquei até sem vontade de assistir os jogos do Palmeiras, até porque fiquei sabendo que o senhor Paulo nobre é fantoche do Mustafa.

     
  • Às 10 de fevereiro de 2013 14:59 , Anonymous Jean Carlos disse...

    Prezado Alcides,
    Eu já tive o prazer e a honra de ver, no Palmeiras, um ataque formado por Edmundo, Evair, Rivaldo e Zinho. Meu falecido pai, nos anos 1970, viu a poucos metros dele, fazendo verdadeiras mágicas nos estádios, a "linha atacante de raça" da Segunda Academia de Futebol: Edu, Leivinha, César, Ademir da Guia e Nei. Nem vou falar de Leão, Luís Pereira, Dudu, Julinho Botelho, Vavá ou Chinezinho para não ser esnobe. Então, na boa: agora vou ficar chorando as pitangas por Hernán Barcos, de fato o ex-centroavante da gloriosa LDU, da superpotência futebolística conhecida como Equador?
    Não se trata de imitar a raposa, e dizer que as uvas, agora fora de alcance, estão - opa! - verdes. É uma questão de ser frio e analítico. O "Pirata" era/é um bom e eficiente centroavante? Sim. É um craque ou um gênio, um fora-de-série? Não. Se fosse, não teria deixado o Palmeiras sucumbir no Campeonato Brasileiro. Se fosse, estaria fazendo dupla com um certo Leonel Messi na seleção portenha.
    Não queria ficar no Palmeiras. Não queria disputar a série B, "para não ser esquecido pelo técnico da seleção argentina" - esquecendo-se que, no segundo semestre, disputaria também a Copa do Brasil, uma garantia de holofotes. Dizia-se "palmeirense" em um dia, para, no dia seguinte, fazer "mimimi" na internet juntamente com o seu irmão empresário. Recusava-se a aprender um mínimo de língua portuguesa, para criar uma conexão mais ampla com a torcida. Então, sinceramente, vou repetir: vou derramar lágrimas pela saída desse sujeito? Se é para "idolatrar" alguém com, digamos, "caráter instável", fico ao menos com o Edmundo, que era gênio, e nos deu cinco campeonatos.
    Boa sorte ao Barcos. Obrigado pelos serviços prestados. Boa sorte ao Grêmio, que foi extremamente sagaz e competente na negociação. E boa sorte à nossa recém-empossada, competente e honesta diretoria (sem ironias), que realizou uma boa negociação na teoria, e estranhíssima na prática. Aguardo esclarecimentos, senhores...
    (E um grande "VÁ-TOMAR-NO-CU" para o insignificante Marcelo Moreno e seu ainda mais insignificante pai - que, nos anos 1960, quando jogava, tinha o denunciativo apelido informal de "fungadinha". Bolivianos falando mal de um clube brasileiro - ainda mais um gigante, ainda que momentaneamente encolhido - é para rir. Mantenham distância do Palmeiras, seus aspiradores de cocaína).
    Um grande abraço!

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial