Observatório Alviverde

17/03/2015

NOBRE E MATOS: JÁ CHEGA DE JOGO DE CENA EM RELAÇÃO A VALDÍVIA!



 Image result for jogo de cena

Nobre e, principalmente, Mattos, fazem jogo de cena e conduzem a renovação de Valdívia de uma forma ambígua, incerta, e, estranha. 

A eles, parece que, quanto mais complicada e confusa a situação, tanto melhor, o que irrita, sobremaneira, o torcedor sério do Palmeiras que anela por um final feliz nessa mixórdia confusa e interminável. 

O maior culpado, sem dúvida, é Mattos, haja vista que, em assuntos de futebol ele é o conselheiro de Nobre, e não, o contrário, embora o poder de decisão seja do presidente.

À distância, parece-me que Mattos, conduz as negociações, de forma equivocada,  como se ele próprio fosse a estrela dos campos e não Valdívia.

Convenhamos, isso é uma aberração. Humildade e caldo de galinha, jamais fizeram mal a quem quer que seja.  Cada qual no seu quadrado!

Mattos precisa despir-se da beca de orgulho que o envolve e agir com solércia, perspicácia e sabedoria, porém com humildade, caso contrário voltará a entrar em rota de colisão com Valdívia. 

Ou vocês acham que quando o chileno criticou Mattos na Web ele o fez de graça, sem uma motivação? Dois bicudos não se beijam! Valdívia e Mattos têm bicos muito grandes!

Pelo que pude observar, mesmo à distância, Mattos, muitas vezes, (ele e seu lugar-tenente Cícero) agiu  de forma antiprofissional e juvenil, quando falou à mídia, na qualidade de entrevistado, realçando desnecessariamente, o óbvio, ao dizer que o Palmeiras é maior do que qualquer jogador, em alusão indireta (ou não teria sido direta?) ao jogador...

Além disso, deixou de comparecer à reunião marcada com o pai e empresário do Mago, que veio do Chile, exclusivamente para essa missão, cometendo uma falha profissional gravíssima, digna de punição interna ...

Conversou em "off" com jornalistas (que ele julga serem amigos e que torcem para o Palmeiras), falando dos contras da manutenção de Valdívia, imaginando ser, São Paulo, Belo Horizonte, onde impera o biclubismo, e, onde, normalmente, os cronistas que cobrem o Cruzeiro, torcem pelo Cruzeiro e não divulgam o que não interesse ao clube ...

Se Mattos acredita que, agindo dessa forma, tentando minar, desmoralizar e desvalorizar Valdívia, esteja retificando e pavimentando o caminho da renovação ou barateando a pedida do jogador, está, redondamente, enganado.

A não ser -essa é uma hipótese bem viável e provável-, que, mancomunado com o presidente, estejam, ambos, homeopaticamente, trabalhando a dispensa de Valdívia, procurando realizar a extração usando anestesia, sem dor.

Agiriam assim, a fim de evitar que a não renovação com Valdívia, viesse trazer consequências mais sérias e provocar retaliações da torcida, onde o craque conta com milhões de adeptos e admiradores que poderiam se revoltar e até recuar da disposição assumida de se tornarem sócios do clube.

Se, de fato, isso estiver ocorrendo, seria, em meu entendimento, uma grande burrice, elevada a uma potencia de muitos dígitos.

Às vezes tenho a impressão de que, sim, Nobre e Mattos estavam, muito mais do que, simplesmente, torcendo para o Palmeiras vencer os jogos, torcendo, ainda mais, para que o time revelasse algum novo jogador que pudesse ensejar a condição de o clube prescindir da presença do chileno e descartar um grande salário.

Se pensavam assim, se equivocaram, caíram do cavalo, pois mesmo naqueles jogos em que o time se houve bem e rendeu satisfatoriamente, ficou clara a necessidade de um armador criativo e realizador! 

Onde, eu pergunto, Nobre e Mattos vão encontrar, na pobreza técnica vigente no futebol brasileiro da atualidade, um jogador como o Mago? Não existe um, nenhum, sequer, igual, quanto mais, alguém melhor! 

PÔ, será que Nobre não consegue enxergar?

Se, com todo o respeito, o Depto Médico do Palmeiras não está dando conta de curar Valdívia, ou se há alguma dúvida nesse sentido, por que o Palmeiras não encaminha o jogador para outro corpo médico supostamente mais evoluído e atualizado? Ainda que não exista, tente e experimente! Varie o tratamento!

Quando Ditão (zagueiro do Curintia) descolou a retina de Tostão, o Cruzeiro mandou o jogador a Houston, Texas, USA onde um médico brasileiro de nome Roberto Abdala Moura o operou com a então revolucionária aplicação de raios laser, hoje, corriqueira na maioria dos centros oftalmológicos brasileiros.  Naquela época, não!

Isso, ocorreu em meado dos anos 60(s). Houve recidiva, mas Tostão, mesmo atrapalhado pela deficiência visual decorrente da contusão,  pôde jogar e encantar o mundo com o seu deslumbrante futebol, ajudando o Brasil a conquistar a Copa do México em 1970.

Ora, se outros clubes investem na saúde de seus ídolos (O Galo também investiu, com poucos resultados práticos, em um de seus maiores ídolos de todos os tempos, Reinaldo, quando de sua contusão no joelho), o Palmeiras é um clube parado, estagnado e imobilizado nesse aspecto. 

Fosse eu o presidente e, de há muito, teria enviado Valdívia a qualquer lugar do mundo que dispusesse de algum tratamento de vanguarda, de tecnologia de ponta, a fim de tentar algo diferente no sentido de recuperar um jogador precioso, como poucos no futebol mundial.

Da mesma forma, já sob outro prisma, por que o Palmeiras vê Valdívia apanhar em campo, fica quieto, e não protesta e reclama, via mídia, como fazem os nossos adversários?

Aliás, quero dizer, de passagem, que já começaram a usar da mesma covardia em relação a Gabriel Jesus. 

Contra o Santos, houve um rodízio de faltas (o árbitro, por sorte, as puniu, embora com brandura) e contra o XV pelo menos duas faltas desclassificantes sobre o garoto. 

O que disseram, na mídia, após os jogos contra o Santos e contra o XV, Nobre, Mattos, Cicero, Oswaldo ou quem quer que fosse, já que a mídia, em se tratando de algo que prejudica o Palmeiras, nunca se pronuncia? 

Nada, absolutamente, nada! "O Palmeiras, nos bastidores, continua mais fraco do que caldo de chuchu"! (AD)

Não, não se iludam com o visionário garotão Mattos, como quase todo o mineiro, muito bom de conversa, posto que ele está longe de ser um gênio. 

Respeito-o, muito! Porém, como eu já disse em tantas outras vezes, ele tem qualidades e futuro, mas ainda é imberbe e inexperiente no ramo do futebol. 

Passou muitos anos exercendo funções subalternas no fraquíssimo América Mineiro e, a rigor, teve três anos em futebol de elite, no Cruzeiro.

No "Estrelado, foi bi-campeão brasileiro, é verdade, mas um dos dirigentes que mais investiram em jogadores meia-boca. Só no Palmeiras ele conseguiu contratar Souza, o cabelo de fogo e Luan. É preciso dizer mais

Não digam que estou falando isso agora, porque falei assim que ele foi contratado, abertamente, antecipadamente. 

Fui uma das poucas vozes que, mesmo abafada pelo entusiasmo reinante e decorrente de sua chegada ao Verdão -"ele chegou, chegando", ousou dizer que estava tudo errado no Palmeiras em função da falta de método decorrente da "farra das contratações". 

Para simplificar, quantos homens de área -não me refiro a promessas, mas a realidades-, ele trouxe para o Palmeiras até agora?  (Para essas posições, historicamente, poucas vezes contratamos alguém relevante. Mattos confirmou!)

Trouxe um principiante (Leandro, que tem futuro) e um centroavante que só joga no meio de campo, Rafael Mendes! Armadores e articuladores ele não conseguiu contratar nenhum! Que cazzo de Mittos é esse?

O fato é que como não dispomos de homens de área (ao menos até agora) que resolvam o nosso problema, embora a solução mais mais evidente, mais barata e mais rápida para o problema, que já temos em nossas mãos, é a de renovar, incontinente, com Valdívia. 

Com Valdívia, desde que ele jogue,  nem precisaríamos investir em outros jogadores de ataque, porque, com o Mago em campo, até Henrique vira  artilheiro. 

Nobre e Mattos precisam acabar com os joguinhos de cena, e resolver, de imediato, a solução do chileno. 

Que eles sempre tenham em mente e considerem que têm nas mãos o melhor articulador do futebol brasileiro!

Ou ata ou desata!

COMENTE COMENTE COMENTE 

9 Comentários:

  • Às 17 de março de 2015 19:09 , Anonymous JJ disse...

    OS CLUBES NÃO TEM CONDIÇÕES DE PAGAR MAIS DE R$ 400 MIL REAIS DE SALÁRIO A JOGADOR MESMO AQUELES CLUBES QUE TEM
    MAMA NA CAIXA (CÚRINTIA FLAMERDA).

    QUERO O MAGO NO PALMEIRAS MÁS PRA ISSO ELE PRECISA SE ADEQUAR AO REGIME DE PRODUTIVIDADE SALÁRIO DE POUCO MAIS DE
    R$200 MIL REAIS MAIS PRODUTIVIDADE.

     
  • Às 17 de março de 2015 19:16 , Anonymous jj disse...

    KLEBER GLADIADOR E BARCOS VAZARAM DO
    GRÊMIO POR CAUSA DOS ALTOS SALÁRIOS.
    O CÚRINTIA NEM TA PAGANDO MAIS A METADE DO SALÁRIO DO PATO R$ 400 mil(calote) E
    OS BAMBI TÃO ATRASANDO OS SALÁRIOS.

    EXISTEM JOGADORES QUE GANHAM ALTOS SALÁRIOS E O RETORNO EM CAMPO É PÍFIO
    (KLEBER GLADIADOR E LEANDRO DAMIÃO etc)

     
  • Às 17 de março de 2015 20:01 , Anonymous Anônimo disse...

    SOU FÃ DO VALDIVIA, ENTRETANTO ATÉ QDO ELE VAI DURAR?
    A FILA ANDA E ASSIM OUTROS VALDIVIAS IRÃO APARECER !!!

     
  • Às 17 de março de 2015 21:06 , Anonymous Doente(verdao) disse...

    Pelo número de comentários aqui neste post parece que não sou apenas eu quem está cansado de discutir um jogador que nem entrou em campo esse ano!

     
  • Às 17 de março de 2015 21:33 , Anonymous Anônimo no tópico anterior disse...

    VERGONHAS NÃO SE VEICULAM:Estão tirando o foco do montante de 30 milhões que os gambás devem para os jogadores e empresários, só com direito de imagens, e também do que os bambis devem de salários atrasados. O Alexandre Pato não vê a cor do dinheiro dos gambás faz 7 meses (R$ 400 mil de salário que os gambás tem que pagar para ele, pois os outros R$ 400 mil é os bambis que pagam), e isso ninguém fala nada!!!

     
  • Às 17 de março de 2015 21:42 , Anonymous Marco disse...

    Anônimo do terceiro comentário. Tem toda razão. Passou da hora do Palmeiras contratar outro meia de qualidade. Todo jogador passa. A insistência sobre o Valdívia é porque não existem opções no mercado e quanto teve, o Palmeiras não foi atrás.
    Enquanto o elenco não for qualificado com um meio de campo que imponha respeito, temos que manter quem está ai.

    ======
    Doente Verdão. Realmente, ninguém aguenta mais discutir um assunto que a direção do Palmeiras não deveria ter deixado chegar a esse ponto. Enquanto temos polêmica por aqui, time que deve dinheiro para jogador vai se escondendo.

    ======

    Sobre os valores, pelo que conhecemos dessa diretoria, tudo o que se fala por fora é especulação. Ninguém sabe o que foi conversado e proposto até agora.
    Não se esqueçam de que toda essa polêmica surgiu por terceiros e não pelas partes envolvidas. Depois de muita conversa é que clube e jogador se manifestaram.

     
  • Às 17 de março de 2015 21:45 , Anonymous Marco disse...

    Lucas Lima negociou primeiro com o Palmeiras, antes de fechar com o Santos.

     
  • Às 17 de março de 2015 22:22 , Anonymous victor tredenski disse...

    E PRA VARIAR

    NENHUM JOGO DO PALMEIRAS

    TRANSMITIDO NA TV ABERTA

    NAS 10 PRIMEIRAS RODADAS

    APENAS O CLASSICO CONTRA OS BAMBIS

    MAS MANDO NOSSO

    10 JOGOS SEM PASSAR NA TV ABERTA

     
  • Às 17 de março de 2015 22:22 , Anonymous Edson disse...

    Palavras de Luxemburgo sobre Valdívia:

    Fui técnico dele no Palmeiras. Não tenho problema de relacionamento. Acho que a minha relação foi muito boa, com algumas discussões, mas sempre em benefício da equipe (...) Comigo, teve uma frequência de jogo
    muito boa, jogou campeonato todo. É um jogador que se amanhã for pensar em contratação, vamos discutir uma série de coisas de contrato, mas é um jogador que se encaixa no nosso perfil de trabalho -
    E o Luxa não entende de futebol né?
    Só doido quer a saída desse jogador do Palmeiras, além da imprensa "GOLPISTA", para falar um termo que está na moda.

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial