Observatório Alviverde

13/09/2015

DEU PRA MARCELO OLIVEIRA PERCEBER QUE FUTEBOL SE FAZ -predominantemente- COM JOVENS!



  Resultado de imagem para juventude

 Após o 0 x 0 do 1º tempo contra o Figueira, vi a viola alviverde em cacos em face da irritante, insuportável, preocupante e perturbadora performance da equipe.

Tanto é verdade que imaginei, cá com os meus botões, que o Palmeiras iria perder de novo para um time dos times mais fracos deste Brasileiro. Não tem sido, exatamente, assim que tem ocorrido?

Após a assustadora performance do primeiro tempo, digna de um "circo de horrores", Marcelo Oliveira, teve discernimento e, felizmente, interveio, agindo pronta e cirurgicamente certo no intervalo do jogo.

Sublinhe-se, porém, que realizou o trabalho pela metade sacando, somente Egídio, quando o jogo exigia que tirasse, também, Zé Roberto.

Na real, MO não teve coragem suficiente para empreender as duas alterações de que seu time tanto necessitava.

Esses dois jogadores, extremamente lentos e sem imaginação, saltavam aos olhos de quem assistia ao jogo como os fatores determinantes do jogo em câmera lenta que o Palmeiras exibia, tanto e quanto da obviedade comuníssima da equipe, um aglomerado de jogadores.

Tava mais na cara do que suíça que era necessário, premente e prudentemente que  o Palmeiras colocasse em campo jogadores com disposição física suficiente para correr e que, nas mesmas proporções, também fizessem com que o time corresse, tivesse mais presença em campo tanto e quanto impusesse a sua condição de time do primeiro escalão e de primeira grandeza do futebol brasileiro.

Mas, cadê que MO teve ou tem coragem para ousar, submisso, (quem não vê) de corpo e alma, aos encantos de ZR, completamente envolvido pelo carisma do ex-jogador, ainda em ação?  

Oliveira, aliás, não consegue (seria melhor dizer "não quer") enxergar o jogo em face de ter armado equivocadamente seu esquema tático respaldado em um veterano que, muito mais, toca para trás e para os lados do que para a frente ou empreende com eficiência a função de armador.

Será que ele pensa que Zé Roberto (individualmente ótimo) é um jogador pensante e cerebral tipo Valdívia? Se pensa isto, sinto informá-lo de que incorre em um ledo engano!

Acho que já falei da única forma como Zé Roberto poderia e teria de condições de ser aproveitado no time principal do Palmeiras, nunca na qualidade de jogador para noventa minutos, mas, exclusivamente como importante homem de banco. Mas sua vaidade permitiria? Creio que não!

Ontem, a exemplo de Zé Roberto, mas muito pior que ele, Egídio era uma  peça obscura e decorativa do time, jogador sem corpo, sem alma e sem a menor produtividade.

Fosse um jogo pela manhã eu diria que ele não houvera acordado, mas como foi à noite eu lhes digo  que Egídio parecia convalescente de sezão (ou seria de um pagodão? ) sem o menor tesão para jogar. Não deveria, sequer, ter sido relacionado para o jogo. E, no entanto foi e jogou (jogou mesmo?) por 45 minutos que pareceram uma eternidade!

A saída de Egídio, além de justa, foi o principal fator de crescimento do time do Palmeiras. 

Sou convicto, porém de que se Zé Roberto também houvesse saído, teria sido, ainda, melhor para o Verdão, na medida em que se ampliariam os horizontes táticos da equipe e surgiram outros nomes que dormitam na obscuridade do banco, sem chances no time principal.  

Seria, pergunto, ZR mais rápido e produtivo que Allione? É claro que não! Nem do ponto de vista cerebral, apesar de toda a sua experiência!

 E, no entanto, o argentino amarga o dissabor do banco e "não joga porque não tem experiência e não tem experiência porque não joga!" Há muitos jogadores nessas condições  no atual time do Palmeiras!

Tanto é verdade que Kelvin nem bem entrou e tocou fogo no jogo e já decidiu o confronto que aparentava toda a sorte de dificuldades na etapa complementar.

Foi de uma jogada ousada e pessoal dele que surgiu o córner do qual nasceu o gol de abertura de contagem, que abriu o caminho para a vitória do Verdão, a menos de um minuto de jogo, através do . zagueiro Jackson, após o corner batido por Robinho, desviado por Rafael Marques para o complemento do zagueiro alviverde.

Com 1 x 0 no marcador, Marcelo Oliveira tratou de administrar o resultado fazendo entrar Girotto no lugar de Rafael Marques, aumentando o volume de marcação da defesa e a cobertura no setor de Zé Roberto que, na qualidade de um líbero, pelo setor esquerdo, pode fazer o que sabe fazer melhor, isto é, incursionar em apoio pelo lado esquerdo e efetuar bons cruzamentos.

O segundo gol surgiu de uma jogada pelo setor esquerdo, onde (dou, hoje, a mão à palmatória) ZR rende mais e melhor e é, até, compatível com o time: a lateral esquerda.

Como perguntar não ofende, considerando-se que Egídio é tão (ou mais) driblador quanto Zé, tão habilidoso (ou mais) do que Zé, com a vantagem de ser mais jovem, mais rápido, mais vigoroso e de muito maior explosão muscular, não seria o caso de ZR ir para o banco na condição de primeiro reserva? 

Ontem, por questão de justiça faço questão de assinalar, o segundo tempo de Zé Roberto foi, surpreendentemente, muito bom, para o que muito contribuíram, também, as entradas posteriores de Giroto e de Cristaldo que se movimentaram muito e deram fôlego ao time, maior capacidade de mobilidade, movimentação e marcação tanto e quanto muito mais cobertura à defesa.

O gol que selou a vitória palmeirense surgiu de uma jogada pessoal de Zé Roberto que penetrou pelo lado esquerdo da área, sofrendo duas faltas seguidas. Foi preciso que houvessem duas entradas faltosas seguidas num mesmo lance para que o árbitro carioca Wagner do Nascimento Magalhães finalmente assinalasse, após 25 rodadas, o primeiro (?) penalti para o Palmeiras neste brasileiro.

A lição deixada pelo jogo de ontem (eu a dirijo a Marcelo Oliveira) é a que futebol se faz com a juventude e com jovens, embora o Palmeiras e grande parte de sua torcida, há anos, não levem em consideração essa máxima, e preferem que o time seja formado por jogadores tipo "figurinhas carimbadas", sempre portadores de mais fama, do que, propriamente, de futebol.

É preciso mudar essa mentalidade, sem excluir, naturalmente, a inclusão de um ou outro veterano para um toque de experiência, e, principalmente, de maturidade ao time, mas tendo um time formado, em sua essência, por jovens valores.

Ontem ficou provado, comprovado e ratificado que Kelvin tem de ser aproveitado com mais frequência, tanto e quanto se faz necessário que outros jovens jogadores egressos da base tenham efetivas oportunidades no time principal.

Por falar nisso, o que fizeram com Juninho, aquele que na Copa São Paulo foi o melhor jogador do Palmeiras, muito melhor, até, do que Gabriel Jesus?  

Onde enfiaram esse jogador se não temos ninguém no elenco com características de armação? Ele, sim, bem treinado e preparado teria condições de substituir Valdívia. Mas cadê que MO tem "culhões" para isso?

Ademais porque aproveitar Juninho se o diretor de futebol está preparando uma contratação de impacto (sobretudo no bolso de Nobre) para 2016 com a vida de um jogador famoso para a posição?

Para não ir mais longe: "futebol se faz, predominantemente, com jovens".

Se o Palmeiras não adotar essa filosofia, dificilmente voltará a brilhar, como outrora, no cenário do futebol brasileiro!

COMENTE COMENTE COMENTE

NA TV

Bachin Jr dono de um bom material vocal, ontem, em menor escala em relação ao jogo anterior, deixou a desejar, novamente na identificação dos jogadores. 

Bachin tá precisando ser, menos, Milton Leite e, mais, Jota Júnior. Infelizmente os maus exemplos são mais propensos a ser adotados. 

Identificar os jogadores, Sr. Bachin, essa tem de ser a preocupação constante de um narrador, não a de comentar ou inserir cacos na transmissão. 

Um ou outro intervalo, sim, admite-se, será preenchido por um comentário rápido adstrito ao jogo, não a todo o momento e, muito menos, palhaçadas como fazem alguns (não é o caso de Bachin).

Excelente (fico feliz em poder, finalmente, dizer isto) a participação de Maurício Noriega tanto na análise do jogo (ele conhece muito) quanto em relaçâo à arbitragem, para o que muito contribui a ausência de Milton Leite que tem o péssimo hábito de invadir a seara do comentarista (AD)

32 Comentários:

  • Às 13 de setembro de 2015 12:15 , Blogger Emanuel Campana disse...

    Ontem prestei bem atenção às saídas de bola e pude ratificar que prass prefere sair jogando do que dando chutões. Quem dava chutões eram os zagueiros, principalmente Jackson, também percebi que dos laterais o único que da opção na saída de bola é Zé Roberto.

    Agora um questionamento.... Pq ninguém fala de Rafael Marquês jogador pé de moça, com medo de dividir e sempre se livrando da bola? Entendo que ele precisa sair do time (pelo menos nessa posição) pois não tem a intensidade que necessita jogadores de meio / ponta ( vide Dudu) , se quiser utilizar r. Marques só de c. Avante

    PALMEIRAS jogou mal ontem, allione é uma ótima opção

     
  • Às 13 de setembro de 2015 12:38 , Anonymous VERDE INSUPERAVEL disse...

    Conheço Noriega há muitos anos. Sujeito extremamente honesto. Estudioso do esporte. Aficcionado do Futebol, e Palmeirense de primeira hora. Mas honesto o suficiente para não distorcer opiniões a favor do Verdão. Afinal, comentar futebol é a sua profissão. Bem diferente de Mauro Betting, que se beneficia de seu "palmeirismo", até o último bagaço.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 12:40 , Anonymous VERDE INSUPERAVEL disse...

    Ou então, até o último fio de sua peruca.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 12:51 , Anonymous VERDE INSUPERAVEL disse...

    Infelizmente vai ser difícil segurar o Curintia. Ganhou fácil, facílimo, do Joinville. Bem ao contrário do Palmeiras. E isso tem um nome, ou seja, duplo nome: Treinador TITE !

     
  • Às 13 de setembro de 2015 12:53 , Anonymous VERDE INSUPERAVEL disse...

    Infelizmente vai ser difícil segurar o Curintia. Ganhou fácil, facílimo, do Joinville. Bem ao contrário do Palmeiras. E isso tem um nome, ou seja, duplo nome: Treinador TITE !

     
  • Às 13 de setembro de 2015 14:20 , Anonymous Anônimo disse...

    Emanuel, também notei que o Prass tentou sair tocando. Ele estava no automático e parece que os zagueiros ainda estão. Desses o que melhor dá chutão é o V.Ramos e o pior é o Prass. Muitas vezes acho que os goleiros pegaram a mania de chutar para o 4° árbitro, talvez para não dar contra-ataque. Mas isso acaba resultando na entregar da bola ao adversário.

    Apesar do buraco no meio campo, T.Santos foi o melhor, não pq MO disse, mas pq ficou claro o bom trabalho. Soube fazer falta sem exagerar. Resumindo, temos o mesmo problema de meio campo em que um carregador de piano deve se desdobrar pra segurar o adversário.

    Vejam quantas opções OO e MO tiveram? Quantos nem entram? Ficar insistindo nos mesmos não trará resultados diferentes.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 14:54 , Anonymous JJ disse...


    AGORA TÁ FÁCIL PRO CÚRINTIA SER LÍDER DEPOIS
    QUE OS JUÍZES DERAM UMA BOA MÃOZONA É FÁCIL
    JOGAR TRANQUILO!!...

    O CÚ-RINTIA FOI O TIME QUE MAIS FOI AJUDADO
    DEPOIS VEM OS DEMAIS...

    ATÉ CONCORDO QUE O PALMEIRAS VACILOU EM ALGUNS JOGOS OS OUTROS TAMBÉM...

     
  • Às 13 de setembro de 2015 15:04 , Anonymous jj disse...

    O SANTOS DEU UMA BELA ARRANCADA NO CAMPEONATO
    E COM MÉRITOS CONCORDO MÁS TEVE TAMBÉM AQUELA
    AJUDAZINHA DISCRETA OU NÃO!!

    PRA CADA JOGO QUE OS GAMBÁS SÃO PREJUDICADOS
    3 VEZES SÃO AJUDADOS.

    O PALMEIRAS TEVE SEU PRIMEIRO PENALIDADE À
    FAVOR JÁ NO FIM DO CAMPEONATO E POR ESSAS E OUTRAS QUE PATINAMOS NAS COMPETIÇÕES

     
  • Às 13 de setembro de 2015 15:39 , Anonymous Nei Verde disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 15:57 , Anonymous VERDE INSUPERAVEL disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 17:08 , Anonymous Edson disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 17:09 , Anonymous JJ disse...


    DIZER QUE O MAURO BETTING SE BENEFICIA DO SEU
    PALMEIRISMO EU DIRIA QUE NEM TANTO QUANTO OS OUTROS SE BENEFICIAM DOS SEUS CÚRINTIANISMO.

    O TITE NÃO É AQUELE QUE PERDEU PRO GUARANI DO PARAGUAI LÁ E CÁ!...

    É FÁCIL SER TREINADOR DOS GAMBÁS COM O FATOR
    EXTRA CAMPO DENTRO E FORA AJUDANDO...

     
  • Às 13 de setembro de 2015 17:11 , Anonymous Jeca Verde disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 17:21 , Anonymous JJJ disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 17:23 , Anonymous JJ disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 17:26 , Anonymous jj disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 17:47 , Anonymous jj disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 18:01 , Anonymous VERDE INSUPERAVEL disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 18:02 , Anonymous VERDE INSUPERAVEL disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 18:06 , Anonymous Roberto disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 18:31 , Anonymous VERDE INSUPERAVEL disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 18:48 , Anonymous VERDE INSUPERAVEL disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 19:12 , Anonymous Luiz disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 19:18 , Anonymous JJ disse...


    VERDE INSUPERÁVEL JÁ TO GOSTANDO DE VOSSA PESSOA SÉRIO! ACHO QUE TEMOS OPINIÕES BEM DEPRECIATIVAS A RESPEITO DESSE LIXO CHAMADO LULA E TODA SUA TRUPE.

    EU ACREDITO E V.C TAMBÉM ACHO! QUE QUANDO O PT CAIR FORA DEVEMOS MELHORAR NOSSA REPUTAÇÃO PERANTE O MUNDO.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 20:01 , Anonymous bloguista disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 20:41 , Anonymous Nei Verde disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 13 de setembro de 2015 20:54 , Anonymous Anônimo disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 14 de setembro de 2015 00:26 , Anonymous VERDE INSUPERAVEL disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 14 de setembro de 2015 00:31 , Anonymous VERDE INSUPERAVEL disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 14 de setembro de 2015 00:41 , Anonymous VERDE INSUPERAVEL disse...

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

     
  • Às 14 de setembro de 2015 01:26 , Anonymous Anônimo disse...

    E mais uma vez a SEP fica de lado por conta de briguinhas infantis.

    Sobre o Zé, ele até que melhorou o condicionamento, embora considere temerária sua escalação na lateral. E não acho o João Paulo essa ruindade toda.

     
  • Às 14 de setembro de 2015 01:33 , Anonymous Anônimo disse...

    Ninguém falou da entrada do Juninho lateral pelo lado catarinense, banco do horrível Celsinho.

    Se estão insatisfeitos, sempre pode ser pior.

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial