Observatório Alviverde

07/07/2009

O PARTO DA MONTANHA

Uma velha fábula latina conta que uma montanha estava para dar a luz. Soltava assustadores bramidos e uivos como se fosse explodir. Ficaram todos os que habitavam por aquelas paragens em temível expectativa, imaginando que espécie de ser sairia do âmago da montanha. Terminado o parto, a decepção: a montanha que tanto barulho fizera, deu à luz um rato. Assim a expressão "parto da montanha" passou a ser usada como sinônimo de decepção, quando se insiste em anunciar coisas grandiosas que acabam, na realidade, sendo minúsculas e inexpressivas.
Por isso eu me pergunto se o Palmeiras não estaria com a "síndrome do parto da montanha", isto é,anunciando um técnico tipo Muricy, renomado, vencedor, de enorme prestígio, quando, na realidade, vai acabar ficando com outro, imposto pelo próprio mercado, longe das características anunciadas, quem sabe, o próprio interino.
Marcos deu um recado direto à diretoria ao anunciar que Jorginho, recém saído do futebol, que conhece a linguagem do boleiro, seria o nome ideal. E Marcos não é uma palavra isolada no elenco.
Diversos jogadores de renome e liderança no elenco, como Diego Souza e Cleiton Xavier também se pronunciaram nesse sentido. Pela marcha da tropa se percebe que quem eles querem no comando não é um "general de 4 estrelas", mas alguém mais ao nível das divisas do elenco, quem sabe, um simples "capitão" chamado Jorginho.
O Palmeiras vem procrastinando a escolha do treinador obcecado por Muricy. Já se passaram muitos e preciosos dias, introjetando no grupo a instabilidade que gera a divisão, que gera a insegurança, que gera o medo, que gera o tremor, que gera o erro, que gera o mau futebol, que gera a derrota, que gera o descontentamento, que gera a briga, que gera a crise que gera o cáos.. Enfim uma sucessão de negativismos tantas vezes vividos pelo Palmeiras ao longo de sua história.
Desta vez o presidente foi longe demais. Deu a Muricy, atraves de seus porta-vozes, o prazo final até quarta-feira, dia 9 de julho, feriado que homenageia a revolução de 1932. Será que após mais uma "boca-doce" de Muricy o Palmeiras ainda vai conceder-lhe mais prazo para pensar? Ou será necessário que a torcida palmeirense deflagre outra revolução contra a subserviência manfesta dos donos do poder a um mero profissional do futebol 77 anos depois?

SE MURICI NÃO VIER VOCÊ DARIA SEQUENCIA AO TRABALHO COM JORGINHO ?
DORIVAL JÚNIOR, NELSINHO BATISTA, TITE, ARCE, SILAS E OUTROS SÃO MELHORES DO QUE ELE?

DEIXE A SUA OPINIÃO!

10 Comentários:

  • Às 7 de julho de 2009 02:45 , Anonymous Alceu Gutierrez disse...

    Alcides
    Voce foi buscar longe essas palavras parto da montanha. Meu finado pai falava muito isso pras pessoas que gostam de contar vantagem ou para aquelas que ficam anunciando coisas espetaculares mas não conseguem fazer
    Eu falei que não era a hora de mandar o Luxemburgo embora e parece que eu estava bastante certo do que eu falei. O Murici tá fazendo a gente de besta e fico só pensando que vai que ele diz não e o Palmeiras vai ficar desmoralizado. Sou palmerense desde a década de 40 e nunva vi o time umilhado desse geito que dá até raiva. Sabe de uma coisa eu tocava com o jorginho mesmo que a rapaziada tá gostando dele e falando que vai correr pra ele. E ele já foi jogador nosso dos bons conhece tudo de bola.Melhor do que qualquer porcaria daquela lista que foi mostrada na postage.
    Um abraço a todos.

     
  • Às 7 de julho de 2009 09:12 , Blogger MestredosMagos disse...

    BOM DIA PESSOAL.

    De jeito nenhum. Jorginho não.

    Não é por mim e sim por ele mesmo.

    O próprio Jorginho diz que seu tempo irá chegar e que ainda terá a experiência necessária para ser o técnico principal.

    Quando Jorginho diz que o elenco é formado por "homens", você entende o porquê.

    Os jogadores blindaram ele, pois em caso de fracasso, a culpa vai cair em cima do Jorginho e o jogadores não querem isso.

    Quem os jogadores queriam tira do time e dar o pé na bunda já foi.

    Jorginho é inocente nessa história, por isso os jogadores fizeram essa couraça em torno dele, pra mostrar a todos que o problema era o outro "coach player".

    Na minha opinião, não é o momento para Jorginho.

    Jorginho pode ser até um excelente auxiliar técnico, isso sim. Um novo Murtosa e só por enquanto. E olha que ser um Murtosa não é pra qualquer um.

    Em minha opinião, meu técnico, quem acompanha esse Blog já sabe e até pelos motivos que esplanei.

    Disputou duas Copa do Brasil consecutivas, ganhou uma.

    Disputou uma Libertadores e derrubou os Veados liderados por Muricy e o todo poderoso Boca Jrs de Riquelme.

    Não ganhou a Libertadores, ficou com o vice.

    Foi traído pelo vagabundo do Thiago Neves e Cia e pela sua própria boca de matraca, fato que acredito ter sido talvez, seu maior aprendizado.

    Perdeu para um time que ao contrário do que dizem, era bom sim. A LDU era um time forte, que jogava junto a 3 anos, que contava com Manso, Bolanhos, Guerron entre outros.

    A discussão é salutar, mas meu nome é esse.

    Muricy deve estar procurando o Padre para pedir perdão sobre o caso do gáz para depois assusmir o Palmeiras.

    Talvez esse seja o impecilho: CRISE DE CONSCIÊNCIA.

    **** Minha aposta em Renato levou em cosideração resultados rescentes e viabilização econômica em relação ao custo do mercado, que não deve fugir muito dos 100 mil reais por mês.

    Saudações Alvi Verdes.

     
  • Às 7 de julho de 2009 09:14 , OpenID piazera disse...

    Cara, parto da montanha foi um achado. O pior é que ta parecendo mesmo.

    E as coisas devem piorar um pouco mais. Não acredito que saiamos ilesos da maldita janela de contratações européia. Espero apenas que o trauma não seja muito grande.

    Esse ano ta foda. Mas acredito ainda no titulo do Brasileirão.

    Quanto ao treinador, já disse varias vezes que sou contra o Muricy e sugeri o Carpegiani. Jorginho acho que aidna esta muito cru. Poderia sim ficar de auxiliar do treinador que vier. Pra servir como estagio.




    Abraço!

     
  • Às 7 de julho de 2009 09:15 , Blogger MestredosMagos disse...

    RENATO GAÚCHO.

     
  • Às 7 de julho de 2009 10:10 , Blogger MestredosMagos disse...

    COMPANHEIROS, MAIS UM DADO SOBRE SALÁRIO, ATÉ PRA SABEREM SE VALE A PENA TENTAR TIRAR O DORIVAL JR. DO COMPROMISSO DELE COM O VASCO.

    INDEPENDENDETE DE MURICY VIR OU NÃO, ACREDITO QUE DORIVAL NÃO VAI QUEBRAR SEU COMPROMISSO COM O VASCO. DORIVAL É SÉRIO E TEM PALAVRA, TEMOS QUE RESPEITAR.

    ALÉM DISSO, TENTEM IMAGINAR QUANTO SERIA NECESSÁRIO PARA TIRÁ-LO DO VASCO E QUANTO PODERIA GANHAR NO PALMEIRAS.

    MAIS QUE MANO MENEZES, POR EXEMPLO?

    Vanderlei Luxemburgo 700 mil
    Mano Menezes 350 mil
    Muricy Ramalho 300 mil
    Carlos Alberto Parreira 500 mil
    Dorival Junior 280 mil
    Celso Roth 220 mil
    Vagner Mancini 200 mil
    Nelsinho Baptista 120 mil

    DORIVAL JR. JÁ GANHA 280 MIL.

    QUANTO CUSTARIA AO PALMEIRAS?

    EMBORA PALMEIRENSE, TEM CURRÍCULO SUFICIENTE PARA DIRIGIR O PALMEIRAS A ALTO CUSTO DE SALÁRIO, COMO TERÁ QUE SER SE MURICY NÃO ACEITAR?

    Tirem suas conclusões.

     
  • Às 7 de julho de 2009 10:25 , Anonymous Enzo Palestra disse...

    Eu continuo achando que Muricy já é nosso e que tudo agora é só uma questão de tempo para ajusta tudo. Mas se ele não vier vai ser o fim da picada e o começo da desmoralização. Acho que nesse caso seria o bom de tirar o Adilson Batista do Cruzeiro e ir a forra de quando eles tiraro o Luxa do Palmeiras e a gente foi para a segunda divisão.

     
  • Às 7 de julho de 2009 11:45 , Anonymous Macedo disse...

    Do ponto de vista técnico, o Renato Gaúcho não seria má opção.

    Mas ele também tem uma personalidade expansiva, gosta de aparecer, de polêmica e declarações bombásticas, coisas de que o Palmeiras não precisa neste momento, muito pelo contrário.

    Prefiro um técnico discreto, que desapareça da mídia quando não tem jogo nem treino.

     
  • Às 7 de julho de 2009 11:51 , Blogger MestredosMagos disse...

    Macedo, mas isso é parte mais fácil.

    Qualquer técnico que venha treinar o Palmeiras, tem que se pré dispor a seguir o manual, a cartilha de procedimentos do clube.

    Seja Muricy, seja Renato, seja lá quem for.

    Precisa só lapidar. Mas é só minha opinião ok.

    Saudações.

     
  • Às 7 de julho de 2009 13:48 , Anonymous Macedo disse...

    Mestre, acho difícil controlar a personalidade de seja lá quem for.

    Do Renato, então, impossível ao quadrado. Não o critico, é a natureza dele, mas meu trauma com o Luxemburgo recomenda que o Palmeiras deve evitar desgastes desse tipo.

    Por outro lado, concordo com vc, o retrospecto dele é dos melhores, é honesto, inteligente, firme, tem tudo para se transformar num grande treinador, assim como foi um grande atacante.

    Sds

     
  • Às 8 de julho de 2009 00:16 , Anonymous guilherme disse...

    Cade aquela turminha que só fala do assunto imprensa? Quando o assunto é outro e interessa como esse do Murici eles somem daqui. Vai todo o mundo postar lá no Observatório Verde. Nada contra aquele saite e eu mesmo já postei lá. Tem cara que só quer mesmo é malhar a imprensa. Parece que só tem esse assunto. É tudo parmerense de araqui. Cade aquele pessoal que postava no Palestrinos que eu só vejo aqui o Mestre e mais ninguém.

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial